setembro 11, 2007

>>>>>>>>> florida pedra <<<<<<<<<



verde pedregoso
na pedra nascido
da raiz espigado
trazida pelo vento
do tempo aliado
feito verbo amar
a ti confidenciados
suplicando odores
nas matizadas cores
de amores suplicados
poema e foto: poetaeusou

40 comentários:

multiolhares disse...

Pedra dorida cansada do tempo
Flores odores de amores, beijando
As pedras da vida adoçando
Os olhares sentidos no coração

Beijos nossos

Ana Ramon disse...

Depois desta ausência venho encontrar tantos trabalhos novos que tive que parar para ler atentamente os teus bonitos poemas e admirar as belíssimas fotos com que nos presenteias, por mais tempo do que aquele que dispunha. Mas foi uma boa razão para me atrasar nas tarefas. Foi muito bom estar aqui contigo. Um beijinho

Teresa Durães disse...

gostei bastante deste teu poema!

beijos

poetaeusou . . . disse...

*
multiolhares
*
luna
*
verbos nascidos
adoçados
sentidos
suplicados
*
beijos daqui
*

poetaeusou . . . disse...

*
ana ramon
*
és sempre bem vinda á minha casa,
as tuas palavras, irão obrigar-me
a fazer mais e melhor,
e assim sendo,
agradeço as tuas palavras,
*
conchinhas nazarenas
*

poetaeusou . . . disse...

*
teresa durães
*
inferior á tua inquietude
*
xi
*

rosa dourada/ondina azul disse...

Belo poema para envolver
a pedra florida,
já de si emanando beleza !



Beijinhos,

MEU DOCE AMOR disse...

E escorreguei nesse verde pedregoso e caí nos teus braços.O mais interessante é que quero fazer novamente:))))

Beijo doce Lindo Poeta do Mar

MEU DOCE AMOR disse...

Ganas= raiva(s)tipo, sufocar com beijos.

E mais o quê? Estou a pensar...mas hoje não penso, pois não existo.

poetaeusou . . . disse...

*
rosa dourada/ondina azul
*
florida pedra
de beleza emanada
*
jinos
*

poetaeusou . . . disse...

*
meu doce amor
*
gostastiiiiiiii
*
jino
*

poetaeusou . . . disse...

*
meu doce amor
*
não me esganes,
amouriiiiiiiiiiiiiii !!!
*
jinos
*

MEU DOCE AMOR disse...

Atirando-me outra vez e escorregando pela coisa verde.Não sei o nome.

Esganando assim e assim.E prontos.Não tenho culpa de ser desta maneira.

Eärwen Tulcakelumë disse...

Me encanta vir aqui, pelas palavras, pelas fotos...sempre é um belo vôo.
Confidências...e quantas...
Recebo com carinho tuas visitas.

Pérolas incandescentes de flores coloridas.

Eärwen

Pitanga disse...

Caro Poeta, falta pouco, muito pouco!
abraços

Papoila disse...

O verbo amar no verde esperança.

Beijos
BF

Maria P. disse...

E são as pedras que traçam caminhos.

Beijinho*m*

Um Momento disse...

Olha...
Hoje só digo...
Adoro ler o que escreves,
as tuas imagens
O teu espaço
A ti
Um beijo imenso por tão belas partilhas
Fazem-me tão bem
Obrigado
(*)

astrid disse...

Estou certa que têm vida,
que têm ser.
Que bom eu poder dizer
As ondas tocam melodias
E dão sentido aos dias
Astrid

Luz&Amor disse...

De amores suplicados...
Lindo demais, as fotos e o post.
Passando pra deixar beijinhos
Bjs

MEU DOCE AMOR disse...

Passei para deixar um beijinho e dizer que gostei muito das palavras e das fotos.Sobretudo da do coração esculpido na praia.

E para terminar este comentário apenas umas palavras...

Reparei que...

Notei...

Entendi...

...que vou outra vez...

Já está.

MEU DOCE AMOR disse...

Não é o coração esculpido na praia,mas na rocha.

Que coisa!!!!!!

poetaeusou . . . disse...

*
meu doce amor
*
e cada um é como cada qual
*
ji
*

poetaeusou . . . disse...

*
Eärwen Tulcakelumë
*
pilipares de gaivotas
para ti,
*

poetaeusou . . . disse...

*
pitanga
*
as maiores boas-venturas
para o teu rebento
e recordei a alegria que
senti, embora há mais anos,
na licenciatura do meu
,
muitas felicidades para ti,
e um xi, envolto em maresias
*

poetaeusou . . . disse...

*
papoila
*
verde pedra
*
bjinos
*

poetaeusou . . . disse...

*
maria p.
*
trilhos verdejantes
*
jinos
h
*

poetaeusou . . . disse...

*
um momento
*
grato amiga
sabes que eu,
sinto o mesmo,
em relação a ti,
*
conchinhas nazarenas
*

poetaeusou . . . disse...

*
astrid
*
pedras sentidas
melodias
em ondas floridas
*
xi
*

poetaeusou . . . disse...

*
luz&amor
*
marés de maresias
para ti
*
bj
*

poetaeusou . . . disse...

*
meu doce amor
*
entendeste ?
*
jino
*

poetaeusou . . . disse...

*
meu doce amor
*
na rocha ?
*
jino
*

MEU DOCE AMOR disse...

O que aquilo que tem o coração?

...e ninguém és como evidentemente.

Tens recordação do Parafuso?

Beijinho doce

Carminda Pinho disse...

Estas pedras floridas são lindas tal como o são as tuas palavras convertidas em poema.
É um prazer passar por aqui.
Beijinhos

Sophiamar disse...

O verde pedregoso, de esperança vestido, feito verbo amar reabre a estrada da vida rumo à felicidade.
Enamorado pela primeira vez,canta o Eglesias, reenamorado, digo eu.

Beijinhos das cores arco-íris

poetaeusou . . . disse...

*
meu doce amor
*
evidentemente . . .
*
jinos
*

poetaeusou . . . disse...

*
carminda pinho
*
o prazer é meu, amiga
*
pedrinhas para ti
*

poetaeusou . . . disse...

*
sophiamar
*
rumo esverdeado
da amizade
*
beijos de mar
*

astrid disse...

poeta

"de tempo" adiado
feito saudade
sulicando matizes

conchinhas

poetaeusou . . . disse...

*
astrid
*
adiando
saudades
suplicando
felicidades
*
bjinho
*