novembro 14, 2008

>>>>>>>>>>>>>> feita alquimia <<<<<<<<<


Nazaré II

video

a minha teia
da fantasia
anda enredada
com o meu mar,
e na maré-cheia
da poesia,
é envolvida na dicotomia,
feita alquimia
no teu . . . olhar,
poemas-fotos-video:poetaeusou

44 comentários:

FERNANDA & POEMAS disse...

Olá querido Amigo Poeta, belíssimo conjunto da tua postagem... Adorei,
Beijinhos de carinho e ternura,
Fernandinha

Duarte disse...

Que azuis!
Que areias douradas!
Imenso casario...
lá encima, o sitio.

Esta terra cativa-me.

Um forte abraço e o meu agradecimento por mostra-me todas as caras desta linda terra.

GarçaReal disse...

Acho que a tua fantasia e o teu mar são um só pois completam-se.
Ele dá-te a inspiração e tu em troca dás-lhe o teu poemar.

Bjgrande do lago com um pilipar para a voadora

GarçaReal disse...

Belissimas as fotos....Para mim a segunda adorei.

O video espectacular com as escarpas e aquele final de tarde a decorrer.
Muita arte...

bjgrande

Eärwen Tulcakelumë disse...

A teia que se estende
Neste mar que é o teu lar
Seja sempre de sinceros sentires
Que te façam navegar
Nesta perfeita alquimia do olhar...

Deixo aqui gravado este presente nas pérolas incandescentes que te dou.

Eärwen

daniel disse...

Poetaeusou

De facto, também é boa poesia a alquimia de um bom olhar.
Basta olhar a excelência das fotos que ilustram!
Um abraço,
Daniel

gaivota disse...

as cores da nossa praia, são demais!!!
ouve cá mês de agosto, qu'andas tu a fazeriiiiii cá ao sul? só se fôtes à mimosa....
e depois falas assim, em verseeeeeeeeeee
tá bem!
piliparesssssssss

poetaeusou . . . disse...

*
fernanda & poemas
,
grato
,
saudações,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
duarte
.
ouro sobre azul,
assim é, a nazaré,
,
um abraço nazareno,
,
*
*

poetaeusou . . . disse...

*
garçareal
,
a verdadeira
partilha . . .
.
pilipares para o lago,
com um bj, de maresia,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
garçareal
,
saiu amiga, saiu . . .
,
brisas matinais de um dia lindo,
deixo-vos,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Eärwen Tulcakelumë
,
alquimia
da pedra sagrada
da magnum opus
ou a grande obra
navegando sonhos
pedra filosofal
gravada a ouro
por um rei midas perdido,
nos deslumbramentos . . .
,
amplos navegares
em gravada amizade,
deixo-te,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
daniel
,
fotos . . .
na beleza do olhar,
apanhar,
clickar,
e agradecer
á natureza . . .
,
abraço
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
gaivota
,
ando a treinar-me
para a maratona . . .
. . . de 2009 . . .
,
pilipares
,
*

Utopia das Palavras disse...

um olhar poético
amálgama de cor
fantasia da terra
ardor...
mãos de paixão
em gotas
de
amor...!

Beijos poeta

Ausenda

poetaeusou . . . disse...

*
utopia das palavras
,
suave brisa
do olhar
pingo em flor
sem utopia
alquimia
de um sol-pôr
ou no escrevinhar
da . . . poetisa,
,
um lindo mar de jinos,
te envio,
,
*

Lena disse...

Esse mar é lindo demais
não me farto de o olhar, sentir e ver
com esse calmo de Nazaré deserta, parece...não parece...é... um pequeno paraiso
O video da sempre aquele pequeno arrepio, aquela tristeza de estar tão longe...
tu trazes a Nazaré as nossas casas muito bém poeta...

Beijinhos

Paula Raposo disse...

Adorei este teu poema sentido aqui, com o som do mar...muito belo!! Beijos.

Teresa Durães disse...

águas salgas do mar nos olhos do amor

poetaeusou . . . disse...

*
lena
,
bateram á minha porta,
eu perguntei que é
e alguém me respondeu
é o mar da Nazaré,
,
lálálá lá lá lálá
,
jinos,
com um sol de Agosto
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
paula raposo
,
e agradeço,
a tua douta opinião
,
um jino mareado, fica,
,
*

São disse...

Belíssimo, Nazareno, belíssimo.
Feliz fim de semana.

poetaeusou . . . disse...

*
Teresa Durães
,
olhar salgado,
de doce espumas . . .
,
conchinhas
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
São
,
achas ?
grato fico,
,
conchinhas
,
*

LOURO disse...

Olá amigo Poeta,lindas fotos com o dourado das areias da tua querida Nazaré,assim como o poema...gostei...
Bom fim de semana.
Um abraço amigo
Lourenço

poetaeusou . . . disse...

*
LOURO
,
registo com agrado
e muito agradeço,
,
um abraço amigo, deixo,
,
*

Sol da meia noite disse...

No mar enredamos teias...
Onde se prendem fantasias...

Muito bonito este post, amigo.

Jinho *

mariam disse...

Poeta,
poema d'enredos tecido, com com fios de maré debruando os cantos...
a música, muito bonita, não conhecia o grupo!
as imagens e sons do mar são sempre um gosto...

boa fim-de-semana
um abraço e um sorriso :)
mariam

Multiolhares disse...

teias que tecem
o pensamento de quem olha o mar

beijos nossos

Eduardo Aleixo disse...

Simples, mas tão belo.
Bom fim de semana.
Abraço.
EA

Mi disse...

Perdoa-me, mas este post só me faz lembrar "Férias de Verão"... Mas que saudades.

Bom fim-de-semana!

Alquimia Do Amor disse...

Ola poeta!
Adoro a Nazare e adoro a musica que colocaste no blog.
A alquimia supera as comezinhas do dia a dia.
Gostei muito de passar por aqui.
Abracos.

poetaeusou . . . disse...

*
sol da meia noite
,
teias, tramadas de urdiduras,
de enleios do ar,
de enredos de mar,
de intrigas de terra,
,
conchinhas em jinos, deixo,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
mariam
,
palavras envolvidas,
de incondicional beleza,
e que me faz feliz,
,
conchinhas de luz, te envio,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
multiolhares
,
ou será o mar
que nos enleia ?
,
beijos nossos
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
eduardo aleixo
,
grato,
,
bom fim de semana
e um abraço, deixo,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
mi
,
o verão continua por aqui,
e a partir de Março reabre
uma nova época balnear
ou ferias da primavera,
,
conchinhas de amizade,
deixo,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Alquimia Do Amor
,
a nazaré é linda,
,
Sinto ao longe o teu cheiro
Como se fosse um canteiro
Perfumado de mil flores
Nazaré, tu és tão bela
Com essas flores na janela
Ó praia dos meus amores
,
agradecendo a tua visita,
vou visitar o teu cantinho,
,
maresias nocturnas, deixo-te
,
*

cristal disse...

Eis o mar...
Águas refrescantes, límpidas, tranparentes...
Numa eterna dança de ondas e marés...
A areia macia acolhe, aconchega e convida a sentar...
e....
Eis o mar...
Um suave cheiro a maresia paira no ar...
Meus olhos se enchem de azul e de mar...
e....
Vendo o mar... sinto a PAZ...

Poeta

O seu mar feito palavras e imagens... belíssimo como sempre ( sei que me repito...)
Emociona a forma totalmente genuína como partilha a sua Nazaré que tanto ama.
Gostei muito deste Grupo das Terças que não conhecia!
Muito Obrigada
Um Abraço amigo e um fim-de-semana com muita Paz e muita Luz

Filó disse...

Mar , de um olhar feito poesia ..
Mar de boas marés...acredito ...

Poeta

Um abraço amigo

poetaeusou . . . disse...

*
cristal
,
eis a cristal,
tolerante como sempre,
partilhando o meu mar,
um mar que é “mare nostrum”,
eis a cristal,
com os olhos rasos de maresias
em telas de José Malhoa
salgadas por Fernando Pessoa
nas esotéricas poesias
,
etéreas conchinhas, te envio,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
filó
,
marés
teares ondulantes,
de acreditados olhares,
,
suave marulho
ncturno, de mar,
te envio,
,
*

Ana Martins disse...

Caro poeta,
um poema soberbamente belo.

Beijinhos e bom fim de semana

poetaeusou . . . disse...

*
Ana Martins
.
grato, ana,
,
um mar de jinos,
de simpatia, deixo,
,
*