maio 28, 2012

Anseios . . . Quebrados !



é no ocaso
na viragem do dia
que fervilha em mim
a solidão da noite,
anseios quebrados
pela tua indiferença
e desinteresse cruel,
a razão
das minhas frustrações
malogros agregados
ás constantes nostalgias
amargas decepções
do tudo . . . que não me deste !
poema-fotos-video:poetaeusou

maio 21, 2012

quero ser o mar !

            gaivotas pairando
és uma flor ?
quero ser o mar
não quero partir
porque não há chegada,
a ponte do sonho caiu,
e, sem margens,
atravesso o suor
das gaivotas pairando,
pétalas de sorrisos
sugam-me os lábios
salpicando o vento
que me interpela,
és uma flor ?
não, não sou,
quero ser o mar
e sentir o seu vibrar,
simplesmente !
poema e fotos:poetaeusou

maio 14, 2012

Porém . . . digo - te !




entende amor,
não desisti,
afastei-me,
porque te amo,
e quando se ama,
não se “estorva”,
solitária ou não,
pouco importa,
apenas quero-te feliz,
porém, digo-te,
se quiseres,
serei a tua vida
o teu mar imenso
o barco a ti preso
no cais do teu colo
maré de poemas
ardente poalha
enérgico farol,
e,
no cais, á tua espera,
serei o teu sol ,
sabes porquê ?
não quero ser uma quimera,
desejo apenas ser, a tua realidade !
palavras/fotos:poetaeusou. 

maio 10, 2012

omitindo os barcos ressequidos !!!


ah . . . como gostava
de ter o poder absoluto
e infinito de te convencer !
engendrava,
o modo de terminar
o gosto enfadonho das securas,
inundando-te
de profanadas loucuras,
omitindo os barcos ressequidos
imaculados disfarces semeados
nas marés fertilizadas da memória,
ordenando-te,
que redefinisses o meu norte,
na agulha dos vazios invertidos,
libertando os enganos da mudança
na luz que és em mim, o meu destino !
Palavras e fotos:poetaeusou

maio 02, 2012

divino ocaso !

avermelhado sol

 sol, ofuscado !


video

entardecido mar
*****
encerro a tarde
nas cortinas escarlates
derramando esplendores
no vermelhão do ocaso,
espero a noite
afogueando murmúrios
lingeries inflamadas
entre sedas escaldantes,
sinto o vulcão
do sol-pôr abrasador
chispando erupções
centelhas aprisionadas
no mercúrio dos amores.
poema-fotos e video:poetaeusou.