julho 15, 2007

>>>>>>>>> noite mar <<<<<<<<<


alcantilados mares, enroladas ondas
mudo anoitecer, marés marujantes
húmida magia, subtraídos pudores
nos retornos de suculentas vagas
cúmplice de imperfeitas carícias
suplica dos abstractos regressos
vendaval de emoções esgotadas
vislumbrados delírios
lânguidas nostalgias
no limbo do tempo
poema e foto: poetaeusou

50 comentários:

poesiadaspiramides disse...

Na cumplicidade pouco digo
As emoções não se esgotam
No anoitecer e ao acordar
Estão presentes os vendavais de …

Beijos nossos

sonhadora disse...

Senti-te na noite e vim a correr.
Deixo-te beijinhos embrulhados em abraços

Sophiamar disse...

mais um bonito poema.
beijinhos

poetaeusou disse...

*
poesiadaspiramides
*
na cumplicidade
das emoções
giram as paixões
na noite, acordado
*
beijos daqui
*

poetaeusou disse...

/
sonhadora
/
a correr vou
para a minha janela
nesta noite bela
á tu espera estou
/
jinos
/

poetaeusou disse...

/
sophiamar
,
não é corrosivo
tu não és de tretas
mas, econimazas letras
qual é o motivo
,
jinos
/

Pitanga disse...

OBRIGADA PELA NOMEAÇÃO EM "MOMENTOS DE EXCELÊNCIA". NÃO ANDO NADA EXCELENTE. NEM EU NEM OS MOMENTOS.

abraços com cheiro de mar

MEU DOCE AMOR disse...

Noite mar...não é que me apetecia dormir na praia e ouvir o mar?

Ai magia envolve-nos com as tuas carícias!

Vou fazer oó.Estou com sono.

Beijinho doce e bons sonhos:)

Ana disse...

A magia da noite e do mar que o poeta transforma em palavras.
Um beijo.

amigona avó e a neta princesa disse...

Não sei se me retire devagarinho perante tanta beleza se fique contemplando embevecida!!!!beijo...

gasolina disse...

Partiste para o mar.
Assim fiquei mãos paradas no regaço do tempo, olhos de areia, o coração levado em vaga.

BEI/de MARÉ

PS.: Podes reenviar? o ficheiro chegou vazio. Resposta: é o meu mar.

Papoila disse...

Nesta cúmplicidade de imperfeitas carícias me apaixonei pelas fotos. A cor da noite.... imagino o cantar do mar! Acho que um dia destes te roubo as fotos... Só com permissão claro.

Bom dia
BF

GarçaReal disse...

Lânguidas nostalgias no limbo do tempo.
Mas que lindo, Poeta

bj de bom domingo

Paula Raposo disse...

Um tanto estupefacta com este poema, embora eu saiba que o poeta é sempre um fingidor! Beijos.

poetaeusou disse...

*
pitanga
*
forcinha
ultrapassa,isso tudo,
mesmo pela direia ...
*
jinos
*

poetaeusou disse...

*
meu doce amor
*
noite mar delicia
como me apeticia
estar contigo queria
meu areal. minha caricia
*
jinos
*

poetaeusou disse...

*
ana
*
palavras
sentidas
colhidas no mar
*
jino
*

poetaeusou disse...

*
amigona avó e a neta princesa
*
a minha casa feita nazaré, tem
uma varanda com a dimensão do mar.
*
para tua netinha,
*
nazaré praia marés
onde vou veranear
as conchinhas apanhar
com as ondas juntos aos pés
*
xi
*

poetaeusou disse...

*
gasolina
*
parti para o mar
voltei
e num vagar
novo ficheiro enviarei
*
ji
*

poetaeusou disse...

*
papoila
*
rouba as fotos
rouba-me a mim
e cantar irei sim
em perfeita cumplicidade
semente da felicidade
junto aos teus olhos marotoa
*
jinos
*

poetaeusou disse...

*
garça real
*
Domingo de chuva manias
quereres languidos sem sol
lago real meu farol
cura-me desta nostalgia
*
beijo
*

poetaeusou disse...

*
paula raposo
*
paulinha
*
estupefacta ?
e uma poetisa ?
não é fingidora ?
*
cariños mios, guapa
*

Som Do Silêncio disse...

" Vendaval de emoções esgotadas..."

Lindo e ao mesmo tempo algo nostálgico.

Um Beijo Silêncioso

Paula Raposo disse...

Para mim, meu querido, Poeta é Poeta independentemente de ser masculino ou feminino. E eu não sou Poeta.

poetaeusou disse...

*
som do silêncio
*
nostalgia
no pililipar
de uma gaivota
na magia
de rumar
segura rota
*
jinos
*

poetaeusou disse...

/
paula raposo
/
somos um
país de poetas
/
será
que cesário verde,
é superior a antónio aleixo ?
/
jinos
/

GarçaReal disse...

Curo-te Poeta....
Em LagoReal espraias sem nostálgia...
Relaxas e observas o voo lento de uma GarçaReal em "mudo anoitecer" e em
"húmida magia"

bjgrandereal

Paula Raposo disse...

Na Poesia não existe superioridade nem inferioridade. Escreve-se e nada mais. Acho que estás a divagar. Deve ser da chuva.

sonhadora disse...

Desejo-te um bom domingo e deixo-te beijinhos embrulhados em abraços.Sonha! Muitooooooooooooooo!!!

poetaeusou disse...

/
GarçaReal
/
oh lagoreal
o eden - termal
da minha busca
a garça ...o meu querer ...
,
jino
/

poetaeusou disse...

/
Paula Raposo
/
paulinha
,
"divagar" ...chegaste...lá ...
,
xi
/

poetaeusou disse...

/
sonhadora
/
sonharei
... como sempre ...
,
jinossssssssssssssss
/

rosa dourada/ondina azul disse...

A beleza mantem-se seja de noite ou de dia.

Fica um Beijo,
Boa semana,

Fernanda e Poemas disse...

Parabéns pelo seu talento.
Adoro ler o seu blog.
Beijos,

Fernandinha

MEU DOCE AMOR disse...

Cheguei navegando pelo mar
Sorriste ao me ver
Saltei da minha barca e abracei-te
Entreguei-te um cálice
Feito da mais fina prata
Levaste-o aos teus lábios
Bebeste o líquido que te preparei
Sorri ... beijei-te...

Era de noite
As estrelas brilhavam
Encantavam
Ateaste o fogo que guardava no meu peito
Afinal as emoções não estavam "esgotadas"

Era o vislumbre do delírio
Selado por um beijo
Pelo desejo
Feito tempo
No meio de "carícias" entrelaçadas
Das nossas Almas abraçadas

Beijinho doce:)

poetaeusou disse...

/
rosa dourada/ondina azul
/
generoso olhar
/
xi
/

poetaeusou disse...

*
Fernanda e Poemas
*
grato pela visita
,
gostei da tua casa
,
xi
*

sonhadora disse...

Ainda agora aqui cheguei e já contigo sonhei.Noite de mar e de sonhar.
Beijinhos embrulhados em abraços.

poetaeusou disse...

*
meu doce amor
*
selado ensejo
em calices entrelaçados
com lábios esgotados
de beijos delicias
cantadas caricias
fogo do desejo
*
jinos
*

AQUALUZ disse...

Desculpa só agora aparecer.Tenho andado por águas profundas.

Sempre esse mar contido nas tuas palavras,pelo que tenho lido.

Fiu ler os posts anteriores.Obrigada por te lembrares de mim.
Ainda venho a tempo?

Beijo num imenso Azul

poetaeusou disse...

*
sonhadora
*
ainda agora vim do mar
de remar contra a maré
contigo, o vira da nazaré
já estou pronto para dançar
*
beijos
*

poetaeusou disse...

*
AQUALUZ
*
o meu mar, o meu ceu
ficaram mais azuis
*
mesclas azuis, anil, celeste, claro marinho, turquesa, cobalto,
*
a nomeação mantem-se.
espero que aceites
*
jino
*

AQUALUZ disse...

Vim outra vez,para dizer que aceitei.Velejar é libertar?

Beijo num imenso Azul

sobrinha disse...

...Ainda dizem que os tempos mudam... pois não me parece!!!

as mulheres continuam a gostar de ser levadas por palvras doces...

...bom para si poetaeusou!!

Ana Ramon disse...

Antes de ler o poema muito conseguido como já nos habituaste, fiquei presa à segunda foto e à sua grande beleza.
Parabéns
Beijinho

poetaeusou disse...

*
AQUALUZ
*
velejar
é voar para novas galáxias
,
jino
*

poetaeusou disse...

*
sobrinha
*
eu não quero levar ninguem,
.
levo, semeando, carinho, ternura,
amizade, bem-querenças e amor,
amor puro, em todas as suas vertentes,
,
jinos
,

poetaeusou disse...

*
ana ramon
*
generosidade a tua
neste teu comentário,
*
jino
*

acordomar disse...

Esta foto está PREMIADA por mim.
Está uma beleza.
Parabens

(alias tens andado a primorar nelas)

beijocas*

poetaeusou disse...

*
acordomar
*
linda
*
perspicaz
*
jinos
*