setembro 17, 2008

>>>>>>>>>>>>>>>>>>> tenho fome <<<<<<<<<


tenho fome
da esperança de te ver
recordar as primaveras
florescidas nos teus olhos
que me alimentam a alma
tenho fome
do esvoaçar dos enleios
nos cansados abandonos
cingidos em nós como asas
orvalho de paixão constante
poema e fotos: poetaeusou

58 comentários:

Multiolhares disse...

primaveras de esperança
esvoaçantes de paixão

beijos nossos

Ana disse...

Essa é uma fome difícil de matar.
Mas que, por contraditório que possa parecer, te alimenta a alma.

Abraço

Ana Diniz disse...

Tenho ânsia de viver felicidade
De encontrar na verdade
A estrela dos meus sonhos

Conchas ao luar ;;.,´´
Sereias... a bangunçar
Minhas areias...
Dunas e sonhos.



Poetaeusou,

amo o teu jeito de misturar mar e amor!


Bjos,

Ana.

mariam disse...

~~~~ grande poema ~~~~~~


deixo-lhe uma flor de cerejeira
e um sorriso :)

FERNANDA & POEMAS disse...

Olá meu querido Amigo Poeta, Mantêm a tua mente limpa de qualquer pensamento menos digno!

Só assim conservarás a serenidade a paz, como base da felicidade que chegará a ti...

O corpo é o reflexo da mente, e a mente é o reflexo de nossa alma, que é o nosso verdadeiro eu!

Pensa em coisas nobres e elevadas, e o teu corpo manterá inalterável a saúde, trazendo-te a felicidade que tanto almejas.

»»»»»»»»»»» Tenho Fome«««««««

Ela será saciada, quando encontrares a verdade, procura-a ao nascer do Sol.
Um grande abraço, Amigo!
Fernandinha

Gerlane disse...

Fome de esperança, poeta? Esta é a fome que um poeta com um espírito iluminado, como o teu, nunca sacia.

Abraços te deixo!

GarçaReal disse...

A fome da vida, no esperar da luz, na esperança de momentos eternos transbordantes de um olhar.

Aqui há sempre beleza...

Bjgrande do Lago

Pitanga Doce disse...

Resposta ao post abaixo:
Ainda chega o dia em que lanço a foto tirada ao lado do barco ancorado na praia ou ao lado do farol e vais ver como era fácil me reconhecer. Trazia o sol no olhar e estava uma tarde magnífica e eu não estava sozinha.

abraços do lado de cá da poça

Eärwen Tulcakelumë disse...

Temos fome de harmonia,do amor sincero que arrebata a alma...
Tenho momentos felizes quando leio tuas rimas e vislumbo o "teu mar" em tão lindas fotos.
Sempre agradecendo teu carinho para com o meu mundo.

Pérolas incandescentes de cheiro de mar.

Eärwen

Filó disse...

Amigo Poeta

Enleio de palavras e sentimentos
Assim se fazem Primaveras floridas!

LINDO POEMA

Aquele abraço

Ana Diniz disse...

Obrigada, amigo,

pela sua presença no meu alvorecer!

Beijos,,,

Flores,,,

Cosmo(s),,,

Nebulosas coloridas +++

E diamantes...

Pra vc.


Ana

Teresa Durães disse...

enquanto houver fome, há poesia

Paula Raposo disse...

Gostei deste título!! Também tenho...beijos.

Esmeralda disse...

Poeta, sabes o verdadeiro significado da palavra querer?

Quando queremos, saciamos a fome que nos definha.
Quando queremos, conseguimos ver nos tons laranja, castanho e cinzento o verde da estação primaveril.
Quando queremos, ganhamos asas que para além de nos fazerem pairar, fazem-nos voar…
…voar bem alto no meio dos tais orvalhos de paixão constante.
Quando queremos…
…podemos!

beijocas

rosa dourada/ondina azul disse...

E sede de Mar?


conchinhas,

mdsol disse...

Bem se diz que a privação é inspiradora! "Tenho fomeeeeeeeeeeeee"
Será por isso que és tão inspirado?

:))

São disse...

Há fomes que jamais se saciam, não é?
Beijos marinhos, Nazareno.

Entre "aspas" disse...

Palavras entrelaçadas de sentimentos, na ansia permanete da conquista da verdade...
Bjs Zita

Shadow disse...

E eu tinha fome de ler os teus textos!

Bjs,
Shadow

Sol da meia noite disse...

Inquietante, essa fome...
Perturbadora...

Beijinho, amigo *

poetaeusou . . . disse...

*
multiolhares
,
esperanza, esperanza,
,
beijos nossos
,
*

LOURO disse...

Olá Amigo Poeta, belas fotos e lindo poema, gostei muito,
Um abraço,
Lourenço

poetaeusou . . . disse...

*
Ana diniz
,
é na ânsia da procura
que a verdade se confunde . . .
,
conchinhas
,

*

poetaeusou . . . disse...

*
ana
,
sustentada alma
por contraditória fome . . .
,
conchinhas
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
fernanda & poemas
,
o sol da verdade
no sal da vida . .
.
conchinhas
.
*

poetaeusou . . . disse...

,
*
mariam
,
aceito
a pureza da cerejeira
num sorriso de pureza …
,
conchinhas
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
gerlane
,
insaciável
a fome dos pessoas,
,
conchinhas
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
garçareal
,
eterno olhar,
o dos sentimentos,
,
Conchinhas
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
pitanga doce
,
fico á espera, amiga . . .
,
conchinhas
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Eärwen Tulcakelumë
,
tenho fome
das tuas pérolas . . .
.
conchinhas,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
filo
,
poemas enleados,
nos enleios famintos,
,
conchinhas
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Ana Diniz
,
madrugadas
de obrigações, tenho . . .
,
conchinhas
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
teresa duraes
,
famintos poemados . . .
,
conchinhas
*

poetaeusou . . . disse...

*
paula raposo
,
grato, paulinha . . .
,
Jinos
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Esmeralda
,
amiga
se querer fosse poder,
não havia frustrações . . .
,
conchinhas
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
rosadourada/ondinaazul
,
e mareada sede,
realmente . . .
,
conchinhas
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
mdsol
,
tenho fome
de tudo o que não tenho.
,
conchinhas
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
são
,
ora bem . . . são . . .
,
conchinhas
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
ntre”aspas”
,
ita
a verdade
espelhada nas palavras,
,
conchinhas
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
shadow
,
e eu tinha fome,
as tuas visitas,
,
conchinhas
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
sol da meia noite
,
Intima . . . apenas . . .
,
conchinhas

*

poetaeusou . . . disse...

*
LOURO
,
grato mais uma vez,
,
abraço
,
*

Esmeralda disse...

Poeta, às vezes podemos contornar as frustrações.
Mas tens razão, querer nem sempre é sinónimo de poder.
(Por onde ando, como assim?)
beijocas

Sonhadora... disse...

Adorei...é a fome do amor.

bjuss e lindo dia prá ti!

poetaeusou . . . disse...

*
Esmeralda,
,
amiga
tenho ido ao teu canto,
e não encontro novos posts ...
é só,
,
conchinhas,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Sonhadora
,
amor
que tudo consome,
,
conchinhas
,
*

The Hazy Looker disse...

Paixão é fome, paixão é sede, é espera louca e desmedida.

Belas palavras as tuas.

Um beijo grande.

Rui Caetano disse...

Os dias são o nosso alimento, mas se os olharmos com a vontade de construir a nossa vida em cada nascer do sol...

Duarte disse...

Que susto! Um canhão, imagino que retirado...

Sítios bonitos os que tens ao redor de casa.

"florescidas nos teus olhos
que me alimentam a alma"

Bonito, intenso e profundo...
Prova evidente dessa fome.

Abraço amigo

MEU DOCE AMOR disse...

Mas deixa-me lançar uma semente
Para apaziguar com um sorriso meu
Esse amor tão dormente...

Um beijinho doce para o meu Querido Poeta

MEU DOCE AMOR disse...

COMEMTÁRIO dois pontos

Belo canhão ponto de exclamação

A sério ponto de exclamação E bem apontado ponto de exclamação

Ai tanta emoção rodeada de tanta exclamação ponto de exclamação

:)))))

poetaeusou . . . disse...

*
The Hazy Looker
,
desmedida fome,
em louca sede . . .
,
conchinhas de amizade,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Rui Caetano
,
é isso tudo, amigo,
,
abraço,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Duarte
,
amigo,
foste o unico
que mencionou a foto,
este canhão, como a outra foto,
foi tirada na Irlanda - Dablim,
não te assustes que a Camila
mandou abate-lo ao efectivo.
,
um jino Camila, não leves a mal...
,
abraço
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
MEU DOCE AMOR
,
um sorriso
para apaziguar
tem que se lançar
com algum siso,
,
conchinhas de amizade,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
MEU DOCE AMOR
,
a exclamação,
com ou sem ponto,
posso ser tonto
ou talvez não
serei aéreo ?
eu vou ser sério
grande canhão !!!
,
uma bateria antiaérea,
de respeitos, deixo-te,
,
*

cristal disse...

Olá Poeta

Obrigado por partilhar esta fome....esta paixão constante que que o leva a escrever poemas tão belos...
Poemas que alimentam a alma

Um Abraço verde mar e muitos sorrisos

poetaeusou . . . disse...

*
cristal
,
obrigado
pelas tuas palavras
que me obrigarão
a fazer sempre melhor,
,
conchinhas nocturnas,
,
*