fevereiro 02, 2007

»»»Gaivotas, Luar, Areal, Mar«««

EU QUERO SER GAIVOTA

Amor vê comigo.
Repara nas Gaivotas.
Adorando a Lua.
Com beijos saudando.
Em V, invertido.
Os tentáculos prateados.
Da noiva Lunar.
Fica, Fica comigo.
Vamos sentir em uníssono.
O luar de Janeiro.
Reflexando-se no mar
Beijando o areal.
Afagando as Gaivotas.
Em virtuais espasmos.
Abraça-me Amor.
Deixa-me, te cingir.
Pelo luar iluminados.
Dançando ao som do mar.
Tocando, levemente, o areal.
Como as Gaivotas.
Nos seus esvoaçantes bailados.
Serei sempre uma Gaivota.
Perlilipando juras de amor.
Como as Gaivotas pensando.
Como as Gaivotas desejando.
Como as Gaivotas ofertando.
Como as Gaivotas amando.
Como as Gaivotas beijando.
Como as Gaivotas.
De amor. Perdidas.
Pela paixão unidas.
Livremente. Climaxar.

foto e poemado - in) poetaeusou

44 comentários:

Paula Raposo disse...

Gostei do poema. Doce.

Maal disse...

Se olhares à tua volta...
E espraiares o teu olhar,
Vais ver a "Gaivota" à solta.
Ensaindo seu cantar!

A "Sereia" é muito bela,
Suas formas são estonteantes,
Mas se fores nadar com ela...
Jamais serás como dantes!

Poetatués
Poetisaeusou!!!!

Ana Luar disse...

A ternura de quem sabe escrever poesia.
Parabéns pk está deliciosamente lindo.

Isabel-F. disse...

gosto de gaivotas
gostei do poema
bom fim de semana
bj

poetaeusou disse...

PAULA
Doce ?
Amargo, Paulinha, Amargo...
Bjs.

poetaeusou disse...

Maal
Procuro.
Nada encontro.
Minha Poetisa.
Vira, minha Sereia.
Molda-me á maneira.
Muda-me. Vai. Enfeitiça.
jino (respeitador)

poetaeusou disse...

ANA LUAR-
Generosidade,.
fruto da tua ternura.
Não mereço,.
os teus parabéns.
obg. visita.
até ...

poetaeusou disse...

isabel.f
Se uma Gaivota, viesse...
Tenho a certeza que te agradou.
pressinto.
Bfs.
xino.

Maria disse...

Mas como podes ser gaivota se estás preso?
é pelo menos o que dizes...
abre essa porta e solta-te, poeta, porque nós queremos-te bem solto... de sentimentos...
A foto está linda. O poema é... do poeta...

Paula Raposo disse...

Eu achei o teu poema muito doce e cheio de ternura. Foi o que senti quando o li. Beijinhos.

Maal disse...

Essa do "climaxar"...
Tem muito que se lhe diga,
Porque climax não é amar...
E pode até trazer fadiga!

Tu és muito insatisfeito,
Já pensaste em te afogar?
É que existe mundo perfeito,
Por baixo desse "teu" mar!

Tua poetisa.

poetaeusou disse...

Quanto me compreendes, Maria.
Maria, Ai, esses neuróneos iodados,.
pelas Algas que tu amas.
Sou uma Gaivota, solta e presa,.
livre e encarcerada.
Sou aquilo que não sou. Maria.
inté.

wind disse...

Gaivotamente sensualmente poeticamente:)
beijos

poetaeusou disse...

Paulinha.
Eu " agarrei ".
O amargo sou eu.
Efeito invertido.
Do luar de Janeiro ?.
Desdita. A minha...
Beijo.

poetaeusou disse...

MAAL.
Óh Libertinagem...
Posso, climaxar,.
com um golo do meu Mantorras !!!
maal, minha poetisa (?)
Será que sou o teu Neptuno ?.
Abre as portas da Atlântida.
Vou submergir.
Farei de ti,.
a minha Anfitrite.
até.

poetaeusou disse...

WIND.
Deusa das Brisas e dos Ventos.
Que Magnanimidade. A tua.
Beijósculadamente.

Sininho disse...

Sob um sol quente, ou ao luar.
Descendo a pique, furando o mar,
Ou descansando, num areal...
Gaivota é fundamental.
-----------------------------------

Como sempre, bela poesia, a tua.
A foto, ampliada, é tão linda que a "roubei" para uma das minhas pastas de fotografia.
Depois, manda cobrar...

poetaeusou disse...

Sininho.
Cobrar ?
Tudo o que é meu, é Teu.
Anda. Vê no infinito Céu.
Gaivotas a Sinfonar...
Na volupia do Bailar.
Esvoaçantes Bailarinas.
Gaivotas, filhas do Mar.
Suaves ondinhas, para ti...

Isabel-F. disse...

huuuuummmmmmmmmm

gostava mais do layout azul....

poetaeusou disse...

E eu acorrendo sempre, solicito.
Acedendo a toda e qual sugestão,.
de uma mulher, irei pela 5ª. Vez,. mudar o visual do meu Blog.
Com todo o gosto, Isabel.
bj.

FSilva disse...

Uma gaivota voava, voava
asas de vento,
coração de mar.
..............
Como ela, somos livres,
Somos livres de voar.
.................

Luna disse...

Ainda bem que resolveste construir o blog, para nos deliciares com as tuas doces palavras.
beijokas

poetaeusou disse...

fsilva.
Seeeee uma Gaivota voassssse.
E nesteeeee areal parassssse.
Se eeeeeela do Pico trouxeeeesse.
Ummmmmmm pééésinho de Aloéééé.
Aaaaacompanhando a marééééé.
E se no areaaaaaal me dééééésse.
Este meeeuu coraçããão, lalalalala.
aloés, milhares.....

poetaeusou disse...

LUNA.
Que doce sorriso.
Enunciador de tranqualidade,
Candura, serenidade, paz.
A doçura és tu.
Luna prateada.
Bj)

Sílvia disse...

Gaivota!
És perfeita quando voas
Rasante as asas estendidas sobre os mares
Passas devagar cortando com pureza os céus.
O teu grito, parece que carrega uma saudade.
Talvez recordes outras pátrias,
Outras eras, outras pedras, outros mares,
Mas nas linhas transparentes de tuas asas
Cantam acordes de leveza breve
Quando livre vagueias pelo azul.
Ao te ver assim em liberdade
Sinto-me pequena, limitada,
Ao cárcere do corpo aprisionada
E tenho ânsias de partir pela amplidão.
Ah! Se eu pudesse voar com tuas asas
Plagas distantes então visitaria
Na curva azul do céu me perderia
Entoando meu canto de saudade.
E longe das tristezas desta terra
Pelos espaços da manhã marinha
As fronteiras do mundo atravessando
Mais uma gaivota contaria
E entre todas a mais feliz seria.

Nita Pasini

Bjinhos ;)

poetaeusou disse...

SILVIA.
Não conhecia.
Vou arquiva-lo.
No disco rigido,.
do meu intelecto.
E...
Perde(r)-te(me),.
nos teus Sonhos.
Jinos.

non disse...

Eu do poema gosto. de gaivotas também.

(o que me estraga a vista é a intensidade do amarelo, confesso. tenho fotofobia. eheheh)

bjs

acordomar disse...

Ola Poeta, espero que estejas a ter um bom sono, pois é mto tarde.
A escrita continua terna, como as gaivotas, bem ao gosto de todos os amigos visitantes ;)
Beijoca*

(ah e qt a golos, pois 0-0)eheheh

Paula Raposo disse...

Eu vou ao encontro das tuas gaivotas...

Maria P. disse...

"Amor vê comigo"

Eu vi...e gostei.

Bjos*

poetaeusou disse...

NON
Já prometi, á Isabelf. vou mudar.
mais uma vez o meu Blog.
Eu poeta pimba e agora vário sempre,. aberto a qualquer sugestão de uma mulher.
Eu que amo o Amarelo e adoro a,. Icterícia no forno. ihihihihihih.
O Amarelo da Carris. lá lá lá.
jinos.

Era uma vez um Girassol disse...

Poeta, que poema apaixonado!
Tão preso, quem pode amar assim?
Cria as tuas asas, voa liberto,,,
Gostei muito!
Beijinhos

poetaeusou disse...

A COR DO MAR
Como podes ser, Cruel, fero, atroz.
Como posso sonhar, depois de um,.
desperdicio de tantos golos, 0-0...
Grato pelas tua palavras.
Beijoca de uma Sportinguista ???
Hummm, Sim...Já não perco tudo...
hihihihihihihihihi
BeijoKa..

poetaeusou disse...

Paulinha.
Vais ao encontro das gaivotas ?
Roubaste as asas ao Icaro ?
Leva um paraquedas, á cautela...
Beijinhos.

poetaeusou disse...

maria.p

Quando.
Dois.
Feitos um.
Vêem o mesmo.
Sentindo.
Cuidado...
Ele está perto ..
Beijo (Respeitador).

poetaeusou disse...

ERA UMA VEZ UM GIRASSOL
Como me posso libertar,.
Suprema Flôr, como ???
Se, das asas fui amputado ...!!!
jinhos.

non disse...

Quem tem asas voa, poeta. Não se deixa apanhar para que lhas cortem. Voa alto.

BFS.

:)

poetaeusou disse...

non.
Quais os teus cuidados, Silvana.
Eu voo muito alto só me alcança,.
quem eu quero. Herminia.
xôxos.

=^.^= Tarina =^.^= disse...

Esta é a história de uma gaivota
De tanto voar ao céu foi parar
Encontrou uma nuvem que parecia algodão doce
Deu-lhe uma dentada e a nuvem assustou-se.

-Mas o que será que me está a acontecer?
-Sou eu a gaivota que te vim visitar!Desculpa oh nuvem não te queria magoar!
A nuvem sorriu e convido-a a entrar!

Esta foi a história de uma gaivota
de tanto voar ao céu foi parar
encontrou uma nuvem que parecia algodão doce
Deu-lhe uma beijoca e a história acabou-se!

Adoro gaivotas!
Adoro as Berlengas porque nos perdemos no meio delas e quase que as conseguimos apanhar!!

1 beijinho da =^.^= tarina

poetaeusou disse...

TARINA
Falta uma menina,
Nesta história.
Que de memória.
Vou recordar.
Foi sobre o mar.
Que a nuvem pairou.
E com voz doce chamou.
Tarina. Tarina. Tarina.
bjs)

blugaridades disse...

Se uma gaivota vier
Pousar no meu beiral
Será recebida
Com amor
Com carinho
Com ternura
Especial
Beijinhos

Maria disse...

poeta

Tu é um êxito neste mundo virtual.
Começaste o blog há meia dúzia de dias.
Quem vem aqui são Mulheres.
Tu dizes que estás preso.
Que gostas de geivotas (e eu acredito)
E do mar!
Não te vi na praia!
Gosto do blog cor de rosa!!!
Inté

poetaeusou disse...

Blugaridades.
Que pena não poder.
Durante a noite voar.
O vento quer me levar.
Bondade dele, afinal.
Onde fica o teu Beiral.
Porque não te quero perder.
Beijinhos.

poetaeusou disse...

Maria
Estou a reaprender a voar.
O vendaval passou e eu tremi.
Mágoas ? Nada ficou.
Sinto-me liberto Maria
inté