agosto 09, 2008

>>>>>>>>>>>>>>>>>>> valsa <<<<<<<<<


valso com o mar
porque
o sal são maresias
porque
as ondas são flores
porque
as algas são searas
porque
as vagas são o trigo
porque
as marés são o pão
e porque tu és
o alimento que eu busco
poemas e fotos: poetaeusou

36 comentários:

Multiolhares disse...

Porque o mar pode ser tudo o que quisermos o que sentirmos

Beijos nossos

Filó disse...

Gosto do mar , seus modos descuidados
Quando se envolve em paz com os rochedos
Seu tricotar de rendas e bordados
Qua a cada instante são modificados
Pela agulha que gira entre seus dedos.

Gosto do mar, que o sol, de manhã beija
Com um bom dia terno e ensonado
Que, de tal modo,o quer, e o deseja
Aos seus caprichos diz num assim seja
E à noitinha,chega extenuado.

Gosto do mar de face prateada,
Seara ondulante à lua cheia,
Que manda àquela estrela apaixonada,
Mergulhe nele e fique refrescada,
Num colo sensual de uma sereia.

Gosto do mar, celeiro das gaivotas,
Magras,vádias, àsas à vontade,
Voam nos céus, travessas e marotas,
Sem pontos cardeais nas rotas,
Donas de si, da sua liberdade.

Gosto do mar de mitos encantados
meigo,cruel, ávaro e generoso
Sonho de reis,de impérios afogados
Desafio de deuses e soldados
Mas só ele é eterno e majestoso !

Um poema ao MAR, de um amigo, também poeta.
Espero que goste !
Um abraço

gaivota disse...

oh mar oh mar, quanto do teu sal são lágrimas de portugal...
e é o pão do nosso povo, sim senhor,
que haja mar chão!
pilipares e pedrinhas

Ana disse...

Estas fotos são das mais belas que aqui tens deixado.
Uma valsa que só o mar sabe dançar.
Parabéns e um beijo.

Eärwen Tulcakelumë disse...

Amigo Poeta

Valso com tuas palavras
Viajo em tuas fotos
Vibro com esse mar tão amigo

Aos poucos retorno ao meu mundo, agradeço o carinho recebido em forma de conchinhas.

Pérolas incandescentes de mar.

Eärwen

daniel disse...

Poetaeusou

Inevitavelmente o mar, ondas, marés, maresias. Algas, flores e searas, compõem o exercício diáro, do alimento pela poesia.
Daniel

mariam disse...

oh!Poeta.Quanta beleza pintada neste quadro
de palavras *****

adorei a dança.

bom fim-de-semana
um grande sorriso :)

mdsol disse...

Ai balhamedeus!

Tanto mar
Tanto mar
Sei também quanto é preciso pá!
Navegar
Navegar
Lá faz primavera pá
Cá...

cconchinhas cheias de maresia

poetaeusou . . . disse...

*
Multiolhares
,
vou navegar
no meu batel
sugando o mel
do teu valsar
,
beijos nossos
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
filó
,
gosto do mar
porque valsa comigo
e do teu amigo
também vou gostar
,
amigáveis conchinhas.
deixo-vos,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
gaivota
.
e o valsar da gaivota
pililipando de vida
a anunciar sardinha querida
contente na sua rota
,
pililipares
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
ana
*
que sublime rodopiar
no teu marejar remoto
embelezando qualquer foto
baila, dança, valsa mar
,
búzios dançantes,
te deixo, ana,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Eärwen Tulcakelumë
,
no teu viajar
valsa na praia
molha a tua saia
para o mar vibrar
.
conchinhas
em pérolas de amizade
.
*

poetaeusou . . . disse...

*
daniel
,
inevitavelmente o mar,
meu amigo daniel
da nazaré um fiel
sendo um prazer te saudar
,
nota:
hoje estou numa de aleixo,
,
abç,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
mariam
,
óh que beleza de tela
escreves tu, fascinada
como uma valsa pintada
nas velas da barca bela
,
sorridentes conchinhas,
dou-te
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
mdsol
,
na integra.
para ti,
,
Foi bonita a festa, pá
fiquei contente
'inda guardo renitente,
um velho cravo para mim
Já murcharam tua festa, pá
mas, certamente
esqueceram uma semente
nalgum canto de jardim
Sei que há leguas a nos separar
tanto mar, tanto mar
Sei também como é preciso, pá
navegar, navegar
Canta a Primavera, pá
cá estou carente
manda novamente algum
cheirinho de alecrim
lálálálá
,
brisinhas em conchinhas
,
*

Papoila disse...

E eu que tanto gosto de searas me transformo em algo na tua valsa...

Beijo
BF

poetaeusou . . . disse...

*
*
papoila
,
valsa a teu gosto
porque a seara sente
papoila ardente
meu luar de agosto
,
conchinhas de amizade
em algas de liberdade
,
*

Sol da meia noite disse...

... porque na dança das ondas, libertamos a melodia da alma...!

Bom sábado!
Jinho *

poetaeusou . . . disse...

*
sol da meia noite
,
onda dançante
melodia calma
entra na alma
do mar amante
,
.libertadoras conchinhas
dou-te
,
*

Menina do Rio disse...

Valso contigo ao mar...

Um beijinho pra ti

poetaeusou . . . disse...

*
Menina do Rio
,
baila,
baila comigo,
no mar de ipanema.
valsando ao luar,
e a deusa iemanjá,
declamando um poema,
,
conchinhas de amizade
,
*

ondina disse...

quero embalar o meu sono saudesista nesse mar de amor
oh
que me parte a alma
e o coração de desfaz

sou emotiva demais para emigrante!
que sina......................
bjs

Perla disse...

O mar presta-se para as valsas...
e para os floreados que tão bem fazes inspirado nele!
Beijinhos

MEU DOCE AMOR disse...

Poeta:

Valsando...pois.

Que apocalipse?

Que tipo de apocalipse te referes?

Beijinhos com algas

poetaeusou . . . disse...

*
ondina
,
voltei, voltei,
voltei de lá,
ainda ontem
vim da holanda
e já estou farto
de estar cá,
,
coloridas conchinhas
para ti e,
para tuas princesas . . .
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Perla
,
na valsa das marés,
no teu rodopiar
obrigas o mar
a beijar-te os pés
,
floreadas conchinhas, dou-te
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
meu doce amor
,
apocalypse now ?
,
por onde tens andado,
nem uma dica, nem um cusco ...
hehehe
,
buzios sonantes, deixo,
,
*

MEU DOCE AMOR disse...

Tenho andado pelo Mar e pela Areia...

Apanhei muitas Penas de Gaivotas e de Fragatas.Estão aqui todas direitinhas e belas.

Para que são as penas?
Não sei.

Ehehe!!!

Beijos com beijinhos

Sonia Regly disse...

Lindo Poeta,
Como vc me visita regularmente, vou te oferecer o selinho de ouro.Beijinhos.Obrigada pelas visitinhas.

poetaeusou . . . disse...

*
meu doce amor
,
penas ???
oferece-mas,
,
já me sinto
com plumas coloridas,
hehehehe
,
conchinhas em palco
dou-te
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Sonia Regly
,
aceito
com agrado,
mas,
não sei se notas-te
nunca os coloco no meu blog,
em primeiro lugar
não as mereço,
e, digo-te sinceramente,
não sou contra, apenas me
fazem lembrar um presidente
da republica, o sampaio,
só condecorações da torre e espada,
deu nove mil e cem, já ninguem as compra na feira da ladra . . .
,
conchinhas de amizade, deixo,
,
*

Juani lopes disse...

me gusta mas con brabura, que como valsa, pero los dos me embrujan
saluditos

poetaeusou . . . disse...

*
Juani lopes
,
o que é,
um regalo para mim,
,
saluditos,
,
*

Paula Raposo disse...

Gostei muito de te ler. As fotos são muito bonitas! Beijos.

poetaeusou . . . disse...

*
Paula Raposo
,
jinos grandes, paulina,
,
*