outubro 08, 2007

>>>>>>>>> q u i m e r a <<<<<<<<<


dormidos olhares
meu barco procela
navegando parado
ao rumado horizonte
das nossas fantasias
quimera crepúsculo
flores ao anoitecer
em espraiada espera
nas barcaças do amor
poema e fotos: poetaeusou

54 comentários:

Maria disse...

Belo, apenas....
.... sem mais palavras.

Inté

Anónimo disse...

participe em www.luso-poemas.net

vai adorar

Sophiamar disse...

Sophia terá sempre as palavras que não sei dizer:

"Quando à noite desfolho e trinco as rosas
É como se prendesse entre os meus dentes
Todo o luar das noites transparentes,
Todo o fulgor das tardes luminosas,
O vento bailador das Primaveras,
A doçura amarga dos poentes,
E a exaltação de todas as esperas."

...o luar das noites transparentes...

beijinhos

Um Momento disse...

O barco ancorado
Na areia parado
Olha o mar
Sonhando-se a flutuar
Guarda com ele
Segredos suspirados
Por flores soprados outrora
Numa suave brisa de amor

Bom inicio de semana desejo:))
Beijo sorrindo

PS: Tenho uma mão cheinha de miminhos a te ofertar...
gostava que aceitasses um assim mesmo de coração"Luz de vida"
:)))
(*)

multiolhares disse...

O teu barco navegara sempre
No teu mar, tocando ou não o horizonte
De sonhos e fantasias sem espera nas barcaças,
braçadas de amor

beijos nossos

poetaeusou . . . disse...

*
maria
,
apenas . . . inté
*

poetaeusou . . . disse...

*
anónimo
*
registo,
*

poetaeusou . . . disse...

*
sophiamar
*
Os troncos das árvores doem-me como se fossem os meus ombros
Doem-me as ondas do mar
como gargantas de cristal
Dói-me o luar como
um pano branco que se rasga.
*
in)Sophia Breyner
*
jinos de mar
*

poetaeusou . . . disse...

*
um momento
*
dos teus olhos maravilha
cada olhar é um poema,
sobra para mim um dilema,
tu ou o sol, quem mais brilha ?
*
jinos
*

poetaeusou . . . disse...

*
multiolhares
*
navega barcaça
em sonhado mar
a ti . . . quero tocar
meu abrigo, me abraça
*
beijos daqui
*

GarçaReal disse...

Em barcaças do amor...navegando em altos mares com o sol por horizonte...


deixo


um bjgrande e... Real

poetaeusou . . . disse...

*
garçareal
*
oh mar alto, oh mar bravo,
quem te deu, tanta bravura,
continua tudo sem apelo nem agravo,
e a crise é grande e perdura,
*
isto tem a ver com quê ???
,
olha já está
,
bjino
*

Madalena Pestana disse...

Olá, Poeta. Passei no intervalo para a bica a dizer "olá"
Belas fotos tb. :)

bjs

poetaeusou . . . disse...

*
Madalena Pestana
*
Olá, amiga,
,
>e o sol brilhou<
,
bji
**

Sol da meia noite disse...

Muito bonito!

Mas porque temos sempre que esperar pelo amor?... Se é do que precisamos a cada momento...

Beijinhos!

poetaeusou . . . disse...

*
sol da meia noite
*
recordei alguem,
que escreveu assim,
*
amor, quando virás
ao meu encontro,
não sei
quem tu és,
nem sei
quem serás,
mau amor . . .
*
bjinos
*

GarçaReal disse...

Com a crise?
Com o mar bravo?

Mas com o mar assim...Não há barcaça que resista....E lá se vai o amor....


bjgrande ali do Lago

Maria P. disse...

Belo, sereno...e tanto mais.


Beijinho*m*

poetaeusou . . . disse...

*
hummmmmmmmmmmmm
tu sabes . . .
*
bjino
*

poetaeusou . . . disse...

*
maria p.
*
tranquilo . . .
*
ji
h
*

Papoila disse...

Nas barcaças do amor...
Espero calmas ondas
que embalem este meu sentir..

Beijinhos
BF

Sophiamar disse...

Meu barco caminha em busca de porto livre ondas as ondas não caiam abruptamente sobre os navegantes e onde o sol, a cada dia que passa,o cubra com os seus raios benevolentes. Quimera ou talvez não, em terno porto de abrigo se aninhará.

Beijinhos, poeta!

poetaeusou . . . disse...

*
papoila
*
sentido odor
em ondas que acalmam
e que nos embalam
na barcaça do amor
*
bjinos
*

poetaeusou . . . disse...

*
sophiamar
*
as livres quimeras
em rumo buscado
do porto abrigado
nas doces esperas
*
jino de mar
*

Luz&Amor disse...

Um barco, um imenso mar...
Tantas coisas...
Passando pra deixar um beijo e bons desejos pra semana.
Bjs

poetaeusou . . . disse...

*
Luz&Amor
*
barco, mar,
mar, sempre,
*
bons desejos pra semana.
*
Bjs
*

arealmar disse...

bacaças de amor ao por do sol
muito romantico
beijo

Entre linhas... disse...

As ondas acalmam e embalam as almas mais irrequitas.
Bom início de semana
Bjs Zita

MEU DOCE AMOR disse...

Vou fugir para esse horizonte....das realidades,onde abraçarei as minhas fantasias.

Vens?

Um beijo e deixo um copito de bagaço com mel..."homem revenido ,vale por dois"...ou por mais!

Mais um beijo

Mais outro

MEU DOCE AMOR disse...

Quero dizer PREVENIDO"

MEU DOCE AMOR disse...

Deixo mais um beijo

MEU DOCE AMOR disse...

E mais outro

poetaeusou . . . disse...

*
arealmar
*
nocturna
barcaça
*
bjino
*

MEU DOCE AMOR disse...

Passei para deixar mais um beijo:)

MEU DOCE AMOR disse...

Hummm....estás aí!!!!!!!

MEU DOCE AMOR disse...

:))))))vou.

poetaeusou . . . disse...

*
Entre linhas
*
Zita
*
ondulando
os sentimentos
*
Bjs
*

MEU DOCE AMOR disse...

Não vale hummmm....

MEU DOCE AMOR disse...

Ehehehe!!!!!

MEU DOCE AMOR disse...

Vou

poetaeusou . . . disse...

*
meu doce amor
*
1- fico com o mel . . .
2- prevenido, cuidado
3- e outro
4- e outro ainda
,
marés de jinos

Fernanda e Poemas disse...

Olá poeta, feliz te deixei, feliz te reencontro; Isso chama-se saber viver!!!
Quando dois corações batem em sintonia a vida é muito belo!
vê-se tudo com outros olhos, os olhos de dois seres apaixonados.
Querido amigo, que a vida te dê tudo o que mereces.
Muitos beijinhos!
Fernandinha

poetaeusou . . . disse...

*
meu doce amor
*
hehehehe
,
tambem, vou . . .
*
jinos
*

poetaeusou . . . disse...

*
fernanda e poemas
*
fernandinha
*
as agruras do real
as tais que fazem sofrer
num bocageano viver
fazemos por olvidar
num feliz reencontrar
com zombarias aos molhos
sorrindo de olhos nos olhos
na vida . . . e neste portal
*
vagas de beijos
*

helena disse...

Na tua embarcação encontro calma e serenidade

No meu horizonte estão os braços do mar

a minha espera

poetaeusou . . . disse...

*
helena
*
nos braços do mar
fantasiada quimera
feita real, a espera,
*

Dar de Vaia disse...

que importa olhar o mar
se só tens olhos pra ela
a isso se chama amar
não há vento nem procela

marés vivas

xi

poetaeusou . . . disse...

*
dar de vaia
*
P'ra mentira ser segura
e atingir profundidade
tem de trazer à mistura
qualquer coisa de verdade.
,
in) aleixo
*
xi
*

Dar de Vaia disse...

a verdade quando dita
sem grande cuidado e à toa
Parece palavra maldita
E até a alma magoa

marés vivas

poetaeusou . . . disse...

*
dar de vaia
*
uma alma na verdade
quando sai magoada
é uma palavra ditada
envolvida em maldade
*
xi
*

Dar de Vaia disse...

A vida que já levei
Se o mar um dia a contar
Até nem eu própria sei
Quanto tempo irei chorar

marés vivas

A COR DO MAR disse...

Cravos de jardim, com o sol escondido entre eles - Mto bonito.

ja viste que é o 3º post com o nr 50º ?

Beijoca

poetaeusou . . . disse...

*
dar de vaia
*
foi junto ao mar que chorei
com uma gaivota comovida
numa forma comedida
o meu tempo viverei
*
xi
*

poetaeusou . . . disse...

*
a cor do mar
*
nocturno cravo
*
jokas
*