abril 19, 2012

mil postagens ............ mil conchinhas............mil beijinhos............mil respeitos............mil obrigados!


sabes, amor,
as vagas do mar
não são ocas
nem o seu quebrar é vazio,
estão cheias de fascínios
delírios magnetizados
que apetece cavalgar,
ai, como eu queria espalhar
nas ondas do teu sentir
o bulício dos instintos,
fazia de ti o meu batel
remando rotas desnudas
com os remos da ansiedade,
e nos socalcos da praia
feitos palcos de enleios
onde se cruzam violinos,
as tuas mãos tacteantes
vagueavam espaventos
desvarios cativantes
salpicando os desatinos !
poema e fotos:poetaeusou

21 comentários:

Lilá(s) disse...

Que venham mais mil...mil obrigados por seres o poeta que és.
Beijinhos

Filó disse...

Vagas de Amor
que quebram nos rochedos,
espalhando sentires que se enleiam e se cruzam no mar de violinos.....

Poeta que lindas fotos que lindo poema e que violinos...

Beijinho de PARABÉNS pela postagem e também pelo ANIVERSÁRIO

Ana Martins disse...

Perfeito, poeta, perfeito e lindo!

Mil postagens, um número bem simpático, fico a aguardar muitas mais.

Beijinho,
Ana Martins

São disse...

Que faças muitas , muitas mil, Amigo!

Um post condiganamente comemorando o feito e eu deslumbrada com as fotos.

Abraço estreito, meu bem

Mar Arável disse...

Palavras luminosas

Ana disse...

Tantas memórias, tantos poemas, tantas imagens ! Obrigada pela beleza !

Um beijo, Poeta *

Maria Emilia Moreira disse...

As palavras têm a força das águas contra os rochedos. Uma bela conjugação de elementos. Maravilha.

BlueShell disse...

..."ai, como eu queria espalhar
nas ondas do teu sentir
o bulício dos instintos,
fazia de ti o meu batel..." Lindíssimo poema e as fotos...uma sequência encantadora! Sente-se o movimento, ouve-se o poder das ondas...
Obrigada, BJ

Perla disse...

E mil mares nunca dantes navegados...
e outros mil ainda por navegar.

Navega poeta. E, não te importes de que lado sopra o vento, à bolina ainda é melhor!

Bjos

helia disse...

Muito lindas as imagens e o Poema é uma maravilha ! O mar está sempre presente !

Sonhadora disse...

Meu querido Poeta

Que venham mais mil, para eu me encantar a ler-te.

deixo um beijinho e desejo um bom fim de semana.

Sonhadora

Ana Isabel disse...

Encanta-me a beleza das imagens poéticas.

Abraço

TITA disse...

Aqui também salpico beleza.Mil obrigados a ti,poeta pelo que de grande e belo nos transmites.Um abraço.

Lilazdavioleta disse...

Espero por mais mil belos poemas , como este , e magníficas fotos , como estas .

Um beijo Poeta

LUZ disse...

Lindíssimo, sensual e sentido poema/palavras, que brotam de um peito desejoso.

Agradeço o seu comentário.

Viva, sempre, mas sempre e aconteça.

Deixo uma luz de esperança.

LUZ disse...

Parabéns por tudo o que seja MIL, afectos, sobretudo.

Luz para os seus dias.

Magia da Inês disse...

♫♫°º
Olá, amigo!
Estou mil vezes encantada... é um dos teus mais lindos poemas com fotografias maravilhosas.
Bom domingo!
Bom início de semana!
Beijinhos.
Brasil.
°º✿
º° ✿¸.•°❤

poetaeusou . . . disse...

*
Companheira(o)s,
querem ABRILHAR ?
,
vão ao meu, vislumbresmeus,
agradeço, com muitas conchinhas !
,
*

Mary disse...

Que imagem linda, sem explicação de tão bela, poema então, maravilhoso.
bjs

elvira carvalho disse...

Parabéns amigo. Mil postagens é mesmo muita coisa. Mil postagens que a julgar pelas que conheço são muito boas. Este poema mesmo é lindo e as fotos que me parecem ser da Nazaré (será?)são maravilhosas.
Um abraço e que venham mais mil. Agora que eu aprendi o caminho desta casa.

Lena disse...

Parabéns Poeta pelos teus post's

queremos mais e sempre

Beijinhos