agosto 05, 2007

»»»»»»»»» ventos de amor «««««««««


meu mar, sereno amor
ondas, mãos silenciosas
travessas, tacteando a pele
transpirados poros, sorvidos
trilhando os dóceis sulcos
vincos de revoltosas vagas
implacáveis estremeceres
de galopantes, ventos de amor
poema e fotos: poetaeusou

30 comentários:

poesiadaspiramides disse...

mar trilhando sereno amor
transportado pelo vento calmo
enleado em estremeceres rubros de paixão
beijos nossos

gasolina disse...

Amor nem sempre sereno.
Tão igual ao mar.

BEI/de MARÉ

Alexandre disse...

Os ventos de amor percorrem todos os sulcos das frestas da vida!!!

Um abraço!!!

A COR DO MAR disse...

as vagas hoje estavam revoltas Poeta?

bj

GarçaReal disse...

Venho do Lago respirar teus "ventos de amor" e em "Implacáveis estremeceres" regresso.

bjgrande e real

MEU DOCE AMOR disse...

Aproveitando uma aragem da tua doce fragância, venho semear,não ventos de amor...mas um vendaval.Peço às vagas que te sorriam, porque com as minhas mãos silenciosas tacteo a tua pele, abraço teu corpo e toco-te com um beijo doce

:)

Eärwen Tulcakelumë disse...

Que os ventos de amor soprem em nossos corações. Belo!

Pérolas incandescentes de amor.

Eärwen

Maria disse...

"meu mar, sereno amor"
...gostei...

Inté

poetaeusou disse...

*
poesiadaspiramides
*
vento enleado
em calmo trilhar
a paixão transportar
vem mar serenado
*
beijos daqui
*

poetaeusou disse...

*
gasolina
*
mar de alegria e dor
mar onde o vento lavra
mar flor da palavra
mar meu sereno amor
*
jinos
*

poetaeusou disse...

*
alexandre
*
aqui chove
e no barlavento ?
,
grato pela visita,
*
abç
*

poetaeusou disse...

*
acordomar
*
serenas lin(d)a
,
espraiando-se
na tua procura
,
i
*

poetaeusou disse...

*
garçareal
*
respirei e
estremeci,
em ti …
,
beijos em conchinhas mil
*

poetaeusou disse...

*
meu doce amor
*
enfrento o vendaval
sentindo o toque das tuas mãos
e os teus beijos feitos vagas altaneiras,
*
o vento derrama a tua fragrância
*
algas em beijos
*

poetaeusou disse...

*
Eärwen Tulcakelumë
,
ventos incandescentes
soprem o belo
em pérolas de amor
,
pedrinhas de iodo
par ti
*
*

poetaeusou disse...

*
Maria
*
bigado
*
inté
*

GarçaReal disse...

Vim espreitar teu estremecimento...
"Tacteando a pele transpirados poros"

bjgrande vindo do Lago

poetaeusou disse...

*
garçareal
*
estremeci
e transpirei
no teu lago mergulhei
não me esqueci
pensei em ti,
*
marés jinos
*

Isabel-F. disse...

"meu mar sereno amor....
"

tb amo muito o mar ... fascina-me...


bjs

poetaeusou disse...

*
filipa-f.
*
amar o mar
ao retornar
o mar amar
*
xi
*

Fernanda e Poemas disse...

Querido Poeta, Belas as fotos.
A minha paixão pelo mar é infinita.
Tal como tu nasci pertinho do mar.
Amor, paixão, sonho.
Sonhar, sonhar, sonhar...
Comigo e contigo sem cessar.

Beijinhos com sabor a mar,

Fernandinha

Pitanga disse...

RECADINHO NO POST ANTERIOR.

abraços

M R disse...

Belas fotos, poema pequeno, forte e bonito!

Abraço

Mário Relvas

Sophiamar disse...

Sopram ventos de amor trazidos pelas revoltosas ondas. São amores tumultuosos que a paixão insufla de tanto desejo alimentar.Ama com volúpia!
Beijinhos

poetaeusou disse...

*
fernanda e poemas
*
sonhar o mar
o mar tornar
o sonho real
ao procurar
no areal
eu não te vi
mas renasci
com o teu sonhar
*
marés de jinos doces
*

poetaeusou disse...

*
pitanga
*
vou já
*
xi
*

poetaeusou disse...

*
mário relvas
*
cabeça erguida
sempre
*
abç
*

poetaeusou disse...

*
sophiamar
*
volúpia, sonhos
de ventos ímpios
insufladas mentes
em tumultos expressa
revoltas azedas
de pecaminosos pensares
*
um beijo regenerador
*

Um Momento disse...

Sopro um beijo,
entre estes ventos
de maresia soprados
(*)

poetaeusou disse...

*
Um Momento
*
recebo os beijos
ente o vagar ... das vagas ...
*
jino
*