março 26, 2008

>>>>>>>>>>>>>> ai ... se eu pudesse <<<<<<<<


se eu pudesse
ser o teu solfejo
vulcão compassado
musicando a vida
se eu pudesse
ser a aurora boreal
iluminando o amanhecer
das loucas madrugadas
se eu pudesse
ser o relógio do tempo
das infindáveis horas
por mim necessitadas
para mitigar a sede,
que eu tenho de ti
ai . . . se eu pudesse !!!
poemas e fotos: poetaeusou

38 comentários:

Ana Ramon disse...

E por que não podes?
;)
Beijinho grande

Maria disse...

Que fotografias fantásticas!!!!!
Eu sei que são palavras, pois sei que és isso tudo... :))))

*******

gaivota disse...

eh lá fotos lindas...
pelo amor verde, viva o sporting!e um beijo nele...
se eu pudesse que tudo fosse como tu queres, a solfejar pela frente do mar em ténues madrugadas...
mas também eu não posso
e tenho pena!
vou esperandooooooooooooo
pedrinhas

multiolhares disse...

Se eu pudesse….
Ser sereia para todas as noites
Para ti cantar
Se eu pudesse….
Ser brisa suave
Para em ti me enlaçar
Se eu pudesse….
Ser estrela brilhante
Para te guiar
Se eu pudesse …
Ser teu sol
Para tua vida aquecer
Mas só sou um ser humano
Que a vida fez nascer

Beijos nossos

São disse...

Ai..se eu pudesse...tu, Nazareno, farias parte de um livro editado por mim com a poesia de excelentes poetas da blogosfera, ilustrado com as fotos lindas que nos ofereces!!
Búzios sussurrantes.

poetaeusou . . . disse...

*
ana ramon
,
quem sou eu, ana
quem sou eu,
para impor ?
,
conchinhas
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
maria
,
será . . . ?
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
gaivota
,
madruguei com as lindas,
centenas e centenas,
muitas arvéloas, não é usual,
hoje concentraram-se junto ao
estendal do peixe seco,
uma pequena distracção,
das minhas amigas peixeiras e,
mais um paneiro de peixe fica vazio
,
rapinar para comer,
não é pecado, diz o povo . . .
,
conchinhas
,
*

Helena disse...

se eu pudesse...
que de romantismo, poeta !
e que lindas fotos...um sonho !
meu sonho.

Beijinhos

poetaeusou . . . disse...

*
multiolhares
,
luna
,
sereia canta
encanta o mar
no seu marmujar
encanta
o meu desencanto
onda encantada
pelo sol dourada
amada,
farol,
,
beijos nossos
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
são
,
a fotografia
é uma descoberta recente,
a sensibilidade de cada um,
fica patente no clickar,
mas, não tenho duvidas que
as novas tecnologias são a mola real e, como é óbvio, a beleza que nos rodeia, os meus pseudo-poemas dura á décadas,um espólio grande na esperança de um filho ou neta um dia interessar-se,
olha amiga tenho que me antecipar,
o filho formou-se naquelas licenciaturas, que só vêm números e cifrões,
“que sede eu tenho aos economistas
com a excepção de um, claro …”
,
sim, estou a pensar fazer qualquer coisa, na altura convido-te a incluíres um poema ou texto, no meu projecto,
,
conchinhas de amizade
,
*

Isabel-F. disse...

belo poema e fotos fantásticas ...

adoro as tuas fotos ... fico sempre deliciada com elas ...


bjs

poetaeusou . . . disse...

*
helena
,
esta manhã, muito cedo,
fui ao teu canto, encantado,
em cada maré mais assoreado,
hoje vou postar as fotos,
se continua assim, as pedras
ficam tapadas, e toda aquele
amontoado rochoso será uma
extensão da praia,
.
conchinhas,
numa primavera que tarda . . .
,
*

Paula Raposo disse...

Óptimo!! Gostei imenso do poema e das fotos. Há dias assim, em que se eu pudesse, eu até estaria aí...beijinhos.

poetaeusou . . . disse...

*
Isabel-F.
,
nada de espantar, amiga,
tudo ao alcance
de um toque digital,
e ao olharmos em redor,
“poetar” é facílimo,
,
tu és o oposto,
és a criação técnica e cientifica,
banhada pela ondas de sensibilidade
que te cobrem, expressas nos
trabalhos que apresentas nos blogs.
,
conchinhas coloridas
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
paula raposo
,
paulinha
,
se o dizes, hehe
,
menina,
trata do fisco
dos teus clientes,
olha que,
os prazos limite, estão aí,
,
há muitas isenções, este ano ?
,
conchinhas "murais"
,
*

gaivota disse...

não é pecado não senhor, foi a Ana a Francelina... se andasse por aí até "aplaudia"...
lindas, as minhas meninas!
mas é do tempe, amig', elas andem tontas e esfomeadas, tá frio e vento e chuva, tadinhas...
bjus

Maria P. disse...

Sempre os "se,se" pontes entre o "não e o "sim".

Beijinho*m*

poetaeusou . . . disse...

*
gaivotas
,
são pescados meus . . .
,
pilipares
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Maria P.
,
if, if, if,
-(Kipling)-
,
bji
h,
.
*

Teresa Durães disse...

se pudesses, lá se iam os poemas ao amor não consumado

poetaeusou . . . disse...

*
Teresa Durães
,
É isso,
consumado,
nesta vida de consumo,
que me consome . . . hehehe
,
Conchinhas, consumistas,
deixo,
,
*

R.G. disse...

"Se eu pudesse...
só não faria
o que não pudesse"

Beijo Perdido

Sol da meia noite disse...

Há quem diga que querer é poder... mas é questionável.
Sentimo-nos impotentes face a tanto do que queremos...

Jinho

Iana disse...

Hummm... essas fotos estão demais e o pensamento maravilhos... Parabéns!!!


Não tenha medo de ser feliz...
Entregue-se para a magia que é viver...
Aproveite cada minuto e cada momento, como se fosse único!

E mais que tudo, nunca deixe que as decepções o façam desistir!!!

Milhões de beijos doces a ti cm carinho
Iana!!!

rosa dourada/ondina azul disse...

Se eu pudesse,
numa onda iria,
até à terra do nunca
para o meu sonho realizar...


Beijinho,

Pitanga Doce disse...

Ah, seu eu pudesse...pegava um avião e atravessava essas nuvens.

abraços

poetaeusou . . . disse...

*
R.G.
*
glorifico,
a tua opinião,
,
conchinhas coloridas
,
*

Gotika disse...

Se eu pudesse...
Levava te nas minhas asas!
Te mostrava o arco íris, onde as suas cores falam do amor...
Se eu pudesse...
Iriamos na montanha mais alta ...
E de lá gritariamos ao mundo que o amor é lindo quando abrimos o coração...
Se eu pudesse...
Seria o teu anjo para te guardar!

Desculpa entrar assim,mas...
Não resisti!
Deixo te um beijo com sabor gotiko

poetaeusou . . . disse...

*
sol da meia noite,
,
tudo é questionável, amiga,
como dizes o querer é falível,
e quando o que queremos,
é-nos inacessível ...
,
conchinhas acessíveis,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Iana
,
que sabedoria
que maturidade
,
mágicas palavras
sentidas em mim,
,
viver cada minuto,
como se fosse o ultimo,
é isso . . .
,
conchinhas de iodo,
deixo-te
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
rosa dourada/ondina azul
,
Na crista ondulada
Em cada maré
Neste mar da Nazaré
Espero uma rosa dourada
,
Conchinhas
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Pitanga Doce
,
e podes,
não esqueças de aterrizar,
no aeródromo de Viseu,
,
ficas mais perto,
,
conchinhas de carinho, deixo-te
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Gotika
,
esta casa é tua,
sem janelas,
e de portas escancaradas,
sinto-me,
nos himalaias
no everest
nos andes, o preferido,
,
como é belo sonhar . . .
,
conchinhas de talha barroca, deixo
,
*

Sérgio Figueiredo disse...

Amigo,

"Se eu pudesse"...Sim.
mas...
"Se eu pudesse"...Não.

Ah...Poeta
Ah...Fotógrafo

Um Abraço

poetaeusou . . . disse...

*
Sérgio Figueiredo
,
se eu pudesse ... talvez,
,
abç
,
*

Barqueira disse...

Os inacessíveis são sempre um excelente tema.

:)
Bem escrito: Bjs

poetaeusou . . . disse...

*
Barqueira
,
sempre,
,
torna-se apetecível,
o alto grau de dificuldade,
,
conchinhas
,