setembro 13, 2007

>>>>>>>>> o á s i s <<<<<<<<<


procuro no mar
a branda candura
da cor dos teus olhos
rasos de mergulhos
nas vítreas águas
maresias frondosas
dispersas pelos ventos
nos mágicos rochedos
em manto de conchas
cristais de avidez
em diáfanos olhares
beijos de inconstante sabor
miragem dos meus anseios
oásis nas nossas vagas de amores
poema e fotos de: poetaeusou

34 comentários:

multiolhares disse...

Olhos, mar
Cristais de ternura
Oásis magico
oceano de amor

Beijos nossos

Paula Raposo disse...

Aqui gosto das duas fotografias. Obrigada pela passagem no meu romãs.

Kalinka disse...

Amigo
ofereço-lhe um «Trevo da sorte», todos no Mundo precisamos de sorte.
Venha buscá-lo, é seu.

Sempre que vejo a palavras «Oásis» me recordo do meu passeio na Tunísia, autênticos oásis eu vi, pela 1ª vez, adorei.
Mas, também gosto do teu oásis, no Mar. Belas fotos.

Beijos e abraços.

Um Momento disse...

Procuro no mar serenidade
Tuas palavras mágicas
Tuas imagens encantadas~
Deixo um beijo
(*)

Pitanga disse...

É certo...combinas mais com o mar!

abraços.

PS: o que falta pouco é a volta de "alguém".

Sophiamar disse...

Um oásis!
Procuro no mar a branda candura da tua amizade.Está lá! Na alva espuma das ondas, temperada pela maresia.

Um oceano de beijos...para vós

poetaeusou . . . disse...

*
multiolhares
*
mar de amor
oceanos de oásis
mágica ternura
olhares de cristal
*
beijos daqui
*

poetaeusou . . . disse...

*
paula raposo
,
paulinha
,
há mar e mar,
*
jinos
*

poetaeusou . . . disse...

*
kalinka
*
grato
e
parabens ao teu filho,
*
ji
*

poetaeusou . . . disse...

*
um momento
*
um momento mágico
no teu comentar,
*
beijo
*

poetaeusou . . . disse...

*
pitanga
*
do scolari ???
*
xi
*

poetaeusou . . . disse...

*
sophiamar
*
maresias de ternura
ondas de amizade
em oásis de brandura
*
jinos
*

GarçaReal disse...

Em tua branca candura........Da cor dos teus olhos.......minha Garça arrebata tua gaivota e leva-a em beijos de inconstante sabor.,..........


bjgrande vindo daquele Lago

Um Momento disse...

Sorrindo...
Por tão belas que acabei de ler e muito sentir
Beijo agradecido e muito sentido... em Ti


(*)

MEU DOCE AMOR disse...

Poeta:

bem...esse ritual era um jogo,não?

Mas era uma seca,pois tinha um final gloriosamente triste.

Mas tem movimento.Tem pois.E não era qualquer um que o praticava.Hoje lá temos os do basket.Até é interessante.É o único que ainda gosto de ver-Mas têm que ser muito bons,rápidos...conheci alguém que encestava a partir do meio campo.Era fascinante.Senão é horrível.

Mas e a cavalo?Olha gosto mesmo é do arco e da flecha.E a cavalo(no cavalo mesmo)tebho pena de nunca ter tido oportunidade para isso.

bem,bem...stop.

Lindo poema como sempre.Hoje como estou para me rir sózinha,nem consigo fazer uma quadrazita.

Vai um beijinho doce assim enorme...sem pelota.

Nem pensar em tal.

MEU DOCE AMOR disse...

Pelota do jogo:)claro!

poetaeusou . . . disse...

*
garçareal
*
arrebata o sabor
que os olhos denota
a garça a gaivota
na inconstante cor
*
xi
*

poetaeusou . . . disse...

*
um momento
,
um grato sentir
,
jinos
*

poetaeusou . . . disse...

*
meu doce amor
*
non stop
ao . . .
abstracto
*
ji
*

poetaeusou . . . disse...

*
meu doce amor
*
. . . em jogo . . .
*
xi
*

Sininho disse...

Ora vinha eu a apreciar umas fotos tão bonitas e, sùbitamente, entre as tuas respostas aos comentários... venho dar com o nome do Felipão.
OH DEUS, ATÉ AQUI?
Que mal terei eu feito a Deus?
Já sei. É o castigo do "credo"

Abrç»

as velas ardem ate ao fim disse...

Sabia me tão bem um oasis.

bjinhos e bfs

Jograis e Trovadores disse...

As minhas trovas ficam bem no teu oásis.

Beijos

rosa dourada/ondina azul disse...

Oásis no mar,
Cristais de sal
Verde-mar condensado.

Beijo,

poetaeusou . . . disse...

*
sininho
*
anita
*
falando no felipão,
não se fala no … ão, ão, ão …
*
xi
*

poetaeusou . . . disse...

*
as velas ardem até ao fim
*
e eu que diga . . .
*
jinos
*

poetaeusou . . . disse...

*
jograis e trovadores
*
até nos penhascos,
qual Adamastor ...
versejando Camões,
,
e o que viu o herói ?
que o gigante era um penedo
que tinha a forma de gente
*
bjinos
*

poetaeusou . . . disse...

*
rosa dourada/ondina azul
*
condensado cristal
em verde oásis,
de mar e sal
*
jino
*

astrid disse...

poeta

poesia,poemas

um beijo

poetaeusou . . . disse...

*
astrid
*
um beijo
de poesia em poemas
*

Eärwen Tulcakelumë disse...

Fico sem palavras às vezes para conseguir expresar a beleza do que vejo e leio...então digo apenas um desejo que sei será atendido?: "Que os Anjos da Inspiração sempre te acobertem"

Pérolas incandescentes de carinho.

Eärwen

poetaeusou . . . disse...

*
Eärwen Tulcakelumë
*
que o anjo uriel,
anjo do agradecimento,
te proteja ...
*
conchinhas nazarenas
*

SílviA disse...

Aiii como eu preciso de um oasis.. deserto de preferencia.ihih.

poetaeusou . . . disse...

*
silvia
*
sái um oásis
para a bracara augusta ,,,
*
ji
*