março 25, 2008

>>>>>>>>> fome de partilha, justiça, amor <<<<


não afrontes a paz
nem a pomba branca,
nega o ramo de oliveira
dos modernos profetas,
desagrava os pombos
ao vento arrulhando
em cantatas de fome
nas janelas do tempo,
procurando a semente
das candentes espigas
em estreladas searas,
germinando meteoritos
lacrimantes de esperança
poema, fotos e vídeo: poetaeusou

24 comentários:

GarçaReal disse...

Amor, paz ,justiça.
A procura do equibrio que está tão desiquilibrado.
A procura da pomba branca que voa tão ténue em horizonte distante.

Bjgrande do lago

gaivota disse...

ai esses pombos que tão conheço...
eles gostam de ti e de quem mais lhe dá esse pãozinho meio esfarelado, pode ser mesmo daí, do fagota...
são a imagem da gente, buscam a paz, matam a fome entre uma lágrima pendurada e uma códea de pão que uma mão lhes estendeu
jinhussssssssssss

Sol da meia noite disse...

Mas tantos são os que o fazem... de tantas maneiras... :-(

Xi

multiolhares disse...

A fome paira no ar
Nos gritos dos animais
Na garganta calada de quem já não tem forças
Para lutar, e estamos morrendo de carência
De amor, de dádiva, de compreensão,
Vejo na rua caras fechadas, olhos frios, que não olham para o lado para não terem de negar um gesto de amor, e vejo gente pobre, a miséria encoberta de vidas que já tiveram o seu amanhecer com sol, mas ainda assim nas dificuldades travadas diariamente não negam metade de um pão a quem dele precisar.

Beijos nossos

Maria P. disse...

Pomba branca...pomba branca...


Beijinho*m*

Pitanga Doce disse...

Eles gostam mesmo de ti! E as gaivotas? Não ficam com ciúmes? hehe

braços e conheces Emilio Santiago?

Marta disse...

Olá :)
Eu também costumo apreciar os pássaros pela minha janela, por vezes dou migalhas e em segundos são repartidas por pássaros que não chego a entender de onde surgem *.*
Belo Poema, dedicado a eles.
Gostei do teu blog.
Beijinhos

Angel of Light disse...

A paz e O amor formam o grande casal que poderão, certamente, melhorar o mundo onde vivemos.

Já deu para perceber que sou uma guerreira da natureza, uma guerreira do planeta, a que chamaram Terra.

As tuas palavras são, como sempre lindas e tocantes e as imagens uma fonte de inspiração!

Beijinhos cheios de Amor, Paz e Luz!

Maria disse...

"Vemos ouvimos e lemos
Não podemos ignorar....."
é assim, não é?
*******

poetaeusou . . . disse...

*
garçareal
,
para lá do horizonte, amiga,
,
conchinhas
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
gaivota
,
está a cheirar a pão quente,
da, fagota . . .
,
conchinhas
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
sol da meia noite
,
pluritantos,
,
é a vida,
,
conchinhas
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
multiolhares
,
luna
,
povo, povo,
eu te pertenço . . .
,
beijos nossos
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
maria p.
,
perseguida . . .
,
bji
h
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
pitanga
,
as gaivotas ?
querem o divórcio . . .
mais um problema . . .
,
emilio santiago ?
conheço um ligado á renascença,
será ?
,
conchinhas
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Marta
,
na minha opinião,
surgem do jardim da fome,
onde continuam a brotar,
as flores carenciadas,
,
conchinhas de bem-hajas,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Angel of Light
,
continua a caminhada,
há sempre alguem,
que necessita de ti,
,
conchinhas de luz, deixo
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Maria
,
é . . . !!!
,
*

gaivota disse...

fagota, ai a Nazaré...
a catarina o márcio
o celestinoooooooooooooooooooooooo
o scorpio!!! onde é que isto já vai!!!???
dá-lhes um beijo meu e às minhas meninas, toma conta delas que eu já vou....
pedrinhasssssssssssss

Sérgio Figueiredo disse...

Poetaeusou,

agradeço a tua visita ao meu blog e teu comentário.

Começo pelas boas fotografias e bonito video. Os movimentos, os ruídos, a beleza de cenas do quotidiano.

"Poetaeusou" é certeza esclarecida. O Poema é dúvida esbatida. As palavras é sabedoria provada. Os teus poemas são alma rica. Pomba branca é a paz pretendida. A fome... é dos pombos e também dos infelizes humanos.

Amigo, é o prazer de ler os teus poemas que me faz visitar-te e é com eles que aprendo a escrita e a fazer mais uma amizade.

Um Abraço

poetaeusou . . . disse...

*
gaivota
,
o celestino,
no outro lado misterioso,
deve estar a sofrer
com o seu amor verde ...
,
conchinhas
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
sérgio figueiredo
,
grato,
,
condescendente, a tua opinião,
,
a amizade “bloguista” será
cimentada naturalmente,
aliás já começou,
,
abrçs
,
*

Pitanga Doce disse...

Emilio Santiago, o cantor brasileiro com a voz mais doce que há. Olha, vai ao Pitanga que o ouves, pá. hehe

poetaeusou . . . disse...

*
Pitanga Doce
,
vou já lá,
,
quando puderes
põe o sivuca,
não o ouço há 30 anos
,
abçs
,
*