maio 15, 2007

>>>>>>>>>cativa flor cativa-me<<<<<<<<<


flor cativante gradeada
cativada flor aprisionada
espinho de enclausurada flor
raiz caule folha flor prendida
flor fronteira amor grade tombada
alicia atrai fascina seduz presa flor
inconstante gradeamento meu amor
muralha arame visão atormentada
algemada flor em desejo orvalhado
quero - te das grades despojada
sorvidas gotas tua seiva beberia
quisesses tu minha cativa
e cativado por ti eu seria
poema e foto: poetaeusou

32 comentários:

luna e neptuno disse...

Com ternura, com carinho,as flores são colhidas depositadas em uma jarra e morrem,mas com amor podem viver eternamente pois as grades estão só de um lado, podemos saltar o gradeamento e as adorar eternamente sem essa visão algemada.
Fosse eu uma flor seria tua cativa para sempre.
beijos nossos
Luna

Chama Violeta disse...

Dizei muitas vezes ao dia:

“Eu Sou uma coluna de Fogo Violeta, um foco de luz da energia cósmica, que consome tudo o que é negativo”.

Beijos de luz e fica bem...

poetaeusou disse...

/
luna
/
tu és uma flor !!!
minha cativa, nunca,
queres cativar-me ???
tenta ...
/
beijo
/

poetaeusou disse...

/
chama violeta
/
é a minha cor preferida
mas ... fogo ???
/
jino
/

david santos disse...

It places fhoto of Madeleine in your bloggue


Missing Madeleine!
Madeleine, MeCann was abduted from Praia da Luz, Portugal on 03/03/07.

If you have any information about her whereabouts, please contact Crimestoppers on 0800555111 Please Help

poetaeusou disse...

/
david santos
/
ok
/
tank
/

Maria P. disse...

Lindo.

Bjinho.

MEU DOCE AMOR disse...

Uma flor cativa no teu coração?

Ou que cativa teu coração?

Ambas?

Cativa e que cativa?

Um beijinho doce cativo no teu coração

rosa dourada/ondina azul disse...

flor cativa, coração apaixonado,
flor liberta, coração aprisionado,

xi dourado

poetaeusou disse...

/
maria p.
/
força
/
jino
/

poetaeusou disse...

/
meu doce amor
/
cativo serei se:
/
jino
/

poetaeusou disse...

/
rosa dourada/ondina azul
/
cativo sou de:
rosado sol
dourada areal
ondin(h)as esverdeadas
azulado mar
/
algas mareantes
/

Sininho disse...

Gostei muito deste poema.
Embora tivesse de o ler com os óculos de sol...

A primeira frase é verdadeira.

Abrç»

Maria disse...

Ai flores ai flores de verde pino
se sabedes novas do meu amigo

**********************

Inté

poetaeusou disse...

/
sininho
/
capitoa ... mesmo, heim ...
/
estrelinhas do mar, para ti,
/

poetaeusou disse...

/
maria
/
ou
uma redoma
com uma flor
como tu ,,,,,,
/
inté
/

Isabel-F. disse...

as imagem que escolheste ilustram bem o teu poema ...
que me trouxe uma certa tristeza ... flores cativas atrás de redes ... nunca as tinha visto como tal ... mas sem dúvida que tens razão ...


beijinhos

Caçador de Palavras disse...

uma flor à vida, abraço

GarçaReal disse...

Liberta estão bela flor e vem aos meus -sonhos-

bjreal

Maria P. disse...

Obrigada.

Bjinho.

wind disse...

Um poema cheio de ritmo e com bom "jogo" de palavras:)
Beijos

sonhadora disse...

" ...e crescerei das fecundas terras ou da morte..."...
Beijinhos embrulhados em abraços

poetaeusou disse...

/
isabel.f.
/
cativeiro florido
/
bj
/

poetaeusou disse...

/
caçador de palavras
/
vida em flor
catarino.
/
abç
/

poetaeusou disse...

/
garçareal
/
sonhar
e
sonhar
com o teu olhar
/
abç
/

poetaeusou disse...

/
maria p
/
sempre aqui ...
/
jino
h
/

poetaeusou disse...

/
wind
/
linda
bigado
/
beijo
/

poetaeusou disse...

/
sonhadora
/
cresceremos
/
jinos
/

luna e neptuno disse...

quero cativar-te sem seres cativo, eu cativada por ti já estou.
jinhos nossos

poetaeusou disse...

/
LUNA
/
Já ??????????????
/
beijo
/

Sílvia disse...

Adoro essa palavra...CATIVAR...é tão cheia de tudo ;)

. A Mafalda não cantou a música da Nazaré...com muita pena minha porque a adoro :)

. "Ai flores ai flores de verde pinho..." eu canto essa música no Coro Académico.ihih.

****

poetaeusou disse...

/
silvia
/
a que mais gosto da mafalda
/
a distancia é um fogo
onde vou chegar
num abraço fechado
para te levar
por campos abertos
por onde puder
levar-te por dentro
para não te perder
nem com mil tormentas
que arrasem o mundo
em qualquer lado
onde quer que eu vá
levo no corpo o desejo
de te abraçar
em toda a parte
onde quer que o sonho me leve
hei-de lembrar-me de ti
por outros caminhos
hei-de vaguear
num abraço fechado
para te levar
e há uma canção
que um dia aprendi
eu hei-de cantá-la
a pensar em ti
em qualquer lado
onde quer que eu vá
levo no corpo o desejo
de te abraçar
em toda a parte
onde quer que o sonho me leve
hei-de lembrar-me de ti
/
jinos
/