março 31, 2009

>>>>>>>>> <<<<<<<<<


DE QUANDO EM VEZ
01-o4-1996 - 13 anos, após chamada do além . . .
,
Apetece-me apanhar o ar do tempo,
tentar apanhar o momento que passa e,
se possível, o vento nas folhas,
IN – MARIO VIEGAS

XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX

Aloés meus amores simplesmente



não te suplico
rosas nem cravos
não quero espinhos
não quero agravos
dá – me só
o que tu és
dá – me a flor
do teu sorriso
no teu odor
a aloés
campos de amor
é o que eu preciso,
poema e fotos:poetaeusou

92 comentários:

LOURO disse...

Amigo Poeta!

Lindas fotos... Bela suplica ao amor!!! Sublime...

Abraço

Lourenço

Multiolhares disse...

Não precisas de suplicar
pois as flores são doadas
pelo universo, e os aloés
adorados pelo nosso olhar
que partilhamos nesses campos de amor .

beijos nossos

Emilio disse...

http://deciloquequierass.blogspot.com/

Good Bloog my friend!! Congratulations!!

good luck!! See you!

Xana disse...

Que esse pedido se concretize poeta !!

beijos meus

utopia das palavras disse...

Floresce
em mim
vermelho
cetim
campo de amor
brilho
da tua cor
rubra paixão
penhasco
de revolução...!

Brilhante, poeta!

Um beijo

Isabel José António disse...

Caro Amigo Poeta,

Ansia de amor permaneces
Eterno ser que quer voar
Fronteiras não estabeleces
Porque não asas para amar?

Querido amigo, que a inspiração nunca o abandone.

Um abraço

José António

paula barros disse...

Você consegue exprimir o amor, o carinho, o querer de forma tão linda.

Fico aqui parada pensando, olhando a foto.

beijo na alma.

Tatiana disse...

Poeta...
muito lindo a forma como descreveste o amor que precisas.

Suas fotos como sempre um convite a inspiração!

Um beijo carinhoso

Lena disse...

Lindo esses campos de amor
acompanhado pela esta musica..

um beijo, Poeta !

Menina do Rio disse...

Um amor simplesmente feito de encanto! Imagens simplesmente belissimas!

um beijo

Fernanda disse...

Nada é mais belo que o AMOR!
Que esteja sempre presente!

Um abraço

Pitanga Doce disse...

Se podes ter o campo e o mar assim juntinhos, não precisas de mais.

abraços em tarde chuvosa e quente.

FERNANDA & POEMAS disse...

QUERIDO POETA, BELAS PALAVRAS DE AMOR... UM AMOR LINDO PARA UM HOMEM EXTRAORDINÁRIO... QUE DEUS TE PROTEJA SEMPRE ZÉ... TUA AMIGA DO CORAÇÃO,
FERNANDINHA

cristal disse...

Olá Poeta

Belos campos de Amor, belo canto ao Amor!!!
Simplesmente...Fabuloso!
Obrigada.

Abraço amigo

Violeta disse...

campos de amor é o que todos precisamos

Maripa disse...

Toda a ternura de um pedido de amor...com o aroma e a cor do aloés a pintar o sorriso que não pode ser negado.

Abraço amigo,poeta.

Carminda Pinho disse...

Poeta,
e quem, não precisa de amor?
O amor não se pede, o amor dá-se...
:)

Beijos

mundo azul disse...

__________________________________


...com certeza, o amor é suficiente!

Seus poemas me encantam...

Beijos de luz e o meu carinho!

___________________________________

Mariz disse...

Salvé Zé!
E bBem Aventurado serás tu...porque crês!
Que poema ao centro de ti, onde o amor reside e se o deres em toda a sua dimensão farás outros/outra muito feliz.
Que esse amor que dizes "tanto precisar" está aí no teu sentir, na doação em cada verso, na comunhão da partilha!
Era isto que um dia te disse:
Sê! - Apenas!!!

O concerto de Aranjuez vai acompanhando o movimento do éter que se plasma em ti...nela...noutros/as.

Deixo-te um ramos de amores-perfeitos, que certo dia nasceram como que á pressa - depois de os ter salvo de uma valente chuvada e antes de poderem ser espezinhados.
Em 3 dias nasceram viçosos 5 encarnados... côr de sangue.Olhei atónita para eles e disse de mim para MIM:
- Que lindos amores-perfeitos! parecem simbolizar as 5 chagas de Cristo! - A voz interior não se fez esperar e ouvi:
- 5 amores perfeitos...de um Amor Mais que Perfeito! - ao que eu repeti:
-Sim! de um Amor Mais que Perfeito! - e não pude conter as lágrimas.
Penso que esta poesia é a Maior de todas...
portanto deixo-tos aqui simbolicamente e ainda um frasquinho de essência e aproveito para fazer uma cruz,nas costas das tuas mãos...é através das tuas mãos que começa a tua união com o Universo.Com elas tu podes curar, com elas exerces o teu dom de versejar, com elas podes unir-te ao Creador.

Agora vou...sairei do meu retiro quando as minhas cinzas se espalharem no vento.
Deixo-te a minha PAX
Sempre...
MAriz

Mariz disse...

Que o vosso AMOR seja abençoado!
E que eu daqui vos vá vendo a.mar!
Salvé amigos!
MAriz

Sonia Schmorantz disse...

Gostei demais desse teu poema, muito bonito mesmo.
Um abraço

~*Rebeca e Jota Cê *~ disse...

Poeta,

Poucas palavras que dizem muito.

Maravilhosa quarta.

=]

Rebeca

-

gaivota disse...

campos de amor, cheirosos aloés pela ladeira acima, brisas do nosso mar, florido areal de gaivotas meninas...
e aranjuez que toca a alma...
mai nada! menos que ninguém???
essa agora.................
pilipares

Beatriz disse...

Ola Poeta!
Lindas imagens...transbordam luz...calor...carinho...amor!!
Que o teu amor te dê tudo o que mereces...bonito texto...simples ...e diz tudo!!
Deixo um bjo e o meu sorriso.
Bea

poetaeusou . . . disse...

*
LOURO
,
o amor
é um sorriso florescente …
,
Abraço
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Multiolhares
,
Luna
,
aloé em flor
ventado rumor
em olhar de amor,
,
beijos nossos
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Emílio
,
deixo,
um abraço,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Xana
,
é sempre bom sonhar . . .
,
um mar de jinos, envio,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
utopia das palavras
,
é na vertente
do meu olhar
que avisto o mar
minha paixão
na revolução
da utopia que está presente,
,
aventados jinos, envio,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Isabel José António
,
voo nas asas do amor
quem não arrisca não petisca
deixem-me ser egoísta
neste voar inspirador,
,
um abraço,
,
*

FERNANDA & POEMAS disse...

BOA TARDE QUERIDO ZÉ, A PERGUNTA QUE ME FAZES, QUANTO Á MINHA 2ª FOTO, ELA FICA E CHAMA-SE; "PONTA DO ARNEL, NORDESTE DE ILHA DE S. MIGUEL-AÇORES... BEIJINHOS E UM DIA FELIZ,
FERNANDINHA

poetaeusou . . . disse...

*
paula barros
,
quando escrevemos,
o que sentimos
é a verdade que imerge. . .
,
ventos de carinho, envio,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Tatiana
,
quem não precisa de amor,
nas suas várias vertentes ???
,
conchinhas de amizade, deixo,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Lena
,
Lindas
as tuas palavras,
,
raios solares daqui, envio,
,
*

Izinha disse...

Lindas fotos e q seu pedido se torne logo realidade.

bjos prá ti!

R.G. disse...

Poeta,
após uma ausência forçada é sempre bom regressar aqui e comtemplar as tuas fotos e os teus poemas.

Beijo Perdido

GarçaReal disse...

Aloés de flores belas e coloridas
Tu tens plantados em teu poemar
Porque as lágrimas que vertes não são sofridas
Tão sòmente ....
Teus versos sempre com um toque de mar...

Lindooooooooooooo

Sempre tu poeta do mar e do amor

Deixo rastos de cor em teu mundo

Bjgrande do Lago envolto em pilipares para a linda

Chinha disse...

Que bem lembro Mário Viegas...Na altura com Kilas o mau da fita....

Bom resto de semana

Aloés de bjinhos para ti

poetaeusou . . . disse...

*
Menina do Rio,
,
o teu encanto
é a Menina
dos meus . . . olhos,
,
Marés de jinos, envio,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Fernanda
,
nada mais belo
que a tua presença . . . aqui,
,
Serenas conchinhas, envio-te
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Pitanga Doce
,
serenos ventos
em tarde de Primavera,
feita Verão . . .
,
Ventos de paz, envio,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
FERNANDA & POEMAS
,
fernandinha
,
e os aloés,
frequentes nas tuas ilhas,
,
um jinho, envio-te,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
cristal
,
campos de amor,
marés de trigo ondulantes,
e de aloés papoilantes
nas searas de maresias,
,
vagas de amizade, envio,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
violeta
,
que os etéreos ventos
espalhem o amor,
no ar que respiramos . . .
,
conchinhas, deixo,
,
*

rosa dourada/ondina azul disse...

As flores do Aloés, espectáculo!!!

A Homenagem, sempre é bom recordar alguém que admiramos...

Inspiração na Primavera:)))

brisas suaves,deixo,

poetaeusou . . . disse...

*
Maripa
,
A ternura
é uma janela da alma,
,
serenas conchinhas, deixo,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Carminda Pinho
,
deixa-me,
egoísta(ticar)
de quando em vez,
( sorrisos )
,
um jino de respeito,
deixo-te amiga,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
mundo azul
,
canto o mundo,
em azul de carinho
que te envio,
,
amiga
fico grato pela visita,
,
*

tossan disse...

Amor é o quotidiano,
a mensagem dos atos diários,
é regar a flor com pingos finos d'água com a essência da alma. Abraço

poetaeusou . . . disse...

*
Mariz
,
reli com atenção
e como sempre
sorvo as tuas palavras
,
recordei o Homem,
,
eu sou o caminho,
a verdade e a vida.
João 14, 6,
disse Cristo-Homem,
,
o caminho para quem quiser,
a vida para repensar . . .
resta a VERDADE,
só a Verdade, dá Felicidade,
o problema, minha amiga,
é que a Verdade não se isola,
tu sabes que eu sigo dois sentimentos,
a gratidão e a tolerância,
nunca esqueci quem me ajudou
e tolero quem me prejudica,
a Verdade é como o azeite na água,
sabes porquê ???
porque, no mínimo, a verdade
está presente na mente do mentiroso,
ele sabe que mentiu, logo a verdade existe,
e a minha tolerância, leva-me a concluir
com a seguinte citação,
,
Liberdade e tolerância não devem
separar-se da verdade . . .
in-Bento XVI - SYDNEY – 2008,
,
Deixo-te a minha PAX - amiga,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Mariz
,
o amor,
em todas as vertentes,
é sempre abençoado . . .
,
ventos serenos, deixo,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Sonia Schmorantz
,
ruborizado,
fico sempre,
com as tuas palavras
,
conchinhas, deixo,
,
*

Fa menor disse...

Lindas flores de aloés inspiradoras de belas palavras!

Bjs

poetaeusou . . . disse...

*
~*Rebeca e Jota Cê *~
,
Grato,
,
conchinhas serenas,
envio,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
gaivota
,
Na ladeira do sitio
Vejo campos de aloés,
Olho para elas de frente
E para eles de revés
,
Sorrisos, hehehe,
,
Pilipares,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Beatriz
,
sorrisos
transbordantes
de sabias palavras
as tuas,
,
Conchinhas serenas, deixo,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
FERNANDA & POEMAS
,
obrigado, amiga,
,
Jinos,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Izinha
,
Um pedido egoísta
de quando em vez . . .
,
Conchinhas, deixo,
,
*

Eduardo Aleixo disse...

Poema simples e muito belo. Adorei. Abraço. Eduardo

Eduardo Aleixo disse...

Duas coisas que com a pressa me esqueci:
- Dizer quão bom é rever-te, amigo Mário Viegas, companheiro de tantos momentos, difíceis de descrever, na tropa, momentos de arte, de poesia e de teatro... Eras grande.
- E também as tuas fotos magníficas, Zé.

Eduardo

poetaeusou . . . disse...

*
R.G,
,
E a luz penetrou
no meu cantinho
com a tua visita,
,
conchinhas, deixo,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
GarçaReal
,
canto o mar
no espraiar das marés
em palavras plantadas
nos floridos poemas,
,
bjis para o RealLago
em pilipares esvoaçantes,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Chinha
,
antes e depois do 25,
o Mário foi o mau da fita …
,
um mar de jinos, para ti,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
rosa dourada/ondina azul
,
aloés
anti-erosão
fixando as areias
das chuvas e ventos,
,
serenas maresias,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
tossan
,
O amor é . . .
indecifrável !!!
,
um abraço
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Fa menor
,
aloés
o corante das arribas,
,
coloridas conchinhas,
dou
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Eduardo Aleixo
,
grato fico,
,
abraço
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Eduardo Aleixo
,
Mário Viegas
com Chaby Pinheiro
e João Vilaret, foi
um dos melhores declamadores
deste País . . .
,
um abraço,
,
*

Duarte disse...

Palavras com talento nas duas composições poéticas.

Nunca está demais render homenagem a quem o mereceu.

Entre verde, e verde,
campos imensos tens.
Que sejam de amor!

Um grande abraço para ti

poetaeusou . . . disse...

*
Duarte
,
talentosas,
são as tuas palavras,
,
um abraço amigo, deixo,
,
*

Lucy disse...

Poeta,

Espero que não leve a mal de eu colocar no meu blog um poema seu. Claro que lhe serão feitas as respectivas referências.
Caso haja inconveniente, por favor diga que o retirarei imediatamente.

Agradecida,
Lucy

01 Abril, 2009 17:47

Ana Martins disse...

Caro Poeta,
fantástico o poema, lindas as imagens!

Beijinhos.

Mari disse...

Mais que saudade de você!
Desculpa minha falta, comecei a trabalhar e agora, estou me acostumando no ritmo!
Precisamos sempre de muito amor, porque o amor é o responsável por espalhar sorriso, flores!
Saudades!!!!!!!!!!

Daniel Costa disse...

Poetaeusou

Nunca será demais recordar Mário Viegas, talvez a maior sensibilidade de declamador, depois do inesquecível João Villaret.
Grande é este teu poema!
Todos o têm sido, mas há sempre algum, que se prefere!
Abraço,
Daniel

Teresa Durães disse...

lindo poema! e as fotos também!

Liar disse...

Quanta Inspiração,

Está lindo poeta, não é preciso ouvir falar de amor, para se acreditar, basta ler e olhar, adoreiiii.

Bjinhos

Céci

gotadevidro disse...

Mas eu gosto de suplicar rosas...

Sou assim....

Meu quintal tem uns alóes. São lindos

Na beleza que aqui sempre encontro deixo

beijinhos

poetaeusou . . . disse...

*
Lucy
,
respondi no post anterior,
reitero que o prazer é meu
e me sinto envaidecido
com a tua atitude,
,
conchinhas de luz
envio
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Ana Martins
,
sempre simpática, Ana,
obrigado,
,
marés de carinho, envio
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Mari
,
a amizade
nunca é saudosa,
mesmo na ausência,
,
gratidão deixo,
e, “irei deixar na tua gratidão”,
,
conchinhas floridas, deixo,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Daniel Costa,
,
o Kilas
feito Rei das Berlengas,
,
um abraço
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Teresa Durães
,
se tu o dizes . . .
srsrsr,
,
Conchinhas
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Liar
,
fui
um pouco egoísta,
porque como diz
a Carminda Pinho
o amor não se pede, dá-se . . .
,
marés de ternura, envio
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
gotadevidro
,
porque não ???
são rosas, senhor, são rosas,
,
um jino, deixo,
*

gaivota disse...

lindoooooooooooooooooooooooo!!!
pilipares

poetaeusou . . . disse...

*
gaivota
,
lindaaaaaaaaaaa!!!
,
pilipares,
,
*

Dulcineia (Lília) disse...

Uma bonita homenagem...
Porque a memória nos prega partidas.

E, gente como o MV, faz muita falta...

Adorei as fotos de campo de amor

Sorrisos do Arco,
Lília

Marlene Maravilha disse...

A beleza das fotos, e o amor da poesia, realmente nao é preciso mais nada!! Está completo!
Obrigada amigo poeta, pela palavra no meu blog! Fico sempre muito feliz com a tua presenca!
Um feliz final de semana!
beijo

Juani disse...

una, dos y tres las que quieras yo te doy
saluditos

poetaeusou . . . disse...

*
Dulcineia (Lília)
,
no campo da memória,
sorriem os aloés,
que fazem a nossa história,
,
conchinhas teatrais, envio,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Marlene Maravilha
,
em renovada amizade.
deixo-te a minha paz,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Juani
,
basta-me
um sorriso de amizade,
,
sloés sorridentes, dou,
,
*