outubro 18, 2007

>>>>>>>>> v a r a n d i m <<<<<<<<<


que privilégio
no meu vislumbre
de olhares sagrados
em marés de pedra
ritual desabrochado
na arquitectada rocha
em angular paisagem
no varandim calmo
dos infinitos poemas
poema e fotos: poetaeusou

44 comentários:

Sol da meia noite disse...

Originais as imagens!...

Fica nessa calma...

Beijinhos!!!

poetaeusou . . . disse...

*
sol da meia noite
*
para ti
*
CALMA
,
¿Dónde se acaba el mar?
¿Dónde comienza el cielo?
Los barcos van flotando.
o remontan el vuelo?
Se perdió el horizonte,
en el juego mimético
del cielo y de las aguas.
Se fundió el movimiento,
en un solo color
azul, el azul quieto.
Se funden los colores;
se apaga el movimiento.
Un solo color queda;
no existe barlovento.
¿Dónde se acaba el mar?
¿Dónde comienza el cielo?
,
in)José María Hinojosa
,
acalmados, bjinos.
*

Paula Raposo disse...

Gosto das fotos...

Um Momento disse...

Privilégio meu
vislumbrar tais paisagens
Vista aos olhos teus
Em sentires de excelência
Varandins de maresia
Permitem o horizonte admirar
Ouvir os sons da calmaria
Nesta arquitetura de palavras,
a bailar
Ditam o que os olhos vêm
E o que lhes ecoa no coração
Ondas de serenidade habitam
Neste varandim de emoção

Beijo de dia lindo
(*)

poetaeusou . . . disse...

*
paula raposo
*
paulinha
*
lindas,
da praia formosa,
santa cruz,
*
ji
*

poetaeusou . . . disse...

*
um momento
*
ecoa varandim
os pilipares das gaivotas
no bailado das palavras
em horizonte de calma
arquitectura do olhar
vislumbrando serenidade
privilégio habitado
desta entrega que há em mim
,
um momento
de deixar beijos
*

Madalena disse...

Olá.
Nitidamente sinto-te crescer no domínio da imagem: "de olhares sagrados
em marés de pedra"

Parabéns.:)
Beijo

poetaeusou . . . disse...

*
non
,
"corei" ao ler,
o teu comentário
,
obrigado
,
jino
*

as velas ardem ate ao fim disse...

Gostava, ai se gostava.

bjinhos

poetaeusou . . . disse...

*
as velas ardem até ao fim
*
o mar encanta-nos,
e,
ficamos dele cativo
,
bjinhos
*

Sophiamar disse...

Privilégio ler poemas
que te saem, navegante
de promontório deslumbrante
onde Roupinho estacou
e a Senhora abençoou
esse teu mar marinheiro
em varandim calmo e sagrado
fazes poema abençoado
tacteando sentimento
puro e latejante
de quem tem o mar por amante


Veleiros de conchinhas prateadas

poetaeusou . . . disse...

+
sophiamar
+
mar tacteado
amado
de roupinho, o d.fuas
nas terras que foram suas
delimitadas pela praia,
enseada, feita saia
de peixeira sonhadora,
sob o manto da senhora
no promontório, poema
sorvendo o mar o dilema
calmaria ? vagarosa ?
escuta onda formosa
és a beleza concreta
cantada pelo poeta,
+
búzios em barca bela
+

- disse...

Linda a paisagem do teu varadim calmo......
Vislumbras melhor teus infinitos poemas.

bjgrande

PoesiaMGD disse...

Privilégio o nosso de poder contar com tuas belas imagens e poesia!
Um abraço

Entre linhas... disse...

o mar é uma dávida...apetece-me abraçá-lo e contemplá-lo na sua grandeza.
Bjs Zita

poetaeusou . . . disse...

*
-
-
*
lindo
o teu calmo
comentário
*
bjino
*

poetaeusou . . . disse...

*
PoesiaMGD
*
repetindo-me . . .
estão muito aquém,
dos teus poemas,
*
xi
*

multiolhares disse...

Lindo sim, visto de cima,
De baixo também
Mas quando subidas as escadas
Já ninguém folgo tem
A praia formosa
Nos encanta o olhar
Mas ficamos de pernas tortas
De tanto degrau saltitar

Beijos nossos
luna

poetaeusou . . . disse...

*
entre linhas …
*
zita
*
odores de verde mar
incêndio do meu querer
marujantes ondas
musica de inspirado olhar
violino em mãos fecundas
veias pulsando entregas
nas cantatas das gaivotas
*
jinos
*

Sophiamar disse...

Tarde é ter-te ao lado
Nesse varandim
A olhar para mim
Em angular paisagem
De sol e de mar
Imaginar a viagem
E fazer-me ao mar


E na rocha arquitectada
plantada fica a amizade

búzios sonantes e salgados

poetaeusou . . . disse...

*
multiolhares
*
luna
*
pernas tortas . . .
essa é do malhão,malhão,
ou não . . .
.
hehehehehe
,
praia formosa
lindissima,
,
o aproveitamento
das pedras,
,
ditoso
presidente da camara . . .
,
beijos daqui
*

poetaeusou . . . disse...

*
sophiamar
*
no varadim, vaidoso
na praia formosa
com a ria formosa
sinto-me orgulhoso
*
marés de jinos
*

Sophiamar disse...

Amor

Amar-te
é como respirar
essencial
dar-te
o céu o azul do mar
dar-me a ti
afinal

Fernando T. Rodrigues

o amor em mil conchinhas saltitantes

poetaeusou . . . disse...

*
sophiamar
*
um bom escritor,
conheço-o pouco como poeta,
,
o céu o azul do mar
afinal
pode ser . . . o amor,
*
jinos de mar
*

Bia disse...

precisava de ficar aí nesse varandim e deixar minhas lágrimas se fundirem no mar e torná-lo mais azul e mais salgado!
beijo meu

MEU DOCE AMOR disse...

Infinitas palavras feitos em poemas...os teus.De noite vejo-te sonhar,de manhã a escrever,de tarde a declamar.Fico nesse varandim.

Um beijo doce:)

helena disse...

A foto de baixo é simplesmente grandiosa
onde fica essa praia ?
Aquela vista dali de cima é um poema
me deixa sem palavras...
fiquei a olhar frente aquela imensidão.............

Um beijo

poetaeusou . . . disse...

*
bia
*
as tuas lágrimas,
são doces, só podem ser . . .
e,
nesse rio de, azuis olhares,
no seu desaguar,
anilado,
ficará o mar
*
beijo doce
*

poetaeusou . . . disse...

*
meu doce amor
*
tivera eu tal sorte,
o meu norte encontraria
em companhia tão nobre,
declamar não me cansaria
e para minha felicidade
a triste sorte mudaria
do sonhar á realidade
*
marés de beijos
*

poetaeusou . . . disse...

*
helena
*
o ângulo visual
é sublime
de uma beleza irreal
*
2 ou 3 km de costa,
linda e diversificada,
,
a praia formosa,
fica em santa cruz
pertence a torres Vedras
*
beijo envolto em maresia
*

A COR DO MAR disse...

Oi Poeta
Que lindas fotografias
Que saudades dessa praia... Sta Cruz foi tanto para mim, amizades desencontradas onde andarão?

Beijocassssss*

MEU DOCE AMOR disse...

:))

beijinho

Pitanga disse...

Posso me ver aí nesta varanda de braços abertos a sentir a brisa do mar.

Não me faltes amanhã!!

Carminda Pinho disse...

Poeta,
cada vez que aqui venho, surpreendes-me sempre. Hoje partilhas este varandim fabuloso, lindíssimo, maravilhoso com vista para... o nosso mar.
Que bom que o partilhaste connosco.
Beijinhos

rosa dourada/ondina azul disse...

Fico por este varandim e daqui contemplo o mar !!!


Beijinho,

Maria P. disse...

Um dos meus lugares...
Lindíssimo!

Beijinhos*m*

poetaeusou . . . disse...

*
a cor do mar
,
a tentarem encontrar-te
,
pensa assim, amiga . . .
*
jokas, lin(d)aaaaaaaa
*

poetaeusou . . . disse...

*
meu doce amor
*
outroooooooooo,
*
bjinos
*

poetaeusou . . . disse...

*
pitanga
*
já fuiiiiiiiiiiiiii,
*
parabeeeeeeeeens
muitoooooooos,
*
o martinho da villa,
manda-me prender
*
um xi
*

poetaeusou . . . disse...

*
carminda pinho
*
dou a minha modesta
contribuição, para as
nossas dependências,
“ blogueiras”
*
jinos
*

poetaeusou . . . disse...

*
rosa ourada/ondina azul
*
um altar,
dos deuses,
no Olimpo
*
jino
*

poetaeusou . . . disse...

*
maria p.
,
pensei na casa de maio,
,
olhei várias vezes,
em meu redor,
mas,
não te vi . . . que pena,
*
ji
h
*

Sininho disse...

Só agora passei aqui e encantei-me com o varandim.

Abraço

poetaeusou . . . disse...

*
sininho
*
porreiro, pá
,
xi
*