outubro 28, 2010

.............................. Poemas Cruzeirados ( 2 )

Tunes
Medina
Cartago
(Trapani-Sicilia)

no meu guião
desconheço o autor
do espectador que sou,
soletro a Paz
na sede do meu olhar
solidificando as securas
nos lábios da encruzilhada,
sinto a cultura dos povos
entre verbos fervilhando
sem o ódio das memórias,
Mesquitas cantando Alá
Sinagogas de alma aberta
junto ao Cristo Desnudado,
augurando boas novas !
poema e fotos:poetaeusou

60 comentários:

São disse...

Meu Amigo, sublime este teu post: pela música de fundo, pelo belíssimo poema e mensagem que encerra e pelas estupendas fotografias.

Te agradeço este momento lindo.

Bem hajas!

maria teresa disse...

E assim o vou seguindo, num relato de viagem, revisitando lugares pelos quais já naveguei...

Luis Moreira disse...

Poesia sobre Lisboa, música.pintura.Convite:Amanhã o Estrolabio não abordará os habituais temas - amanhã todo o espaço é para Lisboa. Começamos no primeiro minuto do dia 28 e acabaremos á meia.noite. Durante 24 horas, Lisboa será o nosso tema único,

antonio ganhão disse...

Mas todos desconhecemos o autor, quando muito sentimos o seu apelo.

Fernanda disse...

Querido Poeta!

Trazes novas visões do mundo dessa viagem.
Que bom lê-las em forma de bela poesia.

Beijo

gaivota disse...

onde andaste tu, mê'mor!?!?!?!?!?
amanhã já me contas isse tud'
pilipares

Baila sem peso disse...

Com música em esplendor
soletrando a Paz
com imagem de cor
mostrando Redentor
um poema cruzeirado
com poema cantado
de um espectador
e sua visão audaz
augurando futuro capaz...

sejas bem-vindo, amigo meu
e que a Paz possas trazer
nas entranhas do desejo teu!

tudo igual por estas bandas
cá ando nas minhas "demandas" :)

Um beijinho e desejo de que tenham sido lindas aventuras e te tenham trazido as boas novas cheias de belas venturas!!!

poetaeusou . . . disse...

*
São
,
ruborizado fiquei,
com as tuas palavras,
se eu te agradecer,
é modéstia ou imodéstia ?
srsrsr,
,
olha tenho andado deprimido,
só hoje recebi a bagagem,
a “Brasileirada” TAP, de Lisboa a
Málaga e Volta, deu-nos um Táxi -
- Aéreo, 20 Pessoas numa lata de
conserva a Hélice, do Século XIX .
tinha duas opções ou eu ou as malas.
,
conchinhas, ficam,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
maria teresa
,
notei a presença,
de beijos embrulhados
entre os doces coloridos !
,
conchinhas, ficam,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Luis Moreira
,
Como te Amo Lisboa !
,
Estrolabio, em grande .
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
antonio - o implume
,
é,
apelo
o sentido chamamento . . .
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Fernanda
,
grato amiga,
tu bem sabes, que a poesia
tem a visão das palavras !
,
um mar de estima,
fica,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
gaivota
,
Á Lindaaaa,
ai quando souberes, miga,
as malas foram parar ao Ruanda,
só escapou a tua prendinha . . .
,
pilipares,
,
*

São disse...

Pobrinho amigo meu...mas isso é lá coisa que (te) façam?

Graças a DEus, a mim nunca aconteceu.

Um abraço copm sabor de maresia.

helia disse...

Mesmo em viagem o Poeta continua a dar espaço à Poesia ! Lindíssimas Fotos!

Zélia Guardiano disse...

Poeta amigo
Vê-se logo que a andança lhe fez muito bem!
Aquilo que era já, magnífico, ainda parece-me mais brilhante!
Como isso é possível?
Lindíssimos versos!
Enorme abraço

poetaeusou . . . disse...

*
Baila sem peso
,
para a musica nasci
e vi
que encruzeirei,
naveguei
resguardado
no ardor espelhado
da visão que me desnuda
e muda
falar me faz
que a Paz
predominará
e eternamente reinará !
,
demanda amiga, demanda,
eu estou sempre nesta banda !
,
carinhosas conchinhas,
deixo,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
São
,
olha
sou um “desinfeliz”,
a única prendinha recuperada,
foi a da Gaivota,
chamei a atenção a um alto
funcionário da TAP, perguntou-me,
se ele estava ali para tratar das
bagagens, é claro que respondi
que não sabia, mas tinha a certeza
“que estava ali” para receber o
vencimento pago com o
dinheiro dos contribuintes !
sabes ? deu meia volta e pisgou-se !
,
brisas nocturnas, ficam,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
helia
,
a poesia
é alimentada
por novas inspirações !
,
conchinhas,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Zélia Guardiano
,
nas andanças da poesia,
arquitectam-se os poemas !
,
um mar de carinho,
fica,
,
*

Filó disse...

No guião que retrata a vida, no qual todos somos intervenientes, é bom e reconfortante sentir a Paz de um olhar... transmitida por um "Poetaeusou", através das suas bonitas palavras,fotos e música
Muito bonito,Poeta

Beijinho amigo

Lilá(s) disse...

E assim iremos aguardar o relato das belas férias.
Bem vindo
Bjs

TITA disse...

Amigo,estou certa que a sede de "mais" que te habita jorra da paz que te veste.Não será ela, dom deste Cristo desnudado,Ele próprio Boa-Nova?Um mergulho nesta inquietação sublime.Abraço fica.

MEU DOCE AMOR disse...

Olá:

Se não vier aqui,também nunca sei de ti.

Então foste fazer um cruzeiro pelo Mediterrâneo?E gostaste?

As fotos são bonitas e o poema também.


Beijinho doce

Cildemer disse...

Tudo lindíssimo! Poema e fotos!
É engraçado o telhado na primeira foto. Parece uma boina;o)

***
Beijinhos****

São disse...

Ai, companheiro, tremenda tristeza a que nós chegámos!

Irresponsabilidade e desrespeito, só!

Uma noite serena.

poetaeusou . . . disse...

*
Filó
,
Ia mais longe minha amiga,
neste palco da vida, onde o
Guião é desrespeitado, bom
seria que a Paz, jamais fosse,
um intervalo da guerra !
,
um mar de Paz, deixo,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Lilá(s)
,
certo amiga,
aos poucos irei relatando,
fico grato pela tua recepção .
,
brisas serenas,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
TITA
,
Amiga,
,
e Maria respondeu,
foi quando o segurei em meus braços pela primeira vez e senti se cumprir a promessa de um novo tempo através daquele menino, que
feito Homem, ensinará aos homens a lei maior do amor !
,
conchinhas, deixo,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
MEU DOCE AMOR
,
Desculpa, Meu Doce Amor,
por não te dar conhecimento,
porém era urgentíssimo visitar,
as Ruínas de Cartago e recuando
ás Guerras Púnicas, tentar encontrar
um pouco de Luz ou Alabardas e
Bisarmas, para impedir os infiéis do
F M I, de porém este País a trabalhar !
,
conchinhas de abstenção laboral,
deixo, srsrsr,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Cildemer
,
Boina ? não !
,
Lembra-te do Tá-Mar !
,
Não troques o teu arreto,
Por nenhuma boina de cor,
Um pescador sem barreto
Nunca foi um pescador !
,
são as abóbadas mouriscas,
quase sempre esverdeadas !
,
brisas Nazarenas, deixo,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
São
,
companheira,
,
irresponsabilidade e desrespeito, não,
ele são inimputáveis apenas . . .
,
conchinhas,
,
*

OutrosEncantos disse...

Olá Amigo!
Venho dar-te as boas vindas!
Eu sei..., eu sei..., não precisas ralhar mais..., já devia ter vindo ontem...!
Pronto , desculpa, sim?! :-))

E sim, a tão ansiada paz entre as pessoas, assim nós a soubessemos transmitir tal como a sabemos sentir. Saber ensinar que é uma maneira de estar que faz tão bem...

Par além de vir dar-te um beijo e saber de como foi a tua viajem, venho pedir-te que pegues num carinho que tenho p'ra ti, aqui:

http://meusamigosseusmimosmeusencantos.blogspot.com/

Está bem, eu sei que não gostas destas coisas, mas podes guardá-lo no coração, que é o lugar dos nossos bem quereres, ou seja, dos Amigos! :-)

Abraços!

gota de vidro disse...

Está fantástico este teu post poeta do mar.

Tenho estado um bocado ausente , pois fiquei sem PC

Espero que rua viagem tenha sido de sonho tal como os poemas que escreves.

Bjitos da gota

Duarte disse...

Momentos para arquivar. Boas fotos.

Vejo que o tempo ajudou, isso é bom. No mar e a chover... água por todos os sítios... NÃO!!!

Uma das minhas interpretações preferidas de Ravel... o bolero mais longo, mas impressionante!

Desejo que estejas bem.

Um grande abraço, de boa amizade

Desnuda disse...

Querido poeta,

lindas imagens! O poema é belíssimo!

" soletro a Paz na sede do meu olhar"

Um post perfeito ao som desta bela música. Obrigada.

Carinhoso beijo, amigo.

Anónimo disse...

O amor pode florescer
e dar frutos ou florescer
e perfumar a saudade...

Valquiria Cordeiro

BOM FDS e Beijos Meus!M@ria

Unknown disse...

Um espelho não guarda as coisas refletidas!
E o meu destino é seguir... é seguir para o Mar,
as imagens perdendo no caminho...
Deixa-me fluir, passar, cantar...
toda a tristeza dos rios
é não poderem parar!

Mário Quintana

Belo amanhecer e um FDS abençoado! M@ria

poetaeusou . . . disse...

*
OutrosEncantos
,
grato fico, minha amiga, que
bom seria se uma Pomba Branca,
filtrasse o nosso olhar . . .
,
na raiz do pensamento
guardarei o teu selinho !
obrigado.
,
um mar de Paz, deixo-te
*

poetaeusou . . . disse...

*
gota de vidro
,
Grato Amiga,
,
a viagem foi boa, porém
a mais fraca dos últimos anos,
olha
apanhei uma pneumonia, que foi
da pleura esquerda á hipocondria
passando pelos tímpanos, o médico
que era Português, disse-me que
talvez fosse o fado do Timpanas …
srsrsrsr,
,
Brisas serenas, deixo,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Duarte
,
Quim
Noventa e cinco por cento,
dos turistas eram Andaluzes
75 por cento Senhoras,
é impressionante a ânsia de vida
dos Espanhóis, em especial as
Senhoras , srsrsr !
foi um fartar de musica Espanhola,
até os clássicos ingleses eram
cantados em Castelhano, claro !
*
Abraço,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Desnuda
,
feliz fiquei
com as tuas palavras,
,
conchinhas,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Amor feito Poesia
,
o amor
é o epicentro do mundo !
,
brisas serenas,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
M@ria
,
Como é bom fluir
nas palavras de Quintana
,
Marés de Paz,
deixo,
,
*

tulipa disse...

Meu Amigo,

estou boquiaberta...acredita.

Post sublime!!!
Parabéns.
A música de fundo é divina, eu adoro.

Delicio-me com as belas fotografias. Só lamento não poder ler a descrição dos lugares que nos mostras. Vá, faz lá esse favor.

Bom fim de semana.
Beijinhos deixo.

tulipa disse...

Bem...lendo as respostas que dá aos comentários fui sabendo das últimas:

Tem andado deprimido, porque recebeu a bagagem atrasada e andou por aí até ao Ruanda...
como diz:
a “Brasileirada” TAP, de Lisboa a
Málaga e Volta, deu-nos um Táxi -
- Aéreo, 20 Pessoas numa lata de
conserva a Hélice, do Século XIX .
tinha duas opções ou eu ou as malas

Adorei ver as abóbadas mouriscas,
quase sempre esverdeadas !

Fiquei preocupada ao ler:
a viagem foi boa, porém
a mais fraca dos últimos anos,
apanhei uma pneumonia, que foi
da pleura esquerda á hipocondria
passando pelos tímpanos, o médico
que era Português, disse-me que
talvez fosse o fado do Timpanas...
EXPLIQUE-SE MELHOR...
a sério que apanhou uma pneumonia?

Esta última notícia é o comum em todo o mundo, neste momento não se viaja para lado nenhum do mundo, que não encontremos 98% de espanhóis...Um horror!!!
ELES DOMINAM TUDO.

Noventa e cinco por cento,
dos turistas eram Andaluzes
75 por cento Senhoras,
é impressionante a ânsia de vida
dos Espanhóis, em especial as
Senhoras , srsrsr !
foi um fartar de musica Espanhola,
até os clássicos ingleses eram
cantados em Castelhano, claro...

Maria Rodrigues disse...

Amigo, fotografias lindas um poema maravilhoso.
Tenha um excelente Domingo
beijinhos
Maria

poetaeusou . . . disse...

*
tulipa
,
linda fecha a boca,
podem-te roubar o dente de ouro !
srsrsr.
,
já “botei” a indicação das fotos !
,
conchinhas.
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
tulipa
,
é como dizes . . .
,
sobre o historial médico,
a quem respondi compreende
perfeitamente, mas posso adiantar,
que é uma mera constipação, vivida
por um Genial Hipocondríaco !
srsrsrsr,
,
brisas saudáveis,
ficam,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Maria
,
amiga
sabe bem ler
as tuas palavras,
como te fico reconhecido.
,
marés de estima,
dou-te,
,
*

Laura disse...

É por esses mundos que visitamos
que os homens se ajoelham
orando batendo com a cabeça no chão
rasgando as suas vestes
num qualquer acto de intolerância
e tão depressa como a Deus reverenciam
o seu irmão apedrejam
pelos mesmos pecados
que eles cometeram
e continuarão a cometer...



Um beijinho da laura

São lindas as terras, belo o mar, belíssimas fotos, é tão bom cruzeirar...

Luis disse...

Meu bom Amigo,
Desse cruzeiro deu-nos belas imagens bem enquadradas com os seus bons poemas.Trouxe-nos o interesse por ver novos mundos. Foi uma ideia brilhante que nos cativou a todos nós que o acompanhamos aqui no seu blogue.
Um resto de um bom fim-de-semana e um abraço amigo.

Carmo disse...

Fabulosas fotografia, poeta, acompanhadas de um belo poema.

Beijo e boa semana

Lena disse...

Lindo passeio esse,
que te levou a sitios tão prestigiosos,
cheios de historia...

Um beijo Poeta !

poetaeusou . . . disse...

*
Laura
,
amiga
é a essência humana,
“quem nunca pecou, que
atire a primeira pedra” disse Ele !
,
as marés de tolerância
que iluminem os nossos gestos !
,
conchinhas,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Luis
,
Meu amigo,
,
o mundo de que somos feitos,
no sangue arábe-judaico, que
nos corre nas veias, moço-arabes,
que fomos, Fenícios que seremos
para sempre, em especial nos
povoados junto ao mar, fundados á
sombra do Cedro, símbolo do Líbano !
,
aquele abraço,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Carmo
,
gratificado, fiquei,
,
um mar de estima,
fica,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Lena
,
amiga
o velho Mediterrâneo,
berço de muitas civilizações!
,
conchinhas de mar bravo,
que hoje vou postar,
,
*

Olívia Comparato disse...

Um lindo auguro de paz.
bj grande

poetaeusou . . . disse...

*
Olívia Comparato
,
amiga,
vamos futurar presságios . . .
,
um mar de Paz,
deixo,
,
*