maio 10, 2010

------------------------------ SÃO LOUCAS, SÃO LOUCAS





piso o areal
á tua procura
cumprindo o destino
das gélidas nortadas,
batalho as areias
brigadeiro de mim
resgatando espólios
na raiz dos ventos,
sou fogo perdido
ateando o nada
cobrindo centelhas
nas cinzas que eu sou.
poema e fotos:poetaeusou

68 comentários:

Zélia Guardiano disse...

...cobrindo centelhas nas cinzas que sou.

Poeta amigo
Tens o segredo, todo, da alquimia. Fazes magias com palavras. Com elas, tu pintas... Paleta riquíssima!

Um forte abraço.

Mariazita disse...

Não posso deixar de dizer, em primeiro lugar, que adoro esta música, já desde os tempos em que a nossa grande Amália cantava esta música com a letra de Mãe Preta.

O poema... ora, o poema é belo! Como sempre. E as imagens, lindas! Como sempre.

Beijinhos de boa noite.

Vieira Calado disse...

Simples e esbelto

o poema!

Um forte abraço

Ana Isabel disse...

..dizem as velhas da praia..
que não voltas..


São loucas! São loucas!

Lindo a valer


Abraço

Ana Isabel

Sonhadora disse...

Meu querido Poeta
Maravilhoso como sempre o seu poema.

sou fogo perdido
ateando o nada
cobrindo centelhas
nas cinzas que eu sou.

Parece que fala de mim.

deixo um beijinho
Sonhadora

Confesso disse...

Sou fogo perdido ateando o nada...

ÉS FOGO EM LABAREDAS PERFEITO A LANÇAR CENTELHAS INCENDIANDO, LEVANDO EMOÇÕES...

Beijos confessos...

SAM disse...

Loucura é toda esta beleza: fotos, poema e música. Maravilhosa loucura. Lindo, poeta.

Beijos, com carinho.

lita duarte disse...

Poeta,

Que beleza!
Versos fortes.

Beijos.

antonio - o implume disse...

As areias como o tempo esvaiem-se em nada...

Multiolhares disse...

Sempre procuramos na areia do deserto
o oásis que possa matar nossa sede,quando a loucura do sol queima a mente e não queremos ou nos deixa ver que afinal não somos cinzas levadas pelo vento, mas simples espólios do do que plantamos nas areias movediças do tempo

beijos nossos

gaivota disse...

são loucassssssssssss
enquanto as chibatas batiam no meu anor
mãe negra embalava o filho branco do senhor!!!!!!!!!
já ressascaste o "encarnado"???
chegou o papa e so colégios estão fechados
tenha as minhas crianças por aqui...
não estou aindaaaaaaaaaaaaaaa
aíiííííííííííííííííííííííiíííí
piliparesssssssssss

GarçaReal disse...

No areal que pisas, outra pegados seguem à tua frente...Por isso batalhas as areias na busca.

Adorei a musica...Já foi cantada e recantada, mas é sempre de uma beleza infinda

Bom resto de semana

bjgrandr do lago envolto em pilipares

FlorAlpina disse...

O poema? Sublime!
E as areias...melancólicamente belas...

Bjs dos Alpes

helia disse...

Lindo Poema , linda música ! Gostei muito.

Brilho da Lua disse...

Fogo perdido ateando o nada...

E eu sou fogo alimentado por chama de água fria.

Aryane Pinheiro.:

Daniel Costa disse...

Poetaeusou

É pisando o arel e olhando o mar, com os sonhos poéticos, irrequietos a sempre a brotar.
Daniel

Maria disse...

...sou fogo perdido, ateando o nada....tão simples mas tão belas palavras.
Tu_ poeta_que_és, como sabes brincar com elas!!!!
beijo

Dhebora Hevelin disse...

Olá, estou visitando!
Adorei seu blog, vou seguir e voltarei mais vezes...

Beijos ♥

Filó disse...

Poeta

Bonito poema com fotos de um areal condizente e música igualmente bela...

Beijinho amigo

Fa menor disse...

... e nessa areia: a marca das passadas, testemunho efémero de uma busca ou de um encontro.

Bjins

M. Lourdes disse...

Olá Poeta
Belo poema, como sempre.
Beijinhos
Lourdes

poetaeusou . . . disse...

*
Zélia Guardiano
,
Ruborizado fiquei,
obrigado amiga,
pelo colorido
das tuas palavras !
,
conchinhas,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Mariazita
,
Mãe preta,
um grito que
para o bem ou mal . . .
ninguém quis ouvir,
,
marés de respeito
deixo,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Vieira Calado
,
dito por um especialista,
fico orgulhoso !
,
Abraço,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Ana Isabel
,
Eu sei, meu amor,
Que nem chegaste a partir,
Pois tudo, em meu redor,
Me diz qu'estás sempre comigo.
Lááá lálááááá
,
Um mar de estima,
Fica,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Sonhadora
,
sinto o calor
do edredon-mar,
manto de peugadas
que banha a areia,
trilhos de presenças
esvaziando a saudade
de carências passadas .
,
conchinhas coloridas,
deixo,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Confesso
,
afogueado me sinto,
nas tuas palavras !
,
acalentadas maresias,
ficam,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
SAM
,
louco me deixas,
com os teus elogios,
srsrsrsr.
,
carinhosas maresias
ficam,
*

poetaeusou . . . disse...

*
lita duarte
,
grato fico, amiga,
,
brisas serenas, deixo,
*

poetaeusou . . . disse...

*
antonio - o implume
,
a erosão
do vai e vem das marés, é . . .
,
saudações,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Multiolhares
,
a beleza de um oásis.
feita extrema baixa-mar !
,
Beijos nossos,
*

poetaeusou . . . disse...

*
gaivota
,
Vou p'ró mar em rude lida
vou pescar, sou pescador
dia a dia arrisco a vida
p'ra firmar o nosso amor,
Ind'a o meu peito suspira
sinto em teu rosto o cansaço
não queiras dançar o vira
descança no meu regaço .
,
Pilipares ficam,
,
*

segredo disse...

Quem procura e nao encontra sente se perdido,morto...
Beijinho de lua*.*

poetaeusou . . . disse...

*
GarçaReal
,
cantadas buscas
nos recantos do encanto.
,
lagos de carinho
na realidade da vida,
deixo,
*

poetaeusou . . . disse...

*
FlorAlpina
,
areias de iodo,
irmãs das encostas alpinas,
,
conchinhas,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
helia
,
linda visão,
o que agradeço !
,
Conchinhas,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Brilho da Lua
,
água fria,
arrepia,
qualquer sonho !
srsrsrsr,
,
um mar de carinho,
deixo,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Daniel Costa
,
o areal da baixa-mar,
Irrequieta a sensibilidade !
,
um abraço,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Maria
,
palavras
são poemas esvoaçantes,
,
conchinhas de simpatia,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Dhebora Hevelin
,
a casa é sua, amiga,
,
grato pela visita,
,
conchinhas, deixo,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Filó
,
grato fiquei,
,
marés de amizade,
deixo,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Fa menor
,
passadas,
levadas,
no marejar das marés,
,
conchinhas nocturnas,
deixo,
*

poetaeusou . . . disse...

*
M. Lourdes
,
grato fico,
,
conchinhas coloridas,
deixo,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
segredo
,
Auto-procura,
a mais difícil busca I
,
brisas serenas, deixo,
,
*

Fernanda disse...

Amigo Poeta das Conchinhas!

"Eu sei meu amor que nunca chegaste a partir...."
sei a letra de cor.

O poema é fabuloso, sempre a melhor veia, a melhor onda.

Adorei andar sobre essa areia molhada.

Parabéns

Duarte disse...

As cinzas formam o rescaldo, que realmente é o que mais aquece...

Aquele abraço amigo

Amor feito Poesia disse...

Sede como os pássaros que, ao pousarem um instante sobre ramos muito leves, sentem-nos ceder, mas cantam! Eles sabem que possuem asas.

Victor Hugo

Feliz Noite .......Beijossssssss

Barbara disse...

...cobrindo centelhas...
(não percebo cinzas absolutas)

poetaeusou . . . disse...

*
Fernanda
,
Ná.
,
surfei
nas ondas
das tuas palavras,
encalhando
no areal da amizade,
,
marés luzentes, deixo,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Duarte
,
no borralho das areias,
renascem maresias de iodo,
aspergindo as marés-cheias !
,
Um abraço,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Amor feito Poesia
,
tenho os olhos rasados
de “ Odes e Poesias - 1882”
do (Libertário) . . . Victor Hugo !
,
asadas conchinhas, deixo,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Barbara
,
talvez Fénix
fosse uma fagulha
acobertada nas cinzas !!!
,
meigas conchinhas,
deixo,
*

Lilá(s) disse...

As areias, o mar sempre a inspirarem este poeta! tenho a mesma paixão só não faço poesia...é dom só de alguns.
Bjs

© Piedade Araújo Sol disse...

nas cinzas que eu sou
misturo-me com as
areias
e
assim ficamos
juntos
loucos
e
seguros!

belo poema!

beij

FERNANDINHA & POEMAS disse...

MEU QUERIDO POETA, FIQUEI TÃO FELIZ, COM A POSTAGEM DO BENFICA... QUE ESQUECI O RESTO....
VIVA O NOSSO BENFICA...ADORO-TE AMIGO...BEIJINHOS DE AMIZADE,
FERNANDINHA

poetaeusou . . . disse...

*
Lilá(s)
,
Poesia
é escrever
o que sentimos, sómente !
,
conchinhas,
deixo,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
© Piedade Araújo Sol
,
as tuas palavras
são areais sonoros
são vagas cantantes
num mar de loucura !
,
nocturnas conchinhas,
ficam,
*

poetaeusou . . . disse...

*
FERNANDINHA & POEMAS
,
Fernandinha,
,
Somos milhões e uma só alma
esta alegria de estarmos aqui
erguendo a voz solto a bandeira
ser do Benfica todos por ti
sou soooou sou soooou Benfiiiiiiiiiiiiiiiiica,
sou soooou sou soooou Benfiiiiiiiiiiiiiiica
,
um jino, fica,
,
*

São disse...

que no fim dessa busca encontres a realização dos teus sonhos, companheiro.

Fica bem.

mundo azul disse...

_________________________________

Muita beleza na tristeza dos seus versos, meu amigo...

Beijos de luz e o meu especial carinho!


___________________________________

"Cantinho Poético" disse...

Ousarei ser uma linda borboleta
pra sobrevoar sob seu jardim
adentrar sua janela
e tocar-te, suavemente
como quem diz:
Eu te adoro!
Verdadeiramente!
Vim até você
agora, voe até mim.

(Sirlei L. Passolongo)

Beijos & Flores.......Boa Noite!!

Pelos caminhos da vida. disse...

poetavcé... lindo poema.

beijooo.

poetaeusou . . . disse...

*
São
,
Amiga,
sendo a vida uma procura,
as buscas, eternas são,
,
procuradas conchinhas, ficam,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
mundo azul
,
a dualidade
da qual somos feitos . . .
,
brisas serenas,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
"Cantinho Poético"
,
As palavras que escolheste,
são mariposas esvoaçantes !!!
,
areais floridos
deixo-te,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Pelos caminhos da vida.
,
Sendo os poemas
de quem os lê,
gratificado me sinto !
,
eternas maresias, ficam,
,
*

Canduxa disse...

poeta,

as fotos são maravilhosas,

elas são loucas...

o poema é lindo!

deixo-te a minha paz e luz

poetaeusou . . . disse...

*
Canduxa,
,
a sã loucura,
tempera a vida !
,
brisas serenas,
,
*