julho 04, 2008

>>>>>>>>>>>>>>>>>>> nuvens <<<<<<<<<


vibro
nas formas suspensas
nuvens vagabundas
salpicando as estrelas
espumas peregrinas
suplicando encontros
renuncias subtraídas
nas esculpidas esperas
poema e fotos: poetaeusou

40 comentários:

gaivota disse...

nuvens?... olha a nha vida...
não tenho tempo para pensar em nuvens!
a procissão ainda vai no adro, aqui e lá... olha as telhassssssssss
nem quero saber de esperas, esculpidas ou nem por isso!
jinhossssssss

mariam disse...

adorei o poema... gosto do céu, de todas-as-cores, das nuvens, dos arco-íris...... das esperas... vibro também!

e hoje tenho que fazer referência (de novo) ás suas fotografias, as deste "post" estão demaissss!
como demais são todas as outras afinal (gosto de fotografia), a "Nazarena" aí ao lado é fantástica...

resto de boa semana
um sorriso :)

tulipa disse...

Olá Poeta

Que bela a tonalidade destas nuvens
em mistura com o fundo,
o céu,
umas vezes mais azul
e outras mais negro.

Por aqui, ofereço cavalos, feira equestre e regata de barcos neste fim de semana.

Beijos.
Bom fim de semana.

Mari disse...

"renúncias subtraídas nas esculpidas esperas"

Renunciei algo outrora que me foi roubado..
Agora espero esquecer no tempo.
Enfim, vida que segue rumo ao novo encontro.
Espero numa nuvem com estrelas.

___________________

Amiga!

Aquela frase me tocou tanto, não encontrei o texto dela, mas vi a figura do Papa bom e fiz meus pedidos, depois se souber, me diz a fonte.
Bjs e bom final de semana.

Carminda Pinho disse...

Poeta,
andas nas nuvens?
Ai quem me dera...era bom sinal:)))

Beijos solarengos

Juani lopes disse...

Es un lugar que a mi de cuando en cuando me gusta visitar.
Que pases un feliz fin de semana
saluditos

as velas ardem ate ao fim disse...

A ultim afoto é divina!

bjo

Ana disse...

Núvens dão azo a toda e qualquer fantasia.
Núvens assim iluminadas, então...

Para quando a exposição de fotografia?

Bom fim de semana e um abraço

poetaeusou . . . disse...

*
gaivota
,
põe uma rede do candil,
em vez das estrelas . . .
,
pilipares
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
mariam
,
nuvens em espera,
de noticias de mim,
deleitado jardim,
regando as quimeras,
,
conchinhas
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
tulipa
,
nuvens
rasadas de lagrimas,
seivas de beleza,
em veias de vida,
salgadas de mar,
,
conchinhas
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
mari
,
a estrela da vida,
espera por ti,
,
promissoras conchinhas, dou-te
,
nota:
Carta Encíclica Pacem in Terris (Sobre a paz de todos os povos), em 11 de Abril de 1963, j. XXIII,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Carminda Pinho
,
pergunto á nuvem que passa,
o que o (platão...???) diz,
disse-me que acabou a "massa"
a este povo infeliz !!!
,
conchinhas sem iva,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Juani lopes
,
nazaré sem vira
é amor sem ciume
é pura mentira
é fogo sem lume,
,
conchinhas
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
as velas ardem ate ao fim
,
fotos
a vida instantada,
,
conchinhas coloridas
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Ana
,
manto cantado,
por água condensada,
de nuvens chamada,
pelo céu navegado,
,
bom fim de semana
recheado de conchinhas
,
*

Oliva verde disse...

A luz difusa, as núvens que pairam eas palavras que fascinam!
Lindo, como sempre!
Beijinhos

gotadevidro disse...

Gostei das nuvens vagabundas...

Elas mostram por vezes imagens que ou queremos ver ou que elas simulam.

Bom Fim de Semana

beijo

Eärwen Tulcakelumë disse...

Palavras lindas e magníficas fotos... meu olhar se perde na beleza deste céu que sempre aqui expões, hoje misturado as nuvens parece em fogo...mas sei que é no mar que encontras a tua mais bela forma de expressão. Obrigado Amigo Poeta por mais uma maravilha.
Tenha certeza que as conchinhas trazem as boas energias que carregas.

Pérolas incandescentes de mar e céu aqui deixo.

Eärwen

poetaeusou . . . disse...

*
Oliva verde
,
luzentas palavras,
de carinho intenso,
as tuas,
fascinam meu ego,
,
conchinhas de gratidão, envio-te
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
gotadevidro
,
nuvens boémias,
procurando a noite,
,
conchinhas ao vento, deixo,
,
*

Som do Silêncio disse...

Gosto tanto de fazer desenhos nas nuvens...

:)

Beijo terno

poetaeusou . . . disse...

*
Eärwen Tulcakelumë
,
estou a ouvir o,
martinho da vila, ofereço-te
,
quem que foi que disse
que amar é tolice não é não
sensação bem maior
do que se pensa
irreverente
ao marcar sua presença
vai e vem
nas marés de muitos tons
toda aquele que acha
nas ondas emoções
do amor que vem
,
conchinhas de luz, dou,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Som do Silêncio
,
desenhos em telas de vento,
jardins de esculpidas nuvens,
em canteiros de maresias,
,
conchinhas,
no silencio dos deuses
,
*

Detalhes disse...

Crio e invento histórias nas nuvens...

Bjs

Iana disse...

Hoje vim deixar um abraço!
Sabe aquele abraço apertadoooo....
de coração.. que não da vontade de largar?!?!?!

Que tudo que estamos sentindo passa até parece que é um remédio?!?
Esse é meu abraço!

Abraço de amiga, de irmã, de carinho, de respeito e de alegria por você ser minha amiga...

Sinta meu carinho mesmo de longe, mesmo que não seja pessoalmente... sinta agora o meu carinho por ti...

Tenha um abençoado fim de semana cheio de pétalas de flores encantadas, coloridas e perfumadas.. sua Doce Rosa amiga

Iana!!! Sempre... beijos e beijos

poetaeusou . . . disse...

*
Detalhes
,
esculpindo
incandescentes estrelas,
,
conchinhas
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Iana
,
as tuas palavras
são abraços de amizade
cantando carinho
semeando flores
petalas multicores
perfumando este cantinho,
,
conchinhas, amigas,
,
*

Marta disse...

As nuvens são algo que me fascina, pois se as virmos com atenção, têm forma, tem movimento, e é fantástico.
Gostei do poema :)

daniel disse...

Poetaeusou

O belo medonho e as palavras condizem um pouco, ajudando a cena.
Daniel

poetaeusou . . . disse...

*
Marta
,
nuvens.
o fascinio do olhar,
,
conchinhas
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
daniel
,
efeitos
constratantes da natureza,
,
abraço,
,
*

Duarte disse...

Ao longe, no limite do mar,
suspensas, imensas, em grandes copos,
levíssimas, imponentes, escuras:
as nuvens...

Bom fim de semana

Pitanga Doce disse...

Vejo nuvens e um farol. Ou já andarei nas nuvens a ver coisas demais?
Ooooolhem! Só eu vi o farol???????

Multiolhares disse...

Nuvens quase sempre vagabundas, chegam e partem sem ninguém as chamar

Beijos nossos

poetaeusou . . . disse...

*
Duarte
,
cálices de amizado, deixo,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Pitanga Doce
,
vislumbraste muito bem,
normal numa especialista
em faróis . . .
,
Conchinhas amigas
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Multiolhares
,
ou
são livres
como os passarinhos,
na gaiola ... hehehe
,
beijos nossos
,
*

Anja Rakas disse...

Olha...fotografastes a minha casa!
Bjs angelicais.

P.S. desculpa a invasão!

poetaeusou . . . disse...

*
Anja Rakas
,
qual é ?
,
aparece este canto é teu,
,
conchinhas
,
*