fevereiro 10, 2007

»»»»Antónia meu Amor««««

O post é teu, Antónia

Foi no recanto, Antónia.
Como mostra a fotografia, o canto das pedras, vulgo.
Muitos anos passaram, tínhamos 10 anos.
Vi-te apreensiva, a olhares o Mar.
Meditei, procurando a razão de teres medo do Mar.
Se nasceste, a olhar para ele, a 10 metros da tua Casa.
Abordei-te, os teus olhos lindos, penetraram em mim.
Henrique, soletrado em som celestial, tenho medo.
Tinhas medo do mar, não sabias o porquê, mas era real …
O que se passa, Antónia, diz-me, nunca estarás só, diz !
Amanhã eu e as minhas colegas vamos á praia.
Apanhar pedrinhas para a escola nova e o mar está mau !
Nada receies estou lá contigo, apanho as mais bonitas para ti.
Assim aconteceu, muitas pedrinhas, entre elas, UMA, lembras-te ?
Foi o começo de um romance de 40 anos. Oscilações, óbvio.
O mar e a pedrinha sempre presente.
A pedrinha ficou fixada na parede principal da sala.
O pedreiro que a colou era sensível, gostou dela.
Quantas vezes fomos á sala ver a pedrinha.
E em todas estava um menino ou uma menina, a tocar-lhe.
Foi o amor primeiro, inocente, o desejo, a paixão. o amor.
Até que o mar, avançou, para ti, e tu sabias á muito.
Avançou feito incurável. Falta de Iodo ou excesso de Iodo.
E eu percebi naquele dia o, ultimo. O teu pedido, manhã cedo.
Henrique, telefona ao nosso filho, preciso dele. Aqui…
Vai á Praia quero ver pedrinhas, o início do nosso Amor.
Entre as Pedras apanhadas, estava a Pedra Gémea a “nossa”.
Pedrinha que no dia seguinte com muito amor.
Foi por mim inserida no ataúde, onde á 9 anos me esperas.
Até já, meu Amor. Aquece o meu “lado”.
Tenho frio, Frio da Falta do teu Amor e de muita Saudade.
Foto e texto de: poetaeusou

36 comentários:

FSilva disse...

Linda história de Amor

Era uma vez um Girassol disse...

Ah não, meu querido poeta, não é permitido fazer chorar...
Uma história linda, um amor para toda a vida, talvez para além dela.
Mas, independentemente disso acontecer, outras oportunidades se podem dar aocoraçãopara ele voltar a bater...
Por alguém que te mereça e respeite o significado dessa pedrinha na tua sala.
Beijinhos

Paula Raposo disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
poetaeusou disse...

Fernanda.
Regredi. Data Especial.
Sou um aprendiz de poeta,.
transparente. Deu me para aqui ...
bjs)

poetaeusou disse...

Flôr Môr.
Sou um intimista fundamentalista.
Senti um apelo, saíu...porquê ?...
Não tenho vergonha de chorar, de
me expor, de dizer quem sou...
Penso que o Javè, não me tirou a
tal costela, de que fez a Mulher.
Fiquei com a sensibilidade Female.
Obrigado por partilhares.
conchinhas para ti.

poetaeusou disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Maria P. disse...

Não consigo comentar...

Um beijo.

Ana Ramon disse...

Um texto muito bonito

poetaeusou disse...

Maria.p
"agarro" o que pensas...
beijo.

poetaeusou disse...

Ana.
Real.
Sentido.
Porque vivido.
Intensamente.
bj)

Paulo Sempre disse...

Uma história de lágrimas....mas ok, tass bem!

poetaeusou disse...

paulo sempre.
Grato, pela primeira vez.
Do triste, se faz libertação,.
de ... algo.

bom dia isabel disse...

Poeta, deixaste-me sem palavras mas com lágrimas. Choraste , certamente, ao escrever, fizeste chorar mas isto faz parte da vida. Fá-lo sempre que te apetecer. Estarei aqui para te ler, para te ouvir e deixar um abraço doce e terno.
Beijinhos

PoesiaMGD disse...

Esse lado frio custa tanto a aquecer... muito belo, apesar de triste!
Um abraço

non disse...

Amigo, não te ofendas, já sabes como sou, digo o que penso.Belo poema de Amor.

Quem sabe o primeiro? Espero que não o último.

(Quando eu era menina tinha uma escola junto à praia, era muito medrosa, mas fgia à professora para ir apanhar pedras à beira mar, as certas pedras para jogar às "5 edrinhas")

Guarda asboas memórias são a nossa riqueza. O resto? o resto é em frente!

beijo, amigo.

M

non disse...

Peço muita desculpa pelas gralhas. o texto não as merece. pura falta de luz correcta para escrever.

.9

poetaeusou disse...

Bom dia Isabel.
Chorar pode ser agradecimento.
Brotas ternura pelos poros, amiga.
Obrigado pelo tua doçura.
Beijos levados pelas marés,.
do meu mar para ti.

poetaeusou disse...

poesiamgd

do triste se faz agradecimento...
pelo lado do Belo, a vida é vida...
bj) mil.

poetaeusou disse...

NON,
por quem é !!!
Mady.
Eu sei que sentes o que escreves.
Ir em frente ???
Basta seguir o teu exemplo.
Jinos para ti Fugidia.

=^.^= Tarina =^.^= disse...

Lindas palavras..
De amor carragadas.
Com cheiro a maresia..
No meu peito afagadas.

Contigo,

=^.^= tarina

poetaeusou disse...

TARINA
Afagos em Palavras.
De maresia Carregadas,
para ti Tarina.

Maria disse...

poeta

Chorar mais, hoje, não. Não vale.
Daqui a bocado tenho de esgtar a trabalhar numa secção de voto, não posso ir de olhos feitos bóias.
Este é muito, muito forte.

Hoje deixo-te um beijo

poetaeusou disse...

Vai Amiga Maria.
Tu sabes como o dia de ontem,.
foi especial para mim.
Conchinhas da nossa praia, para ti.

Daniela Mann disse...

Só posso dizer uma coisa: Lindo!
Um abraço amigo da Daniela

Kalinka disse...

Linda essa história de Amor, um amor de 40 anos...

lá no kalinka, o tema também é o Amor, convido-te para ires deixar um pouco de Amor,
um miminho para mim!!!

HOJE - domingo lá estaremos, no cumprimento do nosso dever cívico.

Bom fim de semana.
Grande beijo.

wind disse...

Uma prosa poética emocionante que não comento, porque é intima e merece o meu silêncio em sinal de respeito.
beijos

Sílvia disse...

***

poetaeusou disse...

Daniela Mann.
Faz tanto tempo.
Obrigado pela tua visita.
Já tenho casa, gostas.
Passou o tempo que me,.
toleravas, obrigado.
Não é hábito ser tão,.
intimista, saíu...
jinos, sabor a mar)

poetaeusou disse...

Kalinka.
Grato.
Já passei pelo teu Blog.
Deixei comentário cinéfilo.
bj)

poetaeusou disse...

Wind.
Pergunto-me,.
porque o fiz.
Não sei ...
Grato.
bj)

poetaeusou disse...

Silvia

********

obrigado

jino)

Sininho disse...

Agora puseste-me um grande nó na garganta.
Fiquei a apreciar-te muito mais, depois do que li.
Um grande abraço.

non disse...

Sabes, sei o que vives desde há muito tempo. ela espera. Tu vive e sê feliz.

Bj.

:)

Maal disse...

Sem palavras para te dizer!

Bjs.

Isabel-F. disse...

Lindo ...

qualquer história de amor é sempre linda ... e o amor verdadeiro não acaba ...

(mas podem haver outros amores ... que não matarão o anterior ...)

... como eu vivo uma grande história de amor há 30 anos ... julgo que posso imaginar o que sentes ...

tem uma boa semana
bjs

poetaeusou disse...

isabel.f
Protege-o, Isa.
bj)