junho 04, 2013

PORQUE NÃO QUERES ACREDITAR .

nas dunas dos meus suspiros
duno os meus passos
nas escoras dos odores
desnudando preconceitos
que me atrofiam a mente,
eu quero renascer
na duna dos meus suspiros
prado de memórias vivas
entre as marés e a seiva,
eu sou a espécie comum
planta da heroicidade
arrojando ter nascido
nas areias salinadas,
selvagem sem ser agreste
contrapondo aos espinhos
do olhar com que me fitas,
porque não queres acreditar
que o cardo que vês em mim,
não, não é flor de jardim,
mas tem a força de te amar !
poema e fotos:poetaeusou

28 comentários:

Filó disse...

Dunas de areia salinadas...
Verdadeiros jardins de catos e cardos, que florescem com a força do Amor...
Poeta que Lindo!

Beijinho

helia disse...


"O cardo que vês em mim,
não, não é flor de jardim,
mas tem a força de te amar !

E que maravilhoso é o Amor !
Lindas a Poesia e as fotos !

São disse...

Se a criatura só vê cardos onde a sensibilidade transparece assim tão à vista desarmada, então não merece os teus suspiros nem salinados nem doces nem de maneira nenhuma!

Amigo, te deixo um enorme abraço com sabor a mar.

Agulheta disse...

Amigo poeta! Que belo é falar de amor nas dunas? Quando o rosto é salpicado de sal,tempos onde se ficava a olhar.
Beijinhos

Andradarte disse...

Tudo é Belo na Natureza.....
Fez-me lembrar a Ilha da Armoma
Abraço

Daniel Costa disse...

Poeta

Perante a feminina flor, talvez possamos comparar os homens a cardos.
Abraços de amizade

Maria Emilia Moreira disse...

Olá Poeta!
Que bem sabe passear por estas dunas onde se sente a brisa marinha e com ela vem até nós a beleza deste poema!
Um abraço.
M. Emília

Duarte disse...

As dunas, que beleza!!! Como inspiram no amor, e na forma de amor...

Areia que arrasta a ventania,
que te embeleza dia a dia,
que te embebe de brisa salina
e de brilhos na hora matutina.
Duna de areia fina e dourada,
por verdes tojos salpicada.

Um abraço bem grande , amigo Zé

poetaeusou . . . disse...

*
Filó
,
será o Amor um Cardo ?
talvez, no mínimo,
o Amor, tem imensos espinhos !
,
um mar de afectos !
deixo-te,
*

poetaeusou . . . disse...

*
hélia
,
os odores das dunas,
tem o gosto a maresia,
onde o cantar da cotovia,
indica o rumo ás brumas !
,
maresias de estima,
deixo,
*


,

poetaeusou . . . disse...

*
SÃO
,
Querida amiga,
,
quando se ama profundamente,
sofrer por amor,
é um etéreo sentido !
,
etérea amizade,
deixo,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Agulheta
,
As Dunas
têm uma missão heróica, em
defesa constante do seu território,
suster o avanço do Mar e vigiar a
mão do homem na Construção selvagem
e no abuso desmesurado do alcatrão.
,
balsamo
de aloés das dunas,
,
deixo,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Andradarte
,
a vegetação das Dunas,
são mais densas, desde a Foz do
Guadiana ate ao Delta (ao tempo)
do Rio Vouga, Aveiro, foi-nos
trazida agarradas nos cascos dos barcos dos nossos Avós Fenícios,da
Mesopotâmia, do martirizado Líbano.
As Dunas há algum tempo, estão
perdendo com a ignorância e a estupidez humana, em especial na
Costa da Caparica e Zona de Aveiro.
Já não há INAG, que nos salve . . .
,
um abraço,
querido amigo,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Daniel
,
e reforço,
não existe flor mais bela,
do que a Mulher Flor,
que são todas as Mulheres,
*
abraço,
deixo,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Maria Emília Moreira
,
As Dunas inspiram,
como dizes,
e todos os Poemas,
são Belos, desde que
escritos com sentimento !
,
um Mar de Amizade,
deixo,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Duarte
,
fiquei sem palavras,
como poderei replicar,
ao teu comentário ?
reduzir-me à insignificância,
da qual sou feito e deixar
aquele abraço de tamanho do Mundo !
*

Fa menor disse...

Que a força de amar
seja sempre a flor merecida do herói!

:)

Bj

poetaeusou . . . disse...

*
Fa menor
,
uma Flor,
é a alma do Amor,
,
conchinhas,
deixo,
*

lita duarte disse...

Lindo poema, Poeta.
Bela foto.

Bjs.

poetaeusou . . . disse...

*
lita duarte
,
o meu cantinho,
encheu-se de Luz,
com a tua visita,
,
marés de Luz,
embrenhadas em maresia,
deixo,
*

may lu disse...

Querido poeta eu gosto de misturar as flores do meu jardim... Nem todas são delicadezas e nem todas são asperezas. Porém cada qual em sua essência tem a sua doçura e para compreender a força de cada uma tem-se que olhar com a alma. E que seja doce os olhos que as vê... Não devemos aceitar nada mais e nada menos que doçuras a assentar em nossos jardins.
Gosto muito de sua sensibilidade com as palavras. Há sempre uma doce harmonia...
Um beijo!!

:.tossan© disse...

Realmente você é o Infinito do Limite e a tua emoção sobrevive a cada palavra. Abraço.

PS: Um Dão? pode ser Messias?

GarçaReal disse...


O renascer é o vislumbre do brilho da alma.
Quando o amor esmorece,a alma empalidece, mas quando renasce para a vida , os cardos viram rosas.

Cada palavra tua é profunda.

Um bom domingo

Em frescos pilipares

Bjgrande do Lago meu amigo

Magia da Inês disse...

¸.•°❤❤⊱彡
De cada nuance da natureza... uma poesia!...
Tu tens muita sensibilidade poética.

Bom domingo!
Boa semana!
Beijinhos do Brasil°º✿♫
°º✿
º° ✿♥ ♫° ·.
¸.•°✿✿⊱彡

poetaeusou . . . disse...

*
may lu,
,
amiga,
,
sabes,
a Flor é Mulher,
o porquê ?
porque nenhum homem, tem
a sensibilidade e poder, de
engendrar a beleza das Pétalas !
,
um mar florido,
deixo
*

poetaeusou . . . disse...

*
tossan©
,
e como as palavras,
são infinitas e sem limite,
vou repensar, ouve, já decidi,
vamos para o Messias,
(Sem o sabor à Pinto da Costa)
srsrsr,
,
abração,
*

poetaeusou . . . disse...

*
GarçaReal
,
Cara amiga,
dou-te,
,
como são belas
as Dunas da vida
apelos do vento
veleiro de caricias
em soltado moinho,
rotações de veludo
velas desfraldadas
na memória dos sonhos !
,
asas de estima,
de gaivotas pilipando,
em acrobacias voando,
sobre o Lago dos encantos,
deixo,
*


poetaeusou . . . disse...

*
Magia da Inês
,
Amiga,
,
não será a Natureza,
a mais bela Poesia ?
srsrsr,
,
um mar de flores,
fica,
*