outubro 09, 2008

>>>>>>>>>>>>>>>>>>> M U L H E R <<<<<<<<<


tuas vagas ensinaram-me, mar,
mar-amar, abraço de mulher, colo
mulher dilema, maré em vai e vem
delirante mulher, imaculada nuvem
mulher desejada, na bruma espessa
afagado sorriso, amor, mulher enleio
mulher bálsamo, acariciante murmúrio
incandescentes noites, madura mulher
vária mulher, aconchegada madrugada
maresia mulher, penetrante crepúsculo
mulher paraíso, ardente jardim … mulher,
poema, fotos e vídeo: poetaeusou

50 comentários:

andorinha disse...

Associar a Mulher ao mar, que maior elogio poderia ser feito?
Um beijo para ti.

gaivota disse...

o mar, modelo-mulher
a mulher, modelo de mar...
sete ondas de mar nas sete saias de uma mulher, da praia...
o mar e a mulher completam-se
tu sabes bem, cetineta...
piliparesssssssssssssssssssss

lua prateada disse...

O mar e a mulher ...e sim é verdade que se associam eu pessoalmente como mulher não consigo viver sem ele bem pertinho de mim.
Beijinho prateado

SOL

Filó disse...

POETA

Enleio de palavras, com sabor a maresia
Mar imenso...e bonito..
Um balsamo!
Espalho sorrisos, sou mulher !


Obrigado.

Um abraço,amigo

GarçaReal disse...

Na calada da noite...
Mulher!
Mulher que descreves envolto em tuas vagas, em ondas de rimas em marés calmas,mulher noite, nesta noite de breu.
Mulher pássaro que em voo lento vai repousar em sua cálidas águas.

Assim ela deixa um bjgrande do Lago

Maria Clarinda disse...

E aqui estou mais uma vez perdida no teu mar, nas tuas palavras....
Bom dia ....sabes hoje amanheci a ler-te. Jinhos

gotadevidro disse...

Mulher água, mulher mar

Mulher gota

beijo

Lindas as fotos

Isabel-F. disse...

como sempre ...


foi bom ler-te.


bjs

Eduardo Aleixo disse...

bonito poema à mulher-paraíso
ao mar amar
- onde não se pensa no verbo naufragar.
Abraço.
EA

poetaeusou . . . disse...

*
andorinha
,
mulher marulho,
marejar do olhar,
,
maré de brisas, deixo,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
gaivota
,
mulher cetim,
acetinando o areal,
,
pilipares,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
lua prateada
,
prateada mulher,
lua . . . marés,
em vagas de verdade . . .
,
búzios sonantes
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
filó
,
espalhadas maresias,
bálsamo das palavras.
tuas, minhas, do mar … navegadas,
,
cantigas de mar, deixo-te,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
garçareal
,
á luz do sol,
em vagas ritmadas,
a mulher maré,
espraia aconchegos,
de bálsamos serenos,
nas aquietadas águas
as aguas do lago,
do lagoreal . . .
,
pilipares da gaivota, envio
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
maria clarinda
,
perdida ?
como te podes perder
se eu sou o farol da vida ?
> repara na minha modéstia, srsr<
,
um belo amanhecer, teu.
,
maresias de um dia de Agosto, hoje.
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
gotadevidro
,
mulher redoma
mulher baviera
mulher cristal
mulher vitral
envidraçada gota . . .
,
brisas cristalinas, envio,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
isabel-f.
,
como sempre,
presenteias a tua amizade,
,
marés estilistas, envio-te,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
eduardo aleixo
,
penso, penso . . .
está implícito
na:
mulher dilema, maré em vai e vem,
,
abraço,
,
*

Paula Raposo disse...

Mais um vídeo, fotos e poema magníficos!! Parabéns! Que a inspiração não te falte...beijos.

Sol da meia noite disse...

Mar...

Mulher...


Mistério enrolado em ondas... onde sentires ondulam...


Soberbo post!

Jinho *

poetaeusou . . . disse...

*
Paula Raposo
,
mar, marulhar,
deusa do mar,
anaítis feita sereia,
são as cristalinas musas,
,
jinos
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
sol da meia noite,
,
mulher ondulada,
ninfa em mar de algas
rumorejos de maresias
em aveludadas rochas . . .
,
marés de jinos,
deixo,
,
*

Aiagarb . . disse...

poema escrito no som...
no quebrar das ondas,
embala as letras, constroi palavras
mermuras ideias e fazes musica
cantas a mulher ....

Gostei do poema e lê~lo ao som das ondas sentado em casa?? a cereja no topo do bolo, parabens.

Multiolhares disse...

Porque a mulher pode como o mar
Tranquila ou como um furacão

Beijos nossos

Iana disse...

Amigo poeta, que saudades...
Perdoe-me pela demora, ( mas infelizmente sua amiga rosa nada de melhora) :(

Mas vim deixar o meu carinho de amiga para ti mais uma vez... Olha encontrei nos meus guardados deixarei aqui para ti, com o mesmo carinho de amiga de sempre...


"Mulher
Você que é a razão
dos meus delírios...

Fecho os olhos
e te sinto chegar devagarinho...

E com um beijo apaixonado
vou me prendendo aos teus carinhos...

Mulher que me causa emoção...

É você linda fêmea,
a única que possue
a chave do meu coração"...

Beijos e abraços
muitas flores deixo-te para ti
sua e sempre rosa amiga
Iana!!!

MEU DOCE AMOR disse...

Hummm...

Ai é?

Amanhã chego na primeira vaga da manhã ao areal da Nazaré.Por volta das 7 horas.Agradecia uma manta doce e macia para me aquecer dos salpicos frios da viagem e um capuccino bem quente.

Beijinho doce:)

cristal disse...

Olá Poeta

Porque sou mulher,hoje quero agradecer-lhe,as marés, as ondas de inspiração, as vagas de sensibilidade e maresias de afectividade que transmitem as suas palavras...e imagens também...

As músicas de hoje transportaram-me à infância(vá lá eu entender porquê!) e a um dos sítios mais aconchegantes que tive a sorte de
conhecer...o colo da minha avó materna!!

OBRIGADA amigo.

~~~~Um Abraço imenso como o mar~~~~

poetaeusou . . . disse...

*
Aiagarb
,
é esta imensidão,
que enxergamos,
e que exauridos ficamos
perante a grandeza do mar,
verbo mar, amar, poema em nós,
,
saudações nazarenas,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
multiolhares
,
mulher dilema,
mar raso
mar chão
rabioso
mar ruim
mar . . mar . . . mar . . .
,
beijos nossos
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
iana
,
a força da rosa,
reinará sempre,
,
num douto poema,
extraído
do teu baú da inspiração,
,
gostei,
,
brisas de força
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
meu doce amor
,
espero por ti
em manto de sumaúma,
bordado a raios solares,
e um frugal aperitivo
á base de frutos do mar
caldeirada de lagosta
lavagante na brasa
sapateira gratinada
amêijoas á pescador
lagostins na cataplana
camarão tigre no espeto
frugalíssimo, como vês . . .
,
brisas de mariscos, deixo,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
cristal
,
dou voz aos meus sentimentos,
espraiando justiça,
,
a minha avó materna,
foi minha mãe duas vezes,
dez, cem, mil vezes, talvez , , ,
,
inspiradas conchinhas, deixo,
,
*

Maripa disse...

Mar Mulher
maresia perfume
marés sentir
sal lágrima

Abraço amigo.

Maria Tarot disse...

Como eu adoro o mar!

Iana disse...

Meu amigo Poeta

Que bommm
é sinal que sempre em meu guardados
encontrarei poemas mesmo empuerados
para encantar meu amigo amado...

São textos queridos
simples como a rosa
feitos e guardados com carinhos
para dedicar aos amigos...

Beijusss e obrigada pelas conchinhas de melhoras a essa rosa amiga
estou a sua espera em nosso jardim amigo
Iana!!!

poetaeusou . . . disse...

*
maripa
,
espraiado ciúme
no sal da maresia
vagas de poesia
em mar de perfume
,
brisas perfumadas, deixo,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
maria tarot
,
mar
a carta amiga
tirada,
saída,
,
conchinhas de luz,
deixo-te
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
iana
,
a poesia é eterna
está sempre actualizada
escrita na hora ou guardada
basta que ela seja terna
,
maresias nocturnas
deixo
,
*

Eärwen Tulcakelumë disse...

Beleza de palavras a descrever a doce figura da mulher...que se juntam ao majestoso mar.
Sempre encantas amigo Poeta.

Pérolas incandescentes de mar entrego em tuas mãos.

Com carinho amigo

Eärwen

poetaeusou . . . disse...

*
Eärwen Tulcakelumë
,
encantado fiquei realmente,
com o teu doce comentário.
obrigado, amiga.
,
incandescentes maresias, deixo,
,
*

Duarte disse...

Estaria tempo sem fim
escutando esse som.
A voz oceânica,
do nosso MAR...

Obrigado

Saudações de emoção

Ana disse...

Em cada poema teu está presente a Mulher.
Mesmo quando dela não falas.
Abençoado.

Ah, e todo esse mar, hoje, é meu, está dito.
Não cedo uma gotinha a ninguém.

Abraço, Poeta.

Lena disse...

Hummmm meu cantinho esta mesmo como o deixei
ele não muda
é sempre um prazer em ve-lo
e o video, é como se eu o tivesse a fazer
é mesmo ali onde passo meu tempo

Obrigada a ti poeta...
as ondas naquele dia estão boas, o mar chega as rochas devagarinho...

Beijinhos

Perla disse...

Perdi-me neste mar mulher...

bjs

poetaeusou . . . disse...

*
duarte
,
eu quero mar
mar pessoa
sophia mar
mar redol
brandão mar
marejar, mar marulhar,
,
abraço,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
ana
,
cantar a mulher
´
É louvar
a mãe, filha, avó, neta, irmã, amiga,
é agradecer há
esposa, mulher amor e dor,
á heroína mulher família,
gestora de orçamentos “invisíveis” …
é lutar
pela mulher áfrica ásia, mulher rua,
mulher só, mulher solidão, mulher grades …
é cantar
pietá, afrodite, ninfas e musas da ilusão…
,
cantadas maresias te envio,
,

poetaeusou . . . disse...

*
lena
,
fui fotar o canto esta manhã
existe uma pequena alteração,
está mais areado tampando
algumas rochas
continua belo realmente
,
mareantes conchinhas, deixo,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
perla
,
mulher mar.
do nosso olhar
,
Conchinhas,
,
*

mariam disse...

bem, lendo o seu poema... ainda fico a gostar mais de ser Mulher! Obrigada!

sorrisos :)


ah!mas esqueceu um pormenor, também somos uns "complicómetros" por vezes indecifráveis p'ra vcs H... como diz um amigo meu! :)

poetaeusou . . . disse...

*
mariam
,
como pode a mulher,
ser complicada,
> se as mulheres
têm smpre razão ??? <
,
pilipares de gaivotas,
saudando as mulheres,
,
*