fevereiro 01, 2008

>>>>>>>>> turvo olhar <<<<<<<<<


nas brumas do canto
de encantadas brisas
as maresias secretas
sedimentam aragens
névoas clandestinas
sopradas tormentas
vendavais cravados
nas vibrações perdidas
poema e fotos: poetaeusou

32 comentários:

ines disse...

gostei muito! Estou a ficar curiosa com a tua "nazaré"... há muito que não aí vou!

b&a, bfds

Sol da meia noite disse...

... talvez porque o que perdemos nos continua a escravizar...

Beijinhos

poetaeusou . . . disse...

*
ines
,
nazaré a minha musa.
meu mar, o meu desvairado amor.
neste espraiado e irreal olhar,
rochas de algas, ninfas, musas, sereias, mulher . . .
os sons no pililipar da gaivota,
atraído e encantado coral.
canto odores, sabores,puros amores.
,
conchinhas de iodo, deixo
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
sol da meia noite
,
é . . .
,
somos escravos de nós,
porque o sentimento de perda,
nunca se apaga, memoriza-se,
,
vaga de jinos,
,
*

Paula Raposo disse...

Gosto muito deste teu turvo olhar. É pacificador. Beijos.

poetaeusou . . . disse...

*
paula raposo
,
paulina
,
bem aventurados,
os pacificadores,
os perseguidos
os sedentes de justiça,
,
jino
,
*

Helena disse...

Nas tuas fotos oiço as ondas, batendo na falasia,
sinto a bruma molhando meus cabelos e a brisa entrando pela minha roupa
e sinto esse cheirinho salgado a maresia do mar.

um beijo, poeta

GarçaReal disse...

Encantadas brisas...

Brisas que por vezes povoam meu Lago...Brisas que levam teus poemas para afagar a alma.

Que Hiciste!

Uma Garça deixa pilipares para uma Gaivota.

Bjgrande aqui do Lago

multiolhares disse...

secretas vibrações
em aragens encantadas

beijos
nossos
luna

poetaeusou . . . disse...

*
Helena
,
sentes o mar, helena,
,
vagas de jinos,
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
GarçaReal
,
meu grato lago,
sereno abrigo,
dos meus poemas,
rasos de brisas,
que, "naquele" golpe de asa,
a minha gaivota,
deposita nas asas da tua garça,
,
pililipares em jinos, para vós,
*

poetaeusou . . . disse...

*
multiolhares
,
brisas em espera,
de secretos olhares,
em sopradas maresias,
,
beijos daqui
,
*

Menina do Rio disse...

Maresia...
adoro o cheiro.
Sinto...


Beijinho

poetaeusou . . . disse...

*
menina do rio
,
as ondas quebradas
espumando maresia
gaivotas, magia
fragâncias espraiadas
,
conchinhas
,
*

Suave Toque disse...

Ainda que você tenha vários defeitos, cometa erros, Não há pessoas iguais a você no palco da vida.
Se você nao existisse, o universo não seria o mesmo.
Um dia você foi premiado pelo Autor da existência, Deus! Seu prêmio? O MILAGRE DA VIDA.
Um alegre e feliz final de semana.
Beijo de carinho.

Maria Luar disse...

As fotografias são lindas mas gosto de te ver mergulhado no mar azul da Nazaré, por entre as ondas e as gaivotas.

Abraços de iodo

xi
*
****

gaivota disse...

o canto das pedras
a água da fontinha
as areias escaldantes
a prainha
a panela, o guilhim
o norte
o sul...
com sol, com "néuva
seja onde fôr,
Nazaré, meu amor...........
e vamos é curtir o carnaval!
não estou a mangar...
"eles são o roque e a amiga
o entrudo e o carnaval..."
beijinhos

poetaeusou . . . disse...

*
suave toque
,
no palco da vida,
temos que provar ,
especialmente a nós,
que merecemos o milagre da vida,
,
Conchinhas
,
*

Acordomar disse...

Poeta
Um bom carnaval, e diverte-te :))

As fotos sao mesmo deste tempo recente... farta de inverno :PP

Beijoca*

poetaeusou . . . disse...

*
Maria Luar
,
mergulhar,
nas ondas azuis,
num mar de gaivotas,
,
xi
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
gaivota,
,
e o s. Brás,
,
amanha,
,
conchinhas
*

poetaeusou . . . disse...

*
Acordomar
,
para tudo acabar,
na quarta-feira,
,
na próxima semana,
o tempo piora,
temos que "aguentar"
,
jokas
,
*

Pitanga disse...

Já acostumaste com o barulho do mar. Não te impede de dormir, quando ele se enfurece?

abraços

Maria disse...

Excelentes fotos, lindas palavras.......
vai haver aí cégada, ai vai vai......

FERNANDA & POEMAS disse...

Meu Querido Amigo Poeta, tudo de uma beleza sem par no seu conjunto!
Meu amigo;

Ser poeta é dar à vida,
uma festa colorida
com as cores da esperança,
ter uma fé infinita,
transmitir na sua escrita
mensagens de confiança.

Tem um lindo dia na tua vida...
Beijinhos de carino e amizade.

Fernandinha

poetaeusou . . . disse...

*
Pitanga
,
adormeço todos os dias,
ao som do seu marmujar,
ele nunca se enfurece,
eleva a sua voz,
marcando o seu território,
como nós, afinal . . .
,
conchinhas
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
maria
,
hoje é o s. brás,
vou lá cima,
ao chouriço assado,
,
inté
,
*

poetaeusou . . . disse...

*
FERNANDA & POEMAS
,
ser poeta,
é cantar o belo . . .
,
tens toda a razão,
,
fernandinha
vagas de poemas,
a imitar os teus, deixo-te
,
*

Eärwen Tulcakelumë disse...

Às vezes me faltam palavras para descrever a emoção de ler-te!

Pérolas incandescentes de vibrações de luz.

Eärwen

poetaeusou . . . disse...

*
Eärwen Tulcakelumë
,
gratificado, fico,
,
conchinhas
,
*

Um Momento disse...

Entre vendavais e neblina
Olhares se cruzam em névoa fina
Sentem a brisa que paira no ar
Beijam o tempo no seu turvo olhar:)

Beijo :))

(*)

poetaeusou . . . disse...

*
um momento
,
olhar,
para além das ... neblinas,
,
pedrinhas coloridas
,
*