março 24, 2010

------------------------------------chantilly de maré-cheia


os enleios mareantes
flamejam o meu olhar
espumas de renda nívea
confundindo madrepérolas,
olhem o babar das vagas
gotinhas de alva escuma
são mármores por lapidar
nos rendilhados argênteos,
sorvam o sabor marejado
dos doces suspiros de iodo
feitos de claras em castelo
e do açúcar dos teus olhos,
abarquei num mar de natas
num vai e vem aleitado
chantilly de maré-cheia
cobrindo o bolo de areia
onde tu és a cereja .
poema e fotos: poetaeusou

73 comentários:

Isa disse...

Meu Amigo,meu Poeta,como do trivial
se faz Poesia,canção de embalar,algo
diferente e lindo!
Beijo.
isa.

PS:-As fotos,a música...encanto!

a.mar disse...

Obrigada!

Fez-me lembrar os banhos jacuzzi natural ao fim da tarde, na Praia da Vieira!

Um Abraço!

SAM disse...

A visão real e fotográfica é bela e os versos, poeta, enamoram.

Carinhoso beijo.

MM - Lisboa disse...

Que lindo!
Adorei o Chantilly de maré-cheia. Apeteceu-me um bocadinho..

Ana Isabel disse...

..E perante os nossos olhos as imagens sucedem-se numa amálgama de beleza e cor..


Parabéns e um abraço


Ana Isabel

Filó disse...

Poeta, que Mar tão doce nos deixa aqui hoje...
"Suspiros de iodo recheados de chantily, com sabor a leite creme marejado"
Quanta inspiração...fazer do mar e da areia um bolo...recheado de bonitas palavras, escritas e cantadas .
Um poema doce e ternurento!
Muito bonito, Poeta.

Beijinho amigo

Secreta disse...

Fantastica combinação de palavras e imagens :)

poetaeusou . . . disse...

*
Isa
,
Amiga,
a inspiração, tem sempre um
motivo, um mote, uma musa,
ontem no areal a olhar o mar,
aproximou-se uma amiga
com a netinha pela mão
a B. . . tem (7) sete anos, e
quando lhe perguntei se
gostava do Mar, a resposta
deixou-me a sonhar !
gosto muito do Mar, disse,
sabes, o Mar é tão Doce !!!
e doce eu quis que ficasse,
sonhando, claro . . .
,
doces conchinhas,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
a.mar
,
quem compra
sardinha
fresquinha
a saltar,
é da Praia da Vieira,
chegou agora do mar !
,
maresias saltitantes,
ficam,
*

poetaeusou . . . disse...

*
SAM
,
as Marés são livres
e dos escolhos desnudadas .
,
brisas serenas,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
MM - Lisboa
,
uma taça de cristal
irei enviar-te,
nas asas de uma gaivota.
,
prateadas maresias,
deixo,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Ana Isabel
,
proporcionado
pelo meio ambiente
onde estou inserido .
,
um mar de amizade,
envio,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Filó
,
aos olhares adocicados
o Mar é um favo de mel !!!
,
um mar de carinho, deixo,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Secreta
,
Grato amiga
,
adocicadas maresias,
deixo,
,
*

FOTOS-SUSY disse...

OLA POETA, MARAVILHOSO POEMA...AS FOTOS ESTAO MAGNIFICAS...QUE TENHA UMA BOA TARDE AMIGO!!!
BEIJOS DE AMIZADE,


SUSY

Maria L. Bózoli disse...

os enleios mareantes
flamejam o meu olhar

Maravilhoso amigo, texto e imagens.
Beijos de coração prpa coração!!

"Cantinho Poético" disse...

os enleios mareantes
flamejam o meu olhar
espumas de renda nívea
confundindo madrepérolas

Fantástico texto e imagem.
Não me canso em passar por aki.

Abraços M@ria

Andradarte disse...

Maravilha...tanto os versos
como as fotos...
Gostei das legendas...
Abraço

poetaeusou . . . disse...

*
FOTOS-SUSY
,
grato fico,
,
um mar de simpatia
deixo,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Maria L. Bózoli
,
obrigado,
,
marés de jinos,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
"Cantinho Poético"
,
volta sempre,
a casa é tua,
deixa-me dizer-te, que
o teu "Cantinho Poético"
tem anos-luz de distância
do meu humilde espaço .
,
conchinhas mareantes,
deixo,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Andradarte
,
grato amigo,
vindo de ti,
é um Prémio especial !
,
abraço,
,
*

LOURO disse...

Amigo Poeta,
como o mar da tua querida Nazaré,
inspira e te embala nesta tua veia
poética de claras em castelo,num mar de natas e aleitado chentilly...Gostei também das fotos

Abraço,
Lourenço

Lilá(s) disse...

Como me soube bem hoje depois de um dia cansativo, ver o mar, ler a poesia e ouvir Dulce Pontes, obrigada poeta por este lindo momento.

Bjs

cristal disse...

Hum...Delicioso, Poeta!
Tão doce esta maré!
(e muito calórica também srsrsr)

ADOREI!

Fique bem, amigo

Deixo Aquele Abraço e um sorriso primaveril :)

lita duarte disse...

Poeta,

Esse mar é um presente em foto e poema.

Beijos.

Maria disse...

Amigo, quase consegui sentir o cheiro do mar ao ver as fotos e ler o seu poema, divinal.
bjs
Maria

São disse...

Este chantillly de espuma salgada , sorverei sim.

Um graaaande abraço.

Canduxa disse...

amigo,

que lindo este teu mar
cheio de sonhos
com sabor a chantilly
onde nos perdemos.

beijinhos doces

Mariazita disse...

Com as saudades que já tenho do mar, o teu poema caiu que nem sopa no mel!
E as fotos? Maravilhosas! A primeira, do babar das ondas, é espectacular.
Obrigada pelo momento delicioso que aqui passei.

Beijinhos

poetaeusou . . . disse...

*
LOURO
,
é
as doces marés
serenam o areal !
,
conchinhas,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Lilá(s)
,
Dulce Pontes,
canta em laivos de magia,
o mar dos meus encantos,
,
conchinhas, deixo,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
cristal
.
foi em cristal mareante,
que sorvi as tuas palavras,
,
brisas nocturnas,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
lita duarte
,
É nos rastros transparentes,
trilhados no areal . . .
,
cremosas maresias,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Maria
,
sinto esculpido no vento
os cheiros das maresias,
,
um mar de jinos,
deixo,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
São
,
o enlaço das espumas,
são adocicados bordados,
,
serenos marulhos, ficam,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Canduxa
,
Amiga
,
o mar debruado
com as cores do Batel
são favos mel
das marés gerado .
,
Conchinhas nocturnas,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Mariazita
,
se o mar tivesse varandas
fazia-te uma visita
só para te ver Mariazita
e saber com quem tu andas,
srsrsrsrm
(quadra tradicional Nazarena)
- adaptada –
,
brisas serenas, deixo,
*

Dani disse...

nohh!
o mar eh lindo neh
cheio de segredos, enredos, histórias!
amoo²²
humm, vc tirou a foto?
ficou show!
;)

Duarte disse...

Zé, que inspiração!

Reflectindo tenho que dizer, é assim.
Esse mar que borda as margens,
enchendo de beleza o litoral.
Que bem o viste!...
Melhor o descreveste.

Um grande abraço, amigo

Ana disse...

Tão belas as marés de espuma, como o mar das tuas palavras!
Um beijo, Poeta.

neli araujo disse...

Olá, Poeta Amigo!

Sempre que passo por aqui encontro tanta coisa bonita!

Desta vez encontro o poeta bem romântico! :)

Muito lindos teus sentimentos e a forma como os coloca no poema!

beijinhos,

Neli

Maria L. Bózoli disse...

Vim te desejar uma Boa Noite!!

tossan disse...

A tua poesia me faz bem e me deixa mais perto do maleável. Abraço

Chris disse...

Palavras com cheiros e sabores intensos, definidas em imagens reveladoras...
Bjs
Chris

Carminda disse...

E o mar continua sempre a inspirar-te, poeta.
:)
Beijos

Pitanga Doce disse...

Na falta da cereja, que ainda não é o tempo, serve pitanga?

Manuela disse...

Até parece que senti mesmo o cheiro tão caracteristico do mar com espuma.
Belíssimo amigo Poeta.
Gostei muito.
Obrigado por sempre aparecer pelos meus lugares.
Desejo uma Páscoa Feliz.
Manuela

Luis disse...

Meu bom Amigo,
Poema muito belo e ligado ao mar que tanto o fascina! As imagens encontradas são interessantes e revelam a sua sensibilidade.
um abraço amigo.

gaivota disse...

que espectáculoooooooooo
que maravilhaaaaaaaaaaaa
o meu mar estava lindoooooooooo
logo telefono-te, é mais fácil!
e o chantilly do slavo!!!!!!!!!!!!
ai vida... ai vida...
pilipares doutiiiiiiiiiiiii tamém

Ana Paula disse...

LINDOOOOOOOO!!!!

Um poema belíssimo inspirado nestas magníficas imagens que o teu olhar registou, deste maravilhoso mar cheio de brilho, e cujas ondas de prata fazem tanta espuma que na verdade parecem claras em castelo.

É muito doce este poema e tem os ingredientes todos para uma deliciosa "sobremesa" de amor.

Desejo-te um dia muito feliz!!!

Beijinhos doces,

Ana Paula

Baila sem peso disse...

um bordado todo feito de doce
pudim de claras, chantilly
bolinho de areia, arroz-doce
um leite creme feito a ponto cruz
com gotinhas de mel, em ti
foi todo o docinho de mar
que num dia mais guloso comi :)

beijito bem docito
com caramelo a dançar
no ponto certo a bordar :)

poetaeusou . . . disse...

*
AFRICA EM POESIA
,
o mar é belo
aquém ou além
da Trapobana . . .
,
conchinhas, deixo,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Dani,
,
Amigo,
,
o mar . . . é o mar !
,
abraço,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Duarte
,
Amigo,
,
a inspiração,
é o mar que a espraia,
eu, apenas, tenho os
olhos rasos de beleza . . .
,
um abraço,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Ana
,
são marés de formosura,
que espumam nos areais . . .
,
um mar de jinos,
deixo,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
neli araujo
,
sempre que passas por aqui,
fica um rasto de beleza !
,
conchinhas coloridas,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Maria L. Bózoli
,
uma noite serena, amiga,
eu vou sonhar,
com a Poesia . . . Poesia .
,
conchinhas, ficam,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
tossan
,
flexível
é a poesia,
,
abraço,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Chris
,
que a ti chegue
o cheiro da minha gratidão,
,
conchinhas,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Carminda
,
o Mar
é a Fonte da inspiração !
,
um mar de jinos, ficam,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Pitanga Doce
,
Porque não uma Pitanga ?
Porque não uma amora selvagem ?
Porque não um abrunho
da Serra dos teus encantos?
,
Maresias serenas, deixo-te,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Manuela
,
que a Aleluia da vida,
nos atinja na sua plenitude !
,
conchinhas,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Luis
,
o Mar, o Mar,
olha, Luís,
o Mar, é um Mar de Sensibilidade,
como tu escreves !
,
Um abraço,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
gaivota
,
linda,
e a Massada de Cherne,
do Gaivinha . . .
,
“Táachoveriiiii e a Trovejáriiii”
,
pilipares,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Ana Paula
,
para ti,
,
na flor das marés
invento a ilusão
na quilha profana
do vento sem leme
nuvens espumosas
semeiam salpicos
sequiosos instintos
magnetizando o mar
em convulsos fascínios .
,
um jino mareante,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Baila sem peso
,
como debruadas
são tuas palavras
rendas adornados
em sedas bechamel
e mousses de tule
que são o meu encanto .
,
lavores de conchinhas .
,
*

Fa menor disse...

Sempre fotos belíssimas desse mar tão maré-cheia... de poesia!

Bjins

poetaeusou . . . disse...

*
Fa menor
,
na maré do teu olhar,
voga o Fa maior da vida .
,
um mar de amizade,
fica,
,
*

Jacque disse...

Oi amigo. Vim convidar pra ver meu novo vídeo, no Blog: Sentimentos.

http://sentimentos-jacque.blogspot.com/

Beijo

Jacque

poetaeusou . . . disse...

*
Jacque
,
grato fico
com a visita e o convite ao:
http://sentimentos jacque.blogspot.com/
,
conchinhas,
,
*

© Piedade Araújo Sol disse...

as palavras e as fotos...

muito, muito bonitas.

abraço de maresia

poetaeusou . . . disse...

*
© Piedade Araújo Sol
,
grato amiga,
doces conchinhas,
deixo,
,
*