março 12, 2009

>>>>>>>>>>>>>> o lago do beijo <<<<<<<<<


teus passos volantes
nas rochas serenas
rodopiam lendas
na valsa dos beijos,
salões cristalinos
acendendo incensos
escaldam os poros
nos braços cingidos,
silhuetas famintas
nas nuvens valsando
desnudam os corpos
fecundando os ventos,
poema e fotos:poetaeusou

64 comentários:

FERNANDA & POEMAS disse...

QUERIDO AMIGO ZÉ, BELAS FOTOS E UM POEMA SUBLIME, NÃO POSSO ESQUCER A LINDA MÚSICA, QUE NOS AQUECE A ALMA... UM GRNDE ABRAÇO DESTA TUA AMIGA DO CORAÇÃO,
FERNANDINHA

Multiolhares disse...

Em liberdade,
nas areias dispersas do mar,
silhuetas bailando
de braços abertos
ao fremito sentimento do amor

beijos nossos

LOURO disse...

Amigo poeta,

Lindas fotos e um poema de encantar...Parabéns!!!

Abraço,

Lourenço

gaivota disse...

ouve cá, apanhares a praia do norte com este mar... nem a pedido!
que é isto?!?!?!?
onde anda esse malandro desse nosso mar cão!?!?!?!?
o dia está assim... apetece dormir na areia, aí mesmo na nha praia do carapau, é só atravessar a marginal, dizer olá à francelina e estende a toalha da feira...
nem me atrevo a falar do teu poema!!!!!!!!!!!!!!!!
piliparessssssssssss

Teresa Durães disse...

e fecundando trazem a vida

poetaeusou . . . disse...

*
FERNANDA & POEMAS
,
linda
,
valsas
recheadas de beijos, envio-te,
,
*

Lena disse...

Que mar é esse ?
ai desse lado da Nazaré...
esta mesmo um encanto..
Musica, valsa...tudo de bom Poeta !

um beijo de ca
hoje esteve um dia de primavera, ja era bém preciso

Eduardo Aleixo disse...

Tudo lindo: poema, fotos e música. Bem-hajas.
Abraço.
EA

PS: lá consegui comprar " A Fenda na Muralha ", de Redol. Acho que estava lá esquecido na livraria da Europa- América...

poetaeusou . . . disse...

*
Multiolhares
,
Luna
,
frémitos de luz
em braços famintos
do cais do conforto
fonte de carinho
eterna nascente
almejado porto,
,
beijos nossos,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
LOURO
,
com a tua técnica natural,
fazias verdadeiras maravilhas,
clickes de obras primas,
,
um abraço, envio,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
gaivota
,
um miminho do mar,
,
um lago enorme,
a falar com um amigo
que tu conheces,
disse-me que há 30 anos
que não via este fenómeno,
a seguir ao Forno da Orca,
as nascentes do promontório
e as marés grandes formaram
este bonito lago,
,
pilipares irmã,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Teresa Durães
,
ao som
dos violinos mágicos,
,
conchinhas,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Lena
,
este lago não consegues
ver da tua Janela, srsrsr,
fica na praia do norte,
junto ao Farol,
encostado ás rochas,
bastante extenso e profundo,
deve desaparecer nas próximas
marés, voltando a aparecer o areal, ou talvez não . . .
,
hoje está um dia de verão,
24 graus e sem vento,
,
vou ao Sitio, cuscar o lago,
e fotar o sol-pôr,
,
um jino nas asas
do entardecer, daqui . . .
,
*

Justine disse...

A tua poesia tem o ritmo das marés. As tuas fotos fazem-me apetecer o mar.
Obrigada!

poetaeusou . . . disse...

*
Eduardo Aleixo
,
Eduardo
dei andamento ao prometido,
um amigo vai trazer-me do
Canadá, imagina, de uma
livraria de Portugueses,
,
Dá uma opinião, quando puderes,
,
um abraço,
,
*

Nilson Barcelli disse...

Belo poema caro amigo. Gostei muito.
E das fotos também, muito adequadas às tuas palavras.
Bom resto de semana.
Abraço.

Ana disse...

Os teus versos lêem-se à cadência desta belíssima música.

Escolha perfeita para um lindo poema.

Abraço

poetaeusou . . . disse...

*
Justine
,
as tuas palavras
são ondulantes maresias,
,
serenas conchinhas,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Nilson Barcelli
,
gratificado fiquei,
,
abraço,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Ana
,
registo as tuas,
ritmadas palavras,
,
conchinhas valsantes, envio,
,
*

Juani disse...

no sabes lo bien que me hace hoy ver tu mar, sentir su calidez, su paz, su tranquilidad.
hoy encontre paz en tu rincon
saluditos

paula barros disse...

Fotos bonitas, um lugar aconchegante.

Valsando beijos...achei muito bonito.

abraços

Menina do Rio disse...

Belas fotos! Rochas que abraçam o mar.

Pra ti deixo um beijinho ao entardecer

rosa dourada/ondina azul disse...

Um poema que encanta
quem o lê e quem o dança:)

Vamos dançar a valsa ?

conchinhas musicais,

Ana disse...

Posso adiciona-lo ao meu singelo blog?
Bjinho e obrigada pela gentileza.

Mai disse...

Passos em rochas serenas...
Terão sempre que ser passos firmes...
Belas imagens.
Gosto muito de sua fotografia.
O poema dispensa elogios, não, Poeta?

Carinho,

Mai

Duarte disse...

Tudo concorda, amigo Zé!
Estás feito um artista.
Boa eleição do tema musical para embelezar o que já por si é belo.
Gostei muito.

Abraços, de amizade

Ana Martins disse...

Caro amigo e poeta,
"...salões cristalinos
acendendo incensos
escaldam os poros
nos braços cingidos,.."

Grande musa a sua!!!!!!!!!!

Beijinhos,
Ana Martins

poetaeusou . . . disse...

*
Juani
,
olhar o mar,
é ver a Paz,
.
brisas de Paz, envio,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
paula barros
,
um mar de aconchegos,
oferece-te,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Menina do Rio
,
é ao entardecer,
que as maresias valsam o mar,
,
um jino
ao som dos violinos,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
rosa dourada/ondina azul
,
porque não “Sissi”
Romy Schneider,
do meu imaginário
vamos dançar
a valsa do Mar Azul,
no Salão Dourado e Rosa,
,
violinos de maresias, envio-te
,

*

poetaeusou . . . disse...

*
Ana
,
quanta honra, amiga,
,
conchinhas de gratidão, envio,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Mai
,
a firmeza do sentir,
,
com as tuas palavras
gratificado fiquei,
valsas de ternura, envio,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Duarte
,
Apenas e só,
a beleza da simplicidade,
,
O marulhar dos violinos,
no marejar das marés , , ,
,
um abraço amigo, deixo,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Ana Martins
,
a musa das marés
que no seu vai e vem,
sussurram com suavidade,
até logo amigo,
,
um jino pelos “ 21 “ ,
envio-te
,
*

neli araujo disse...

Que belo poema, poeta amigo!

Que lindas fotos!

Um abraço saudoso,

Neli

Chinha disse...

No escorrer da vida aparece a valsa dos beijos que dançada em braços cingidos mostra ao mundo o brilho de sentires envoltos em sonhos por realizar...

Bom fim de semana

bjinhos

Violeta disse...

mas a natureza é mesmo encantadora...

poetaeusou . . . disse...

*
neli araújo
,
um poema
é a alma de um poeta
um poema
é um amigo de quem o lê
um poema
é uma foto que nos toca
um poema
é a saudade de um abraço
,
brisas de amizade, envio,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Chinha
,
a vida
é uma valsa cingida
dançada com o olhar
que nos faz sonhar
e no sonho profundo
abarcar o mundo
de forma sentida
,
valsas de maresias
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Violeta
,
eu canto
do meu canto
a natureza
encanto
feito manto
de beleza,
,
suaves brisas,
,
*

gaivota disse...

o forno da orca assim... nem quando desareou aqui há uns 10 anos!
quem é esse amigo comum, meu irmão, entre tantos... um sabedor de mar e de gentes, tem que ser!
tanto marrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrr
(em caldas também estava imenso calor!)
piliparesssssss

gotadevidro disse...

No lago do beijo habita o lago do amor, banhado em serenas águas....

Beijinhos sãos sem doenças :):):)

Bom fim de semana

a guardiã disse...

pelo espelho celeste observo-te enquanto me dispo…
imagino-te envolto em mim, feito esperança,
e os teus braços enlaçam-me e envolvem-me…

uma onda de calor percorre-nos e aquece-nos,
embriagamo-nos com o amor, e os nossos corpos compõem poemas…
e assim vamos passando ao longo do tempo…

um beijo doce *

andorinha disse...

Serenidade dos lagos rodopiando na música e nas palavras. Momento de paz.
Um beijo, Poeta.

poetaeusou . . . disse...

*
gaivota
,
são
desta vez areou,
o mar fez um grande topo,
as ondas galgam
e formam um lago
entre o topo e Forno da Orca,
,
Estás nas Caldas ???
olha o Bordalo, hehehehe,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
gotadevidro
,
amiga
ai se soubesses,
fui hoje a uma farmácia,
para mim, um martírio,
(com receio de apanhar vírus
venho logo tomar um duche)
ouvindo uma conversa entre
duas jovens senhoras grávidas,
a explicarem os sintomas da
gravidez, começo a sentir o
mesmo que elas, dei-lhes a
minha vez, saio espavorido sem
saber o que fazer e quando estou
quase a entrar em transe, vem o
sublime pensamento . . .
ZÉ, isso nos homens é impossível,
oh que alivio !!! não rias, isto custa,
,
foi verdade acredita, srsrsrsrsr,
,
conchinhas de uma tarde linda,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
a guardiã
,
Templo do tempo,
tempo de amor aos poemas,
poemas envolvendo amor,
e que nos dão o calor,
de abraços cingidos
de mãos semeando
o carinho, amizade, ternura e amor,
sentimentos defendidos por ti,
a guardiã . . . do Templo,
,
um mar de jinos, envio-te
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
andorinha
,
serenos momentos
valsando a primavera
prenuncio da chegada,
do rodopio das andorinhas
,
jinos de paz, amiga
,
*

Eärwen Tulcakelumë disse...

Que a valsa dos beijos esteja sempre presente no teu coração. Lindo são os lagos.

Pérolas incandescentes de brisa do mar entrego em tuas mãos.

Eärwen

Zé Maria disse...

No fundo vamos todos caminhando, não é amigo Zé?

teus passos
volantes no tempo
escaldam silhuetas
no horizonte
sem ocaso...

Valeu, Poeta
Abraço amigo Zé

poetaeusou . . . disse...

*
Eärwen Tulcakelumë
,
grata amiga,
,
lagos de luz,
te envio,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Zé Maria
,
no fundo do tempo
os passos escaldados
evitavam ocasos
nas asas do vento,
,
abraço amigo,
,
*

~*Rebeca e Jota Cê *~ disse...

Eu sempre canto o amor praquela que me dar tudo. E esse amor é tudo aquilo mesmo que você disse. É bom receber elogios.

Alimentar na medida exata aquilo que tem fome, fecuda não só os ventos. Nem reticência, nem ponto final, há ali uma vírgula.

Até a próxima.

Jota Cê

-

Eduardo Aleixo disse...

Se bem percebi, mandaste vir o livro...do Canadá?
Sobre a opinião, refereste ao que pensarei do livro depois de o ler?
Se o Canadá falhar...não queres que tente em Lisboa? Pode ser...
Se falhar...possso mandar-to, emprestado...
Enfim, diz algo.
Eduardo

Silvia disse...

Belíssimo, a natureza é surpreendente... e você bela alma à nos dar este presente, na foto e no poema.

obrigada,
beijinho

UMA PAGINA PARA DOIS disse...

Pintura, imagem poética...
Poesia palavra pintada...
Uma, esboço de figura amada;
A outra, ténue palavra profética!

Pintura e poesia...
Imagem e palavra de sentimento
E de amor em utopia!

São o sonho que sonhei...
Quando, no Éden amei!

(FERNANDA & POEMAS)

Desejo a você um excelente final de semana com muito amor no coração
Abraços: Eduardo Poisl

poetaeusou . . . disse...

~*Rebeca e Jota Cê *~
,
voadas virgulas
fecundando as reticencias.
,
saudações,

*

poetaeusou . . . disse...

*
Eduardo Aleixo
,
não é isso . . .
o livro do Canadá era para ti,
já tens, vai para uma amiga,
tenho dois exemplares
um de 1959, 1ª Edição
oferta de um grande amigo
Tomézinho, presto-lhe homenagem,
já está no outro lado . . .
um outro 2ª edição de 1965,
os dois estão autografados
por Alves Redol que nos deixou em 69,
,
um abraço deixo,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
Sílvia
,
grato pelas
tuas palavras,
,
coloridas conchinhas
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
UMA PAGINA PARA DOIS
,
A minha amiga
Fernanda, merece
o teu fino gesto,
,
parabéns á Fernandinha,
,
parabéns pela tua escolha,
,
abraço,
,
*

kuandr disse...

Belo poema...

Muito bem descrito
parece-me uma historia muito bem vivida.

parabens


www.kuandr.blogspot.com

poetaeusou . . . disse...

*
kuandr
,
grato pela visita,
,
irei conhecer
o teu canto.
,
*****