novembro 17, 2008

>>>>>>>>>>>>>> que num supor<<<<<<<<<


pairo
como pássaro voador,
na voz do silencio
que eu canto
na deserta praia,
coberta
de manto dourado,
suspenso
em aquietado sonho,
que num supor,
mergulha
nas pregas do mar,
buscando na maré vazia
a onda que partiu,
não, não fugiu,
caiu . . . no vento
poema-fotos-video:poetaeusou

48 comentários:

gaivota disse...

estas fotos de marrrrrrrrr
tal pássaro voador de canto em canto, procura uma migalha esquecida por uma gaivota...
no vai vem da 7ª onda do coração da "menher da praia"
piliparessssssssss

Oliva verde disse...

As imagens, as palavras, o sentir ficam na memória por tão belas serem!
Beijinhos

Maripa disse...

Sequioso de mar ,és praia ,onda ,maresia,a buscar nas marés o sonho de cada dia...

Abraço amigo,poeta.

Carminda Pinho disse...

Poeta, que imagens tão lindas, e límpidas colheste.
Suponho que o realizador, também aparece no filme, certo? :)))

Beijos

Lena disse...

Depois de um mergulho aqui...e que mergulho !
vou ir mergulhar no outro mundo, aquele que é o meu....
o mar estava sereno, calmo...lindo.

um dia bom poeta

beijinhos

daniel disse...

Poetaeusou

Sempre mar à vista, para a boa poesia inspirar!
Um Abraço,
Daniel

poetaeusou . . . disse...

*
gaivota
,
maré vaza,
vazia com a lua,
fui, quase, á Prainha, pela areia,
hoje, está um dia de primaveril,
17º a esta hora . . .
,
pilipares
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
oliva verde
,
grato, amiga,
,
tenho andado arredado
dos comentários irei actualizá-los,
a partir de hoje,
,
serenas conchinhas, te envio,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
maripa
,
sôfrego de mar
mergulho
nas vagas do dia a dia,
na desgarrada do tempo,
misturando o pilipar
com o cantar da cotovia,
entre a brisa e a maresia . . .
,
aquietadas conchinhas, deixo,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
carminda pinho
,
sou um, daqueles, que respeitam,
a mãe-natureza e ela proporciona
instantes mágicos, que nos dão o
máximo prazer, no escrever, no
olhar, no instantar. . .
,
é ... “ em contra-sol” aparece o
realizador de trazer por casa, a quem Steven Spielberg muito deve,
,
conchinhas solarengas, envio,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
lena
,
do cantinho, fui pela areia, entre as
rochas até ao meio do promontório,
uma maré-baixa de lua cheia . . .
,
pois . . .
mergulhos do outro mundo, aqui,
a contrastar com os reais mergulhos
da vida . . . que necessários, são . . .
,
jinos de iodo, te envio . . .
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
daniel
,
o mar é um poema, amigo,
,
um abraço, deixo,
,
*

Paula Raposo disse...

Não consegui ver o video, diz que está 'not available'...um poema desencantado foi como o senti. Beijos.

poetaeusou . . . disse...

*
paula
,
é do teu PC,
requisita um Magalhães, menina,
,
há, se eu pudesse gritar
o meu desencanto . . .
,
jinos mareantes,
,
*

Teresa Durães disse...

pássaros soltos voando livremente. Lindas fotos!

poetaeusou . . . disse...

*
Teresa Durães
,
livremente,
suspensos,
,
conchinhas,
,
*

Carla disse...

pairo sobre a beleza das tuas fotos...que o vento trouxe até mim
beijos

poetaeusou . . . disse...

*
carla
,
e nas asas do vento,
te envio,
serenas e coloridas conchinhas,
,
*

Utopia das Palavras disse...

Voei no vento
que soprou
a contento
e me levou...
no seu lamento
no azul fiquei
onde outrora
mergulhei...!

Beijos

Sol da meia noite disse...

Paira a voz do silêncio
por sobre o voo de um pássaro
que em vaza maré procura
algo que nunca perdeu...

Jinhos * *

Chinha disse...

Há estradas convergentes...Que a vida une ou talvez desune....Não sei.....Saberei?

Um voo......No universo.


Ondas que partem....Talvez quebradas em rochas perdidas


bjinhos

poetaeusou . . . disse...

*
utopia das palavras
,
soprou
a aurora
boreal ?
talvez,
num fogo da manha,
mergulhada,
a contente do vento,
,
conchinhas te envio,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
sol da meia noite
,
nada se perde,
quando se ama o mar
imensidão azul,
marés de rotação infinita
passaros do sul,
em rota norteada,
na bussola do meu encanto . . .
,
jinos de tarde solarenta,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Chinha
,
no universo,
há caminhos não andados,
que esperam por alguem . . .
semeando os ferteis pensamentos,
convergentes na amizade, do mar,
,
conchihas deixo,
,
*

LOURO disse...

Olá Amigo Poeta, gostei de toda esta tua postagem...
abraço...
Lourenço

mdsol disse...

Supónhamos então.... rsrsrs

Conchinhas de suposições

:)

Multiolhares disse...

Perente esta beleza , só podemos vê-la em silêncio e deixar a onda deslizar no seu caminho

beijos nossos

poetaeusou . . . disse...

*
LOURO
,
grato amigo,
,
um abraço
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
mdsol
,
presumo que sim,
hehehe,
,
reais conchinhas,
te envio,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
multiolhares
,
onda surfada,
em encantada beleza,
,
beijos nossos
,
*

Rosa Maria disse...

Visitar-te é assim como um matar saudades...

E são tantas!!!

Boa semana

rosa dourada/ondina azul disse...

Esse mar
azul e dourado
tem seu ar inspirador :)))



conchinhas de outono,

poetaeusou . . . disse...

*
Rosa Maria
,
e uma rosada gaivota,
pililipou no seu voar,
aqui . . .
,
brisas nocturnas,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
rosa dourada/ondina azul
,
dourada e
mareada,
inspiração,
,
conchinhas douradas, deixo,
,
*

Marlene Maravilha disse...

Que lindas fotos!
Que belo poema!
As vozes sussurram ao vento!
Deus abencoe!
beijo grande!

Maria P. disse...

"a onda que partiu,
não, não fugiu,
caiu . . . no vento"

Que maravilha...
Gostei das fotos.

Beijinho*m*

Duarte disse...

Maré vasa
que deixa a areia apertada,
preludio
duma longa caminhada.

Saudações de boa amizade

Ana Martins disse...

As fotos sempre lindas, os videos a deixarem o mar entrar em nossas casas e dos poemas nem preciso falar... LINDOS!

Beijinhos

poetaeusou . . . disse...

*
Marlene Maravilha
,
grato amiga,
pela tua habitual simpatia,
,
concinhas de luz,
deixo~te,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Maria P.
,
feliz fiquei
por teres gostado,
,
bj,h,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Duarte
,
advento,
das marés cheias de fado,
olhos rasos de altas vagas,
nas guitarras do mar-alto,
,
um abraço,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Ana Martins
,
gratificado me sinto, amiga,
,
um mar de jinos, deixo-te,
,
*

tossan disse...

Não canso de degustar com os olhos as tuas fotos, são ótimas! Abraço

poetaeusou . . . disse...

*
tossan
,
grato, amigo,
,
abraço
,
*

Gerlane disse...

Um poeta pássaro, que voa sobre um mar de poesia, és tu!


* Beijos, poeta!

* Sei que gostas tanto do mar quanto eu. Por isso, quero te fazer um convite: conhecer a minha praia de poemas.

Eis o link: http://poemarsol.blogspot.com

Papoila disse...

há sempre uma nova onda que vem...
espraia sentimentos.

beijos
BF

poetaeusou . . . disse...

*
Gerlane
,
a poesia voa,
para alem do pensamento,
,
conchinhas de luz, deixo,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Papoila
,
na onda das tuas palavras,
surf os poemas qu passam,
,
brisas coloridas, deixo.
,
*