junho 30, 2009

>>>>>>>>>>>>>>>> o barco de barro <<<<<<<<<

desafio lúdico: passos voantes
da: Carmen - http://anseiosdaalma-etc.blogspot.com/

a quilha derrete
video
na barra da espera
do meu navegar,
o barco de barro
a quilha derrete
entranhando o mar
de argilas estranhas,
onde segredos barrentos
barrando incertezas
escondem nas águas
o barro que eu sou.
poema-fotos-video:poetaeusou

junho 28, 2009

>>>>>>>>>>>onde será o meu tempo ?<<<<<<<<<


um mar tocado a sudoeste

video

se o passado já findou
e o futuro
ainda não nasceu
o que faço aqui ?
onde será o meu tempo ?
e se eu não existo ?
talvez, não sei ...
só sei,
que estou á deriva
sem passaporte,
na procura do cais
do meu sonhar,
poema-fotos-video:poetaeusou

junho 26, 2009

>>>>>>>>>>>>>>>>>foi o momento<<<<<<<<<<


mar . . . edredão bordado a prata

video

foi o momento
não antes ou depois,
foi o tempo certo
que a tempo inventei,
trajei-me de folhas
e molhos de brilhos
fogachos de sol
alumiando aloés,
vesti o despudor
edredão bordado
cobrindo de insónias
os sonos dormentes
que morrem sozinhas
esquecidas . . . na noite.
poema-fotos-video:poetaeusou

junho 24, 2009

>>>>>>>>>>>>>nas pregas do sal<<<<<<<<<<<


diamantes de pedra em cristal aquoso

video

soluço mergulhos
nas pregas do sal
ritmando as ondas
no cristal aquoso,
rasgadas janelas
de untados salitres
escondem iodos,
bronze desaguado
infiltrando os poros
nos gonzos da pele.
poesia-fotos-video:poetaeusou

junho 22, 2009

>>>>>>>>>>>> asas prenhes de ilusões <<<<<<


olhar doce, em doce mar,

video

nos livros da memória
há poemas desumanos
fantasmas da nostalgia
nos ventos fortes da dor,
há tapetes voadores
asas prenhes de ilusões
espelhos que nos iludem
encastoados de sonhos,
há brisas de incerteza
nas labaredas de sombras
iluminando os espectros ,
folhas ardidas no tempo
em queimados artifícios.
poema-fotos-video:poetaeusou

junho 20, 2009

>>>>>>>>>>>>>>> Solstício do Verão<<<<<<<<<

Sábio Grego Eratóstenes (285 - 194 aC
Solstício do Verão
Dia Internacional dos Relógios de Sol
é a voz do mar
video

o teu hálito
é um figo roxo
suspiros enxutos
molhando os desejos,
é a voz do mar
enrolando guitarras
destinos chorados
ao som da saudade,
é o meu pecado
vileza entranhada
deserto aguado
minha fonte seca,
poema.fotos-video:poetaeusou

junho 18, 2009

>>>>>>>>>>>>> aos ombros da poesia <<<<<<<<<


salmouras, o cheiro a mar

video

escalpelizo emoções
aos ombros da poesia
dissecando labirintos
nas escadas do olhar,
olhos rasados de sonhos
filtrados pelo deus sal
esmagam coados medos
de incontroláveis insânias,
salmouras, o cheiro a mar
restolho de urdidas algas
segregam o meu olfacto
nas fragrâncias renascidas.
poema-fotos-video:poetaeusou

junho 16, 2009

>>>>>>>>>>>>>>>>>>> apetece - me <<<<<<<<<


quero cores violáceas, roxos, lilases, violeta . . .

video

apetece-me
ouvir as flores
vaguear nos jardins
nas noites sem luar
e no escuro breu
pintar suas cores
com pincéis de palavras
nas telas escuras
da imaginação
soletrando poemas
rasos de orvalho
meus sedentos consolos
nas desnudas manhãs
poema-fotos-video:poetaeusou

junho 14, 2009

>>>>>>>>>>>>>>> ao entardecer <<<<<<<<<<<


aos saltinhos pelo chão
recriação da Arte Xávega e Lota dos anos 50

video

mato a sede, sol
na beleza que emanas
fogo de ouro jorrado
no espelho de verde cinza,
transmutando os reflexos
nos ocasos da submissão
socalcos imaginários
entre o sonho e o desejo
caminho interminável
onde não há dia nem noite
e os desafios perdidos
são beijos de marés vivas.

Poema-fotos-video:poetaeusou

junho 11, 2009

>>>>>>>>>>>>>> no mar da ousadia <<<<<<<<<


no mar da ousadia

video

esboço-te
na tela ondeante
as vontades fartas
dos lápis de gestos,
rascunho-te
o cio dos espantos
rituais de fogo
nas células do amor,
alinhavo-te
no mar da ousadia
dilatando as veias
que dentro de mim
desenham prenúncios.
Poema-fotos-video:poetaeusou

junho 09, 2009

>>>>>>>>>>>>>>o teu olhar ria, na ria<<<<<<<<<


o teu olhar, ria na ria.

video

invento palavras
inertes, paradas,
tertúlias do nada
no tempo esquecido,
caóticos desejos
rituais proibidos
tempo desvairado
sombreando o tempo,
cardumes de verbos
reclamando o tempo
tempo naufragado
na penumbra do tempo.
poema-fotos-video:poetaeusou

junho 07, 2009

>>>>>>>>>nas veredas que nos cruzam<<<<<<<


onde grutas sussurrantes

video

murmurei-te
um mar de nuvens
na janela solitária
á meia luz das ameias,
rostos sombrios da noite
prendendo resplendores
nas frestas de céu aberto,
onde grutas sussurrantes
no ventre da terra-mãe,
arremessam claridades
nas veredas que nos cruzam.
Poema-fotos-video:poetaeusou

junho 05, 2009

>>>>>>>>o MAR no Dia Mundial do Ambiente<<<


video
sem ti mar
como poderia viver ?
mar de molhadas cinzas
gotas de cristais sorrisos
ecoando gargalhadas
na barca do meu silencio,
sem ti mar
transvazava de angustia
nos tédios escancarados,
uivos rasgando palavras
em remos desarticulados,
labirintos inquietos
profanando os meus poemas.
poema-fotos-video:poetaeusou

junho 02, 2009

>>>>>>>>>>>>>>>>> dou-te uma flor<<<<<<<<<

















...
videado em Braga

video

como senti o teu sorriso
fundindo o orvalho que ateia
o fogo emblemático das flores,
olha o roupão de riscas coloridas
quadrados de pétalas de ternura
bolinhas de rebentos por abrir
no veludo pigmentado de odores,
repara nas cortinas de espanto
bordados de seiva destemperada
de suplicas matizadas de loucuras,
procurando nas folhas sussurrantes
salpicos de espinhosas fantasias
nos secretos jardins enfeitiçados.

poema-fotos-video:poetaeusou