outubro 03, 2009

>>>>>>>>>>>>>>>congelando alforrias<<<<<<<<<


ontem, á tardinha .

deixem-me deslindar
as minhas utopias
talhando labirintos
no dorso das nortadas,
babilónias rochosas
fincando paliçadas
controlam os escolhos
dos convulsos degredos,
onde as esquinas do medo
congelando alforrias
prolongam espantos
nos silêncios que eu canto.
poema-fotos-video:poetaeusou

50 comentários:

FERNANDA & POEMAS disse...

QUERIDO AMIGO POETA, DELÍCIOSAS FOTOGRAFIAS... ADOREI O POEMA E ESES TEUS VEDIOS SÃO SUBLIMES... ADOREI VOLTAR Á TUA CASA, AMIGO DO CORAÇÃO... ABRAÇO-TE COM MUITO CARINHO E TERNURA,
FERNANDINHA

Sol da meia noite disse...

Utopias a planar por labirintos, ao sabor de ventos, entoando livre canto...

Bem bonita, esta poesia.


Um bom fim de semana e um jinho muito amigo *

Multiolhares disse...

Só nós mesmos podemos desvendar as utopias e descobrir a "verdade" em nós, e o medo é impeditivo ao novo, tem rochas, escolhos,labirintos, medo do escuro que se tem de alcançar

beijos nossos

Delirius disse...

Ah Poeta! Ontem à tardinha o teu Mar estava sereno!... e o teu poema dizendo tanta coisa em tão pouquinhas palavras. Sempre me repito, eu sei, mas... são as palavras que sei dizer :))
E o video de Ana Moura, obrigada por estar aqui! Voz linda, sentir de Fado lindo, bem sentido, poema maravilhoso. Este Fado, amei!...

Beijo.

paula barros disse...

Gostei dessa parte, lindo e sonhador:
"prolongam espantos
nos silêncios que eu canto"

E que sejam plantadas utopias e que a vida possa ser melhor e mais bela, feita as imagens.

f_mg disse...

belas fotos e belos poemas, voltarei aqui com muito prazer.

um abraço

Sonia Schmorantz disse...

Teus poemas sempre são bonitos, mas estes vídeos...são encantadores demais!
Um abraço, ótimo final de semana

FOTOS-SUSY disse...

OLA POETA, BELISSIMAS FOTOS COM UM MAGNIFICO POEMA...SUBLIME AMIGO!!!
VOTOS DE UM BOM FIM DE SEMANA...BEIJOS DE AMIZADE!!!



SUSY

LUZ disse...

ouvi o barulho do teu mar
vi esse sol que ao ir embora reflectia na areia..
deu pa ficar de alma cheia

Beijo e bom fim semana

poetaeusou . . . disse...

*
FERNANDA & POEMAS
,
e o sol espraiou
no meu cantinho
nas asas da Fernandinha . . .
grato amiga,
,
marés de ternura, envio-te,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Sol da meia noite
,
babilónicas quimeras,
nas asas dos libertos ventos,
,
Carinhosos jinos, deixo,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Multiolhares
,
Luna
há medos que são prudência,
em verdade te digo . . .
,
Beijos nossos,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Delirius
,
e quando o sol á tardinha
se esconde na linha
lá longe no mar
nós caímos de joelhos
são novos e velhos
juntos a cantar
Nazaré, Nazaré,
do Mar és Rainha .
lá lá lálá . . .
,
espumosas maresias, deixo,
*

poetaeusou . . . disse...

*
paula barros
,
espantosa Natureza
que tais belezas nos dá,
privilegiados
os que a sabem sorver . . .
,
conchinhas floridas, deixo,
*

poetaeusou . . . disse...

*
f mq
,
A casa é tua,
grato fico,
,
brisas serenas,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Sónia Schmorantz
,
será que mereço
os teus elogios ?
,
Maresias nas asas da amizade, deixo,
*

poetaeusou . . . disse...

*
FOTOS-SUSY
,
amiga
marés serenas
nas asas de uma gaivota,
te envio !
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
LUZ
,
Linda, para ti,
Ainda agora vim do mar
de remar contra a maré
já estou pronto para dançar
o vira da Nazaré,
dancemos com fé
que o vira não cansa
pois na Nazaré
o vira é dança
Nazaré sem vira
é amor sem ciúme
é pura mentira
é fogo sem lume.
,
conchinhas mareantes, deixo,
,
*

Filó disse...

Poeta,

O seu video é SUBLIME...
Impossível ficar indiferente a esse mar com o seu por-do-sol... Minhas utopias quero vive-las de verdade, sem labirintos nem confusões.
Poeta, seu poema é forte e os buzios lançados falam de destino e sorte...alguma coisa irá mudar os nossos destinos

Poeta, um beijinho

mariam disse...

Poetaeusou

fantástica a viagem p'lo seu poemar ... tenho por aqui estado, já não vinha há tanto! é um gosto renovado aqui voltar...

poemas e sons de canto e encanto e as imagens belíssimas (como sempre). parabéns!

um abraço e o meu sorriso :)

Duarte disse...

Como ficou a praia!
Há dias repleta de gente,
que nem as nortadas arredava.
Um ciclo mais...
Que sereno o mar de hoje...
Brilhos que resplandecem.

Um grande abraço amigo Zé

gaivota disse...

mas afinal qqueres tu congelar??? alforrias.... á ó, já nã é percise essas coisas... as fotos "parece" que as conheço! será?
de resto, tude lindeeeeeeeeeeeee
(como o casamento de ontem!)
piliparesssssssssssss e aos miaus, também

RETIRO do ÉDEN disse...

Poeta nazareno,

Belas fotos e vídeo, assim como as palavras, sempre muito fortes cheias de sentimentos.

Forte abraço
Mer

poetaeusou . . . disse...

*
Filó
,
anda ver o sol-pôr
cintilando loucuras
mercúrio escaldante
em esculpidas marés
prenúncios escarlates
prenhe de murmúrios
mergulhando na noite
dos impetuosos êxtases
.
brisas de amizade, deixo,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
mariam
,
miga
também tenho andado
arredio das visitas,
vários afazeres . . .
,
gostei da tua visita,
grato fiquei
,
conchinhas de amizade
envio,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Duarte
,
é . . .
assim feita areal deserto
para enche-la de imaginação
que eu gosto de a ver . . .
,
É pena
a necessidade económica,
e assim sendo durante
três meses cedemos a Nazaré …
,
Duarte
um abraço amigo, deixo,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
gaivota
,
passei o dia no cantinho,
fui á banhoca sete vezes,
a “áuga parecia quéra de vidreee”
,
Pilipares,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
RETIRO do ÉDEN
,
Mer, dou-te
,
mar
embriaga-me
de espuma
meu deus Baco,
espuma em mim
meu analgésico
das dores impostas .
,
conchinhas floridas
,
*

gaivota disse...

tem cautela oh pescador...
as pedras do cantinho podem soltar-se!
bem sei como estva a áuga e o mariiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii
e eu no casório, mas foi altamenteeeeeeeeeeee
pilipares

Lena disse...

Que bom vit até aqui Poeta !
Até da para ouvir falar a moda da Nazaré, tu com a Gaivota...

Então eu aqui ja cheia de frio e tu no banho la no cantinho !!! Comprendo que aja tanta injustiça e desigualdade neste mundo (lol)...

Um beijo !

Lena disse...

Mas olha cuidado com os virus !
parece que teu blog ja apanhou algum, espero que não seja grave..

Beijos

SAM disse...

Haaaaaaa este video é lindo! E do poema fez-se um canto bonito com belas fotos inspiradoras. Neste cenário, mergulhei nas utopias. Sem medo.

Carinhoso beijo

Pó de Estrela disse...

Querido poeta

É só para dizer que estive aqui e que mergulhei no teu canto silencioso.

Um doce pózinho

poetaeusou . . . disse...

*
gaivota
,
Pescador da barca bela,
Onde vais pescar com ela.
Que é tão bela, oh pescador ?
Que e é tão bela, oh pescador?

Não vês que a última estrela
No céu nublado se vela?
Colhe a vela, oh pescador!
colhe a vela, oh pescador!
In – Almeida Garrett
,
Plipares,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Lena
,
Hoje,
A Nazaré encheu de pessoas,
milhares na Marginal e na Praia,
tempo abafado devido ao nevoeiro,
mas quente, muito quente,
o Mar parecia uma piscina . . .
,
conchinhas coloridas, deixo,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Lena
,
Ao contrário da
Presidência da Republica
aqui, qualquer interferência
é logo detectada, acredita,
tem que haver cuidado com
mails manhosos, na duvida
nunca abrir . . .
,
brisas nocturnas, envio,
*

poetaeusou . . . disse...

*
SAM
,
Utopias,
são quimeras decantadas
fantasias mergulhadas
nos sonhos que alimentam
as sussurrantes ilusões
em fontes de ficções
onde jorra a poesia.
,
Jinos mareantes, deixo,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Pó de Estrela
,
Amiga
Fui avisado pelos
pilipares de uma gaivota,
e num golpe de asa
envio-te um mar de carinho.
*

gaivota disse...

e para recordar na voz do nosso alfredo monderrei..........
pescador da barca bela, vai ao mar, mas com cautela, olhó mar, ó pescador...
piliparesssssssssss

poetaeusou . . . disse...

*
gaivota
,
e do Gaivinha
do Brisa do Mar !
,
pilipares, linda,
,
*

Céci disse...

Tudo em sintonia amigo poetaeusou, lindo como sempre.

Bjinhos

Céci

helia disse...

Babilónias rochosas, Barricadas , o Mar sempre belo e um bonito Poema para finalizar, suavizam esta tarde chuvosa de 5 de Outubro...

poetaeusou . . . disse...

*
Céci
,
em sintonia fico
com as tuas palavras,
,
conchinhas coloridas, deixo,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
helia
,
amiga
não sei porquê,
recordei o Hino do Paigc,
,
Canta, irmão
Canta, meu irmão
Que a liberdade é hino
E o homem é certeza.
,
In - A. Cabral,
,
conchinhas deixo,
,
*

gaivota disse...

´´e verdade, o j'quim e os seus fados, aquele almoço que matou muita gente...
lololololol
piliparesssssssssssss

Ana Martins disse...

Caro poeta,
todo o poema está lindo, mas o final está soberbo!

Beijinhos,
Ana Martins

poetaeusou . . . disse...

*
gaivota
,
morremos de saudade
realmente . . .
,
pilipares,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Ana Martins
,
poemas
são palavras,
espraiadas nos sentidos,
,
conchinhas de luz, deixo,
,
*

Beatriz disse...

Ola PoetaTuEs...

Pois o som das ondas a rolar na areia junto da musicalidade transmitida pelo cantar das gaivotas, com o tom avermelhado do pôr do sol ...torna a tua praia um sitio encantando para apaixonar qualquer um!!
Sempre belo este teu cantinho!!

Deixo um beijo e o meu sorriso.
Com carinho.
Bea

poetaeusou . . . disse...

*
Beatriz
,
olha as gaivotas !
miragem de espuma
inacabadas maresias
marés interrogativas
dos segredos do mar,
olha as gaivotas !
gramáticas cansadas
de virgulas sem nexo
nos verbos dissolvidos
em naufragados poemas
,
conchinhas floridas, envio,
,
*